Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/10375
Tipo: Tese
Título: Solos do manguezal da Baía de Guarapari – ES: mineralogia e fósforo como indicador de contaminação por esgoto doméstico
Mangrove soils of Guarapari Bay - ES: mineralogy and phosphorus as indicator of contamination by sewage
Autor(es): Rocha, Pablo de Azevedo
Abstract: O manguezal é um ecossistema costeiro, de transição entre o ambiente terrestre e marinho, característico de regiões tropicais e subtropicais e sujeito ao regime de marés. São formados às margens de baías, enseadas, barras, desembocaduras de rios, lagunas e reentrâncias costeiras, onde ocorre o encontro das águas dos rios com a água do mar. Devido à elevada densidade populacional no litoral e ao seu alto grau de urbanização e industrialização, os impactos antrópicos sobre os manguezais são intensos e diversificados. A pesquisa teve o objetivo de avaliar aspectos relacionados à contaminação do manguezal por efluentes domésticos, assim como discutir aspectos quanto à mineralogia de solos de manguezal e processos de neogênese de constituintes da assembléia mineralógica desses solos. Tendo como área de pesquisa a Reserva de Desenvol i e toà “uste t elà ‘D“ à Co haà D Ost as,à localizada no município de Guarapari-ES - Brasil. A RDS é constituída essencialmente de manguezais, com zoneamento de bosques típicos, compostos de Rhizophora, Avicenia e Laguncularia. A RDS também apresenta fragmentos de mata de tabuleiros e florestas não inundadas de restinga. O manguezal é uma importante zona de reprodução de diversas espécies de crustáceos e peixes, que são recursos naturais importantes para a região, uma vez que são utilizados pela população tradicional residente como fonte de alimento e renda. Para a avaliação de contaminação por esgoto, o fósforo foi utilizado como elemento traçador de alterações ambientais de origem antrópica, buscando associar a distribuição desse elemento com as características químicas e físicas do solo indicando sua origem - natural ou antrópica. Para tal, foram coletados solos em 12 setores da RDS, selecionados levando em consideração aspectos relacionados à vegetação, proximidade com áreas urbanas e características geomorfológicas. Houve a realização de análises granulométricas, área superficial específica (ASE), determinação de elementos como Fe, Ca, Al e P pelo método USEPA SW-3051 A, além de análises de rotina de química e física de solos. O tratamento estatístico através de análises multivariadas distinguiu áreas naturais e áreas com provável fósforo anômalo ao ambiente, proveniente de atividades antrópicas. Em relação aos aspectos mineralógicos o trabalho caracterizou química, física e mineralogicamente o silte e a argila do manguezal e dos solos do entorno, utilizando para isso análises de rotina química e física, extração de solução do solo e quantificação de íons por cromatografia iônica. Além de análises de ASE, difratometria de raios-X (DRX), espectroscopia de energia dispersiva de raios-X (EDX), microscopia eletrônica de varredura com detector de retroespalhamento acoplado ao espectrômetro de dispersão de raios-X (MEV-EDS) e espectroscopia no infravermelho com transformada de Fourier (FTIR). O conjunto dessas análises visou averiguar contribuição dos solos de tabuleiros na assembléia mineralógica dos solos de manguezal, além de analisar a neogênese de minerais silicatados e não silicatados. Os resultados obtidos para os solos de manguezal apontam para solos com presença de neogênese de minerais silicatados 2:1 (Montmorilonita) e não silicatados (Pirita). Os manguezais apresentaram solos ricos em Cl, Na, K, Ca e Mg, aspecto visto no complexo de troca e na solução do solo. Associado a estes aspectos estão os altos teores de matéria orgânica do solo (M.O.S), riqueza de material biológico silicoso (Espículas e diatomáceas), altos teores de Fe, advindos da erosão de solos de tabuleiros do e embasamento cristalino, além de grandes aportes de sulfato provenientes da água do mar. Estas características indicam um ambiente deposicional e acumulador, com condições favoráveis a presença de minerais autigênicos.
The mangrove is a coastal ecosystem, the transition between the terrestrial and marine environment, characteristic of tropical and subtropical regions and is subject to tidal regime. They are formed on the shores of bays, coves, bars, river mouths, lagoons and coastal indentations where is the meeting of the waters of the rivers with the sea water. Due to the high population density on the coast and its high degree of urbanization and industrialization, the human impact on mangroves are intense and diverse. The research aimed to evaluate aspects related to contamination of the mangrove for domestic wastewater, as well as to discuss aspects about the mineralogy of mangrove soils and neogenesis processes of constituents of the mineralogical assembly of these soils. With the research area Sustainable Development Reserve (RDS) Concha D'Oysters, located in the city of Guarapari-ES - Brazil. The RDS is primarily made up of mangroves, with zoning typical forests composed of Rhizophora, Avicenia and Laguncularia. RDS also features forest fragments table and forests not flooded sandbanks. It is an important area of reproduction of several species of crustaceans and fish, which are important natural resources for the region, since they are used by traditional resident population as a source of food and income. For the evaluation of contamination by sewage, phosphorus was used as a tracer element of environmental changes of anthropogenic origin, seeking to associate the distribution of this chemical element with the chemical and physical characteristics of the soil indicating its origin - natural and man. Soils were collected in 12 sectors of the RDS, selected taking into account aspects related to vegetation, proximity to urban areas and geomorphological characteristics. Particle size analysis, specific surface area (SSA) determination elements like Fe, Ca, Al and P at USEPA SW-3051 A method, as well as routine chemical analysis and physical soils. Were performed statistical analysis using multivariate analysis distinguished natural areas and areas with anomalous likely match to the environment from human activities. Regarding mineralogical work aspects characterized chemical, physical and mineralogical silt and clay mangroves and surrounding soils, using this chemical routine analysis and physical soil solution extraction was used to ions quantify by ion chromatography. In addition to analysis of ASE, diffraction X-ray (XRD), energy dispersive X-ray (EDX), scanning electron microscopy with backscatter detector coupled to dispersion spectrometer X-ray (SEM-EDS) and infrared spectroscopy Fourier transform spectroscopy (FTIR). This set of analyzes aimed to assess the contribution of table of soil in the mineralogical assemblage of mangrove soils, in addition to analyzing the neogenesis of silicate mineral and non silicate one. The results for the mangrove soils point to soils with presence of neogenesis of silicate minerals 2: 1 (Montmorillonite) and non-silicate (Pyrite). Mangroves had rich soils in Cl, Na, K, Ca and Mg aspect seen in the exchange complex and the soil solution. Associated with these aspects are high S.O.M content, rich siliceous biological material (spicules and diatoms), high levels of Fe, coming from tertiary and crystalline basement terrain, and large contributions sulfate from seawater. These features indicate depositional environment and accumulator, with favorable conditions for presence of authigenic minerals.
Palavras-chave: Solos - Poluição
Ecossistemas
Manguezais - Poluição
Minerologia do solo
Efluentes
CNPq: Ciência do Solo
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: ROCHA, Pablo de Azevedo. Solos do manguezal da baía de Guarapari – ES: mineralogia e fósforo como indicador de contaminação por esgoto doméstico. 2016. 90 f. Tese (Doutorado em Solos e Nutrição de Plantas) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/10375
Data do documento: 15-Jul-2016
Aparece nas coleções:Solos e Nutrição de Plantas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo3,41 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.