Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1015
Tipo: Tese
Título: Estudo dos mecanismos envolvidos na adaptabilidade diferencial de dois begomovírus em tomateiro e Nicotiana benthamiana
Título(s) alternativo(s): Study of the mechanisms involved in the diferential adaptability of two begomoviruses to tomato and Nicotiana benthamiana
Autor(es): Alves Júnior, Miguel
Primeiro Orientador: Zerbini Júnior, Francisco Murilo
Primeiro coorientador: Lamêgo, Márcia Rogéria de Almeida
Segundo coorientador: Carvalho, Murilo Geraldo de
Primeiro avaliador: Zerbini, Poliane Alfenas
Segundo avaliador: Andrade, Eduardo Chumbinho de
Terceiro avaliador: Otoni, Wagner Campos
Abstract: Os begomovírus pertencem à família Geminiviridae, que inclui vírus com genoma de DNA circular de fita simples, encapsidado em partículas icosaédricas geminadas. Os begomovírus são transmitidos pela mosca-branca Bemisia tabaci, e causam doenças de grande importância econômica em diversas culturas, principalmente em regiões tropicais e subtropicais. No Brasil, um complexo viral composto por pelo menos oito espécies, incluindo o Tomato rugose mosaic virus (ToRMV) e o Tomato yellow spot virus (ToYSV), é responsável por grandes perdas na cultura do tomateiro. Os sintomas induzidos pelo ToYSV em tomateiro e Nicotiana benthamiana são mais severos e surgem mais cedo em comparação aos induzidos pelo ToRMV, o que sugere uma adaptação diferencial de cada vírus aos seus hospedeiros. Neste trabalho, foram conduzidos experimentos com o objetivo de analisar o papel de diversos fatores nessa adaptação diferencial. A cinética da infecção viral foi analisada em plantas nas quais a folha inoculada foi removida após diversos períodos de tempo. O acúmulo de DNA viral foi estimado em plantas infectadas, aos 14 e 28 dias pósinoculação (dpi). A replicação viral foi analisada em protoplastos, a 48 e 96 horas póseletroporação (hpe). O tropismo de tecido viral foi analisado por meio de hibridização in situ aos 14 dpi. Os resultados indicam que o ToYSV é mais eficiente durante os eventos iniciais (pré-infecção sistêmica) do ciclo de infecção, atingindo uma concentração maior e estabelecendo a infecção sistêmica mais rapidamente em relação ao ToRMV, tanto em tomateiro quanto em N. benthamiana. Em infecções mistas, o ToRMV interfere negativamente com o ToYSV durante os estágios iniciais da infecção, mas essa interferência cessa após o estabelecimento da infecção sistêmica. Ambos os vírus são restritos ao floema em tomateiro. Em N. benthamiana, o ToYSV invade o mesofilo, enquanto o ToRMV é restrito ao floema. Na infecção mista nesse hospedeiro, o ToRMV passa a infectar células do mesofilo. Em conjunto, esses resultados confirmam a hipótese de que o ToYSV é melhor adaptado a ambos os hospedeiros em relação ao ToRMV. Em tomateiro, essa melhor adaptação é expressa na forma de maior eficiência nos processos iniciais de infecção, permitindo que o ToYSV atinja maior concentração em um período de tempo mais curto, o que talvez leve a um maior acúmulo de fatores de virulência virais. Em N. benthamiana, a melhor adaptação é expressa também pela capacidade de invadir os tecidos do mesofilo.
Begomoviruses belong to the family Geminiviridae, which includes viruses with a circular, single-stranded DNA genome encapsidated in twinned icosahedral particles. Begomoviruses are transmitted by the whitefly Bemisia tabaci, and cause serious diseases in several economically important crops, mostly in tropical and subtropical regions. In Brazil, a viral complex comprising at least eight species, including Tomato rugose mosaic virus (ToRMV) and Tomato yellow spot virus (ToYSV), is responsible for great losses in tomato production. ToYSV symptoms in tomato and Nicotiana benthamiana are more severe and appear earlier compared to ToRMV, suggesting differential adaptation of each virus to their hosts. We performed a series of experiments in order to analyze the role of a number of factors in this differential adaptation. The kinetics of viral infection was analyzed in plants which had the inoculated leaf removed at various periods of time after inoculation. Viral DNA accumulation was estimated in plants at 14 and 28 days post-inoculation (dpi). Viral replication was analyzed in protoplasts at 48 and 96 hours post- electroporation (hpe). Viral tissue tropism was analyzed by in situ hybridization at 14 dpi. Results indicate that ToYSV is more efficient in carrying out the early (pre-systemic) events of infection, reaching a higher concentration and establishing a systemic infection sooner and more efficiently than ToRMV in both tomato and N. benthamiana. In mixed infections, ToRMV negatively interferes on ToYSV during these initial stages of infection, but once a systemic infection is established this negative interference ceases. Both viruses are phloem-restricted in tomato. In N. benthamiana, ToYSV invades the mesophyll, while ToRMV is phloem-restricted. During mixed infection in this host, ToYSV releases ToRMV from the phloem. We conclude that ToYSV is better adapted than ToRMV to both hosts. In tomato, this is expressed by its reaching a higher concentration in a shorter period of time, which may lead to a higher accumulation of viral virulence factors. In N. benthamiana, it is further expressed by its ability to invade mesophyll cells.
Palavras-chave: Geminivirus
Interação patógeno-hospedeiro
Geminivirus
Host-pathogen interaction
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOSSANIDADE::FITOPATOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Etiologia; Epidemiologia; Controle
Programa: Doutorado em Fitopatologia
Citação: ALVES JÚNIOR, Miguel. Study of the mechanisms involved in the diferential adaptability of two begomoviruses to tomato and Nicotiana benthamiana. 2008. 80 f. Tese (Doutorado em Etiologia; Epidemiologia; Controle) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1015
Data do documento: 29-Fev-2008
Aparece nas coleções:Fitopatologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,27 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.