Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/10827
Tipo: Dissertação
Título: Nitrificação heterotrófica sob influência do uso e da acidez do solo
Influence of the management and acidity on heterotrophic nitrification
Autor(es): Valle Agostini, Marco Antonio
Abstract: O excesso de nitrato no solo favorece perdas que comprometem a eficiência da adubação nitrogenada e o acúmulo em aqüíferos. Embora a nitrificação seja intensamente estudada em solos de clima temperado, sabe-se que pode ser intensa em solos tropicais ácidos, com a participação de microrganismos heterotróficos. Assim, idealizou-se dois ensaios para quantificar a nitrificação autotrófica e heterotrófica em solos tropicais sob diferentes condições de uso, bem como avaliar o efeito do pH sobre a nitrificação por microorganismos autotróficos e heterotróficos. O primeiro ensaio foi conduzido com: i) Luvissolo sob mata Atlântica e em área com cultivo de cacau coletado em Itabuna-BA; ii) Latossolo Vermelho sob cerradão, plantio direto e cultivo convencional coletado em Sete Lagoas-MG; e iii) Latossolo Vermelho sob cerrado, eucalipto e pastagem coletado em Paraopebas-MG. O ensaio consistiu na incubação de amostras dos solos sem adição de N-NH 4+ ou com a adição de 200 mg kg -1 de N-NH 4+ , sendo que, para quantificar a nitrificação heterotrófica utilizou-se acetileno (1% v/v) como inibidor da atividade dos nitrificantes autotróficos. A incubação foi conduzida por um período de 28 dias, realizando-se avaliações aos dois, quatro, sete, 14 e 28 dias. Os tratamentos consistiram da combinação fatorial entre oito solos, duas doses de N-NH 4+ (0 e 200 mg kg -1 ), duas condições de incubação (com e sem acetileno) e cinco tempos de amostragens, sendo dispostos segundo o delineamento de blocos casualizados com três repetições. Os resultados mostraram que os microrganismos heterotróficos tiveram mportante papel na nitrificação natural. Com a adição de N-NH 4+ , a participação dos heterotróficos diminuiu enquanto que a dos autotróficos aumentou, sendo que a nitrificação global tendeu a se manter. A tendência de menor nitrificação em sistemas próximo ao estado de clímax não foi observada, exceto no Luvissolo. O Latossolo sob cerradão apresentou maiores taxas de nitrificação quando sob cultivo, seja plantio direto ou convencional, enquanto que o Latossolo sob cerrado apresentou menores taxas de nitrificação sob vegetação natural e eucalipto, resultado atribuído à baixa disponibilidade de nutrientes e a elevada acidez do solo. O segundo ensaio foi conduzido somente com os três solos sob vegetação natural (Luvissolo sob mata Atlântica e Latossolos Vermelho sob cerradão e cerrado), em arranjo fatorial de 3 x 3 x 2 x 5 (três solos, três fontes de nitrogênio, duas condições de incubação, e cinco níveis de acidez) com três repetições. Como fonte de nitrogênio, aplicou-se sulfato de amônio ou peptona, tendo como controle uma amostra sem adição de nitrogênio. Para quantificar a contribuição dos microrganismos autotróficos e heterotróficos, amostras foram incubadas na presença ou ausência de acetileno. Resultados inesperados foram obtidos com relação a atividades dos microorganismos heterotróficos em relação aos autotróficos em resposta ao pH, pois ambos responderam de forma semelhante sendo que as máximas atividades de nitrificação situaram-se próximo da neutralidade. Todos os solos responderam a adição de peptona como fonte orgânica de nitrogênio, exceto o Latossolo Vermelho sob cerradão.
The excess of nitrate in soils favors losses that commit the efficiency of the nitrogen fertilizer and may cause its accumulation in water. Although the nitrification is studied intensely in soils of temperate climate, it has been known that nitrification can be intense in acidic tropical soils, with the participation of heterotrophic microorganisms. This study conducted two experiments to quantify the autotrophic and heterotrophic nitrification in three tropical soils under different use conditions, and the effect of soil pH on nitrification activity of autotrophic and heterotrophic microorganism. The first experiment was conducted with: i) Alfisol under Atlantic forest and in area with cocoa; ii) Oxisol under "cerradão", conventional and no-till management; and iii) Oxisol under "cerrado", eucalyptus and pasture. The experiment consisted in a factorial arrangement of eight soils, two levels of N-NH 4+ (with or without NH 4 (SO 4 )), two incubation conditions and five samplings, disposed according a randomized block design with three replicates. To quantify the heterotrophic nitrification, samples were incubated with acetylene to inhibit the activity of autotrophic nitrifiers. The incubation was led by a period of 28 days, taking place evaluations at 2, 4, 7, 14 and 28 days. The heterotrophic microorganisms had important role in natural nitrification, without application of N-NH 4+ . In the potential nitrification, with the addition of N-NH 4+ , the participation of the heterotrophics decreased while the autotrophic nitrification increased. The expected lower nitrification in environments close to the climax was not observed, except in Alfisol. Oxisol under "cerrado" presented higher nitrification rates when under cultivation, while Oxisol under "cerrado" presented smaller nitrification rates under natural vegetation and eucalyptus, result attributed to the low fertility and high acidity of the soil. The second experiment was conducted only with three soil under native vegetation (an Alfisols under Atlantic forest and two Oxisols under "cerrado" and "cerrado"). A factorial arrangement of 3 x 3 x 2 x 5 (three soils, three source of nitrogen, two incubation conditions and five levels of acidity) with three replicates was applied to combine all factors. The three nitrogen sources were ammonium sulfate (as mineral source), peptone (as organic source), and the control (soil endogenous nitrogen). Acetilene was used to quantify the contribution of the autotrophic and heterotrophic microorganisms to the nitrification process. Unlike the expected result, the activity of the heterotrophics microorganism in pH near to neutrality increased, and the pH values for the maximum nitrification activity were similar to the pH soil values required by the autotrophic ones. In addition the peptone treatment did stimulate nitrification in all soils, except Oxisol.
Palavras-chave: Nitrificação Autotrófica
Nitrificação Heterotrófica
Acetileno
CNPq: Ciências Agrárias
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: VALLE AGOSTINI, Marco Antonio. Nitrificação heterotrófica sob influência do uso e da acidez do solo. 2003. 43 f. Dissertação (Mestrado em Solos e Nutrição de Plantas) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2003.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/10827
Data do documento: 29-Jul-2003
Aparece nas coleções:Solos e Nutrição de Plantas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,07 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.