Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/10878
Tipo: Dissertação
Título: Assimilação de CO2 em plantas de Sphagneticola trilobata (L.) Pruski tratadas com preparados homeopáticos
Assimilation of CO2 in plants of Sphagneticola trilobata (L.) Pruski negotiated with prepared homeopathic
Autor(es): Silva, Mara Rosane Batirola da
Abstract: O conteúdo da tese teve como objetivo avaliar a resposta da planta medicinal margaridinha (Sphagneticola trilobata (L.) Pruski), à preparados homeopáticos, quantificada pela assimilação de CO2. Os preparados homeopáticos testados foram: Apis mellifica nas dinamizações 1CH, 2CH, 3CH e 4CH, Aconitum, Arnica montana, Cactus grandiflorus, Crataegus oxyacantha, Digitalis purpurea e Gelsemium sempervirens na dinamização 1CH, no decorrer de 10 minutos. Sulphur e Apis mellifica 6CH no decorrer de 20 minutos. Os experimentos foram conduzidos na casa de vegetação e no Laboratório de Homeopatia do Departamento de Fitotecnia da Universidade Federal de Viçosa, Viçosa-MG. Na instalação e análise dos experimentos, utilizou-se o esquema em parcelas subdivididas no delineamento em blocos casualizados. A taxa de assimilação de CO2 foi determinada pelo equipamento IRGA. Foi feita a análise de variância, a análise de regressão e teste de médias dos dados, utilizando o programa estatístico SAS 8.0. As aplicações dos preparados homeopáticos causaram alterações na taxa fotossintética em plantas de margaridinha. As plantas tratadas com Apis mellifica 1CH, 2CH, 3CH e 4CH, apresentaram maior taxa fotossintética em relação à testemunha já nos primeiros minutos de determinação. Aconitum, Arnica, Cactus, Crataegus, Digitalis e Gelsemium causaram na assimilação de CO2 respostas análogas às respostas nos humanos. Estas homeopatias aumentaram a fotossíntese líquida e diferenciaram da testemunha. Nas plantas tratadas com Sulphur houve tendência de menor assimilação de CO2, sendo considerada patogenesia. O tratamento com Apis mellifica 6CH, aumentou a assimilação de CO2, exceto no minuto 17o, todavia o padrão de ritmo fotossintético foi mantido. Os resultados demonstraram que cada preparado homeopático interfere na assimilação de CO2 de forma diferenciada em função do tempo.
The content of the thesis had as objective to evaluate the answer of the medicinal plant margaridinha (Sphagneticola trilobata (L.) Pruski), to prepared her homeopathic, quantified by the assimilation of CO2. The prepared tested homeopathic was: Apis mellifica in the dinamizações 1CH, 2CH, 3CH and 4CH, Aconitum, Arnica montana, Cactus grandiflorus, Crataegus oxyacantha, crimson red Digitalis and Gelsemium sempervirens in the dinamização 1CH, in elapsing of 10 minutes. Sulphur and Apis mellifica 6CH in elapsing of 20 minutes. The experiments were driven at the vegetation house and in the Laboratory of Homeopathies of the Department of Fitotecnia of the Federal University of Viçosa, Viçosa-MG. In the installation and analysis of the experiments, the outline was used in portions subdivided in the delineamento in blocks casualizados. The rate of assimilation of CO2 was determined by the equipment IRGA. It was made the variance analysis, the regression analysis and test of averages of the data, using the HEALTHY statistical program 8.0. The applications of the mixtures homeopathic caused alterations in the rate photosynthetic in margaridinha plants. The plants negotiated with Apis mellifica 1CH, 2CH, 3CH and 4CH, they already presented larger rate photosynthetic in relation to the witness in the first minutes of determination. Aconitum, Arnica, Cactus, Crataegus, Digitalis and Gelsemium caused in the assimilation of CO2 answers similar to the answers in the humans. These homeopathies increased the liquid photosynthesis and they differentiated of the witness. The plants negotiated with Sulphur there was tendency of smaller assimilation of CO2, being considered pathogenesis. The treatment with Apis mellifica 6CH, increased the assimilation of CO2, except in the minute 17th, though the pattern of rhythm photosynthetic was maintained. The results demonstrated that each mixture homeopathic interferes in the assimilation of CO2 in way differentiated in function of the time.
Palavras-chave: Margaridinha
Taxa de assimilação
CO2
CNPq: Ciências Agrárias
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: SILVA, Mara Rosane Batirola da. Assimilação de CO2 em plantas de Sphagneticola trilobata (L.) Pruski tratadas com preparados homeopáticos. 2005. 54f. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2005.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/10878
Data do documento: 18-Fev-2005
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo454,67 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.