Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/10841
Tipo: Tese
Título: Caracterização da unidade de amostra para avaliação da fertilidade do solo
Sample unit characterization for evaluation of soil fertility
Autor(es): Guarçoni Martins, André
Abstract: Uma população é composta por indivíduos, sendo que a amostragem correta dos indivíduos estima adequadamente as características da população. Porém, para a avaliação da fertilidade do solo, quem seriam os indivíduos solo (unidades de amostra) e qual sua dimensão? Os objetivos deste trabalho foram: estudar a influência do volume da amostra simples na determinação da variabilidade de características químicas da fertilidade do solo; definir a dimensão do indivíduo solo componente de determinada população, sob plantio direto ou sob plantio convencional antes ou depois da aração, visando à avaliação da fertilidade do solo e desenvolver um método de amostragem de solos, determinando o volume e o número de amostras simples, necessários à formação de uma amostra composta que caracterize o indivíduo solo (unidade de amostra). Para tanto, foram realizados três estudos: o primeiro, em casa de vegetação (três solos), o segundo e o terceiro no campo [três situações de manejo-coleta – plantio direto (PD), plantio convencional antes (PCAA) e depois da aração (PCDA)]. Nos dois primeiros estudos, foram coletadas amostras simples de solo com seis volumes diferentes (40, 90, 160, 360, 810 e 1.000 cm3), no intuito de obter-se o volume de amostra simples com o qual se estimasse a menor variabilidade das características avaliadas (pH, P, K, Ca2+ e Mg2+), utilizando-se, para tanto, análise de regressão. No terceiro estudo, utilizando o trado recomendado no segundo (5,4 cm de diâmetro), as amostras simples de solo foram coletadas sobre as semi-diagonais de cinco hexágonos delimitados sobre cada uma das áreas selecionadas para amostragem (PD, PCAA e PCDA). Os hexágonos de amostragem apresentavam 206,25 cm de lado e, em cada uma das seis semi-diagonais de cada hexágono, foram coletadas dez amostras simples de solo nas seguintes distâncias, a partir de uma amostra simples central, medidas até o centro do orifício de coleta: 12,5; 25,0; 37,5; 50,0; 75,0; 100,0; 112,5; 150,0 e 200,0 cm, sendo a amostra simples central comum às seis semi-diagonais. Foram determinados pH (H 2 O), os teores de P e K disponíveis e de Ca 2+ e Mg 2+ , H + Al, matéria orgânica e P-rem. As amostras simples foram agrupadas sucessivamente a partir do centro do hexágono, formando nove unidades de amostra: A (até 18,75), B (até 31,25), C (até 43,75), D (até 56,25), E (até 81,25), F (até 106,25), G (até 118,75), H (até 156,25) e I (até 206,25 cm). Foi realizada análise de regressão das médias e dos desvios-padrão das características avaliadas, em função das possíveis dimensões da unidade de amostra de solo. A partir dos resultados obtidos, pôde-se concluir que: a estimativa da variabilidade da maioria das características químicas da fertilidade do solo avaliadas foi, de maneira geral, muito semelhante entre o PD e o PCAA, sendo maior em ambos do que no PCDA; o aumento do volume das amostras simples, para uma mesma profundidade de coleta, reduziu a estimativa da variabilidade das características químicas da fertilidade avaliadas até valores que praticamente se estabilizaram, permitindo a recomendação de um trado com o diâmetro de 5,4 cm, a ser utilizado para a coleta de 20 amostras simples no PD (f = 20 %), 15 no PCAA (f = 20 %) e 10 PCDA (f = 10 %); para a caracterização do indivíduo solo (unidade de amostra), deve-se coletar 25 amostras simples, necessárias à formação de uma amostra composta representativa, num hexágono de 68,75 cm de lado com área de 1,228 m 2 .
A population is composed by individuals and a correct sampling is necessary for estimating accurately the characteristics of the population. However, for the evaluation of soil fertility, how should the soil individuals (sample units) and their dimensions be defined? The objectives of this work were: to study the influence of simple samples volume in the determination of soil fertility; to define the dimensions of the soil individual for a certain population, under direct planting (DP) or under conventional planting before (CPBP) and after plowing (CPAP), seeking the evaluation of soil fertility and the development of a soil sampling method, determining the volume and the number of simple samples necessary for the formation of a composed sample that characterizes the soil individual (sample unit). Three studies were accomplished: a greenhouse experiment (three soils), and two field experiments [three management-sampling situations–direct planting (DP), conventional planting before (CPBP) and after plowing (CPAP)]. In the first two studies, simple soil samples of six different volumes were ixcollected (40, 90, 160, 360, 810 and 1000 cm 3 ), aiming to obtain a sampling volume which resulted in the smallest variability of the studied characteristics (pH, P, K, Ca 2+ and Mg 2+), using regression analysis. In the third study, using the volume recommended in the second experiment, simple soil samples were collected along semi-diagonals of five hexagons delimited in each of the sampling areas (DP, CPBP and CPAP). The sampling hexagons had 206,25 cm sides and, along each one of the six semi-diagonals, in each hexagon, ten simple samples were collected in the following distances, starting from a central simple sample: 12,5; 25,0; 37,5; 50,0; 75,0; 100,0; 112,5; 150,0 and 200,0 cm. The central sample was common to the six semi-diagonals. The pH (H 2 O), available P and K levels, exchangeable Ca 2+ and Mg 2+ , H + Al, organic matter and P-rem were determined. The simple samples were grouped successively starting from the center of the hexagon, forming nine sample units: A (up to 18,75 cm), B (up to 31,25 cm), C (up to 43,75 cm), D (up to 56,25 cm), E (up to 81,25 cm), F (up to 106,25 cm), G (up to 118,75 cm), H (up to 156,25 cm) and I (up to 206,25 cm). Regression analyses of averages and standard deviations of the studied characteristics were evaluated in function of the dimensions of the soil sample unit. Based on the obtained results, it could concluded that: the estimate of the variability of most of the evaluated soil chemical characteristics was, in general, very similar in both DP and CPBP, being higher than in the CPAP; the increase of the volume of simple samples, for a same sampling depth, reduced the variability of the evaluated characteristics, allowing the recommendation of a 5,4 cm diameter auger, for the collection of 20 simple samples in DP (f = 20 %), 15 in CPBP (f = 20 %) and 10 in CPAP (f = 10 %); for the characterization of the soil individual (sample unit), 25 simple samples should be collected for the formation of a representative sample, in a hexagon of 68,75 cm of side and an area of 1,228 m 2 .
Palavras-chave: Solo
Variabilidade
Cracterísticas químicas
Unidade de Amostra
Amostragem
CNPq: Ciências Agrárias
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: Guarçoni Martins, André. Caracterização da unidade de amostra para avaliação da fertilidade do solo. 2004. 73 f. Tese (Doutorado em Solos e Nutrição de Plantas) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2004.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/10841
Data do documento: 18-Fev-2004
Aparece nas coleções:Solos e Nutrição de Plantas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo298,37 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.