Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1141
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorMatos, Fábio Santos
dc.date.accessioned2015-03-26T12:43:38Z
dc.date.available2011-07-29
dc.date.available2015-03-26T12:43:38Z
dc.date.issued2010-10-20
dc.identifier.citationMATOS, Fábio Santos. Physiological characterization of senescence in populations Jatropha curcas L.. 2010. 58 f. Tese (Doutorado em Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.por
dc.identifier.urihttp://locus.ufv.br/handle/123456789/1141
dc.description.abstractNo atual contexto político, com o programa nacional de produção e uso do biodiesel, o pinhão manso torna-se extremamente importante por produzir óleo cujo biodiesel apresenta características semelhantes ao diesel de petróleo. Jatropha curcas L. (Euphorbiaceae) é uma espécie oleaginosa, conhecida popularmente como pinhão manso. É uma planta rústica, encontrada nas mais diversas condições e da foclimáticas. O pinhão manso é uma planta de grande valor econômico, sobretudo por suas sementes constituírem matéria-prima para a produção de óleo e obtenção do biodiesel. Estas características têm contribuído para o aumento da exploração comercial desta cultura, haja vista o crescente interesse por parte de produtores no seu cultivo. A planta é caducifólia, tolerante ao déficit hídrico, as folhas senescem e caem em parte ou totalmente quando termina a estação chuvosa ou durante a estação fria, quando entra em um período de repouso. Neste estado a planta permanece até o começo da primavera ou da estação chuvosa. Pouco se conhece sobre a bioquímica e a fisiologia do pinhão manso; não se conhece as reais causas da queda das folhas no outono que coincide com a estação seca em algumas regiões. O presente trabalho objetivou avaliar parâmetros morfológicos e fisiológicos em folhas de pinhão manso em senescência foliar sob condições controladas de irrigação. O experimento foi conduzido na Universidade Federal de Viçosa (UFV), Viçosa (20º45 S, 42°54 W, 650 m altitude), Minas Gerais, nos meses de março, abril, maio e junho de 2010. Foram utilizadas plantas de quatro populações (Janaúba 01, Janaúba 03, Janaúba 05 e Bonfim 06) silvestres de pinhão manso (Jatropha curcas L.). As plantas possuíam quatro anos de idade. Após a análise do solo, realizou-se a adubação e a correção do pH de acordo com recomendações técnicas para a cultura. Utilizou-se o modelo de parcelas subdivididas (Split Plot), seguindo o delineamento em blocos casualizados, com três repetições e parcelas de duas plantas. As plantas foram submetidas a regimes hídricos diferenciais: plantas diariamente irrigadas mantendo a umidade do solo próxima a capacidade de campo e plantas não irrigadas. As análises de trocas gasosas, pigmentos fotossintéticos, nitrogênio, crescimento vegetativo, teor relativo de água na folha e área foliar específica, foram realizadas de 10 em 10 dias entre 07-11 h da manhã. As populações ficaram na parcela, enquanto tempos de avaliação e irrigação ficaram na sub-parcela. Os dados meteorológicos foram acompanhados diariamente, utilizando um termômetro digital (umidade e temperatura do ar) e pluviômetro. A deficiência de nitrogênio e o déficit hídrico não foram as causas da senescência foliar no outono, nas condições de Viçosa-MG. Os resultados demonstram que a redução da temperatura mínima e o aumento da amplitude térmica foram determinantes para o desencadeamento do processo de senescência foliar em plantas de pinhão manso. As populações de Jatropha curcas L. avaliadas apresentaram baixa variabilidade. A irrigação do solo com objetivo de evitar queda das folhas de pinhão manso não é justificada, uma vez que o déficit hídrico não é a causa da senescência foliar nas condições de Viçosa-MG e sim a redução da temperatura mínima.pt_BR
dc.description.abstractIn the current political context, with the national program production and use of biodiesel, jatropha becomes extremely important for producing biodiesel oil which has characteristics similar to petroleum diesel. Jatropha curcas L. (Euphorbiaceae) is an oilseed species, commonly known as jatropha. It is a rustic plant, found in various climate conditions. Jatropha curcas is a plant of great economic value, especially for the seeds constitute the raw material for the production of oil and producing biodiesel. These characteristics have contributed to the increased commercial exploitation of this crop, given the growing interest by farmers in its cultivation. The plant is deciduous, drought tolerant, the leaves senesce and fall partly or completely when the rainy season ends or during the cold season, when it enters a period of rest. In this state the plant remains until early spring or rainy season. Little is known about the biochemistry and physiology of jatropha, no one knows the real causes of falling leaves in autumn to coincide with the dry season in some regions. This study aimed to evaluate morphological and physiological parameters in leaves of Jatropha curcas in leaf senescence under controlled irrigation. The experiment was conducted at the Federal University of Viçosa (UFV), Viçosa (20 º 45' S, 42 ° 54' W, 650 m altitude), Minas Gerais, in March, April, May and June 2010. Four populations (Janaúba 01, Janaúba 03, Janaúba 05 and Bonfim 06) plant were used Jatropha curcas L.. With plants four years old. Following soil analysis soil fertilization and pH correction were accomplished according technical recommendations for the crop. The split-plot model (Split Plot) was used following a randomized block design, with three replications of two plants. The plants were subjected to differential water regimes: irrigated plants daily maintaining soil moisture near field capacity and plants were not irrigated. Analyses gas exchange, photosynthetic pigments, nitrogen, vegetative growth, relative water content in the leaf and specific leaf area were performed each other 10 to 10 days period between 07-11 am. Plant populations consisted the plot, while evaluation time and irrigation were in the sub-plot. Meteorological data were monitored daily using a digital thermometer (humidity and air temperature) and a rain gauge. Nitrogen deficiency and water deficit were not the introducing causes of senescence in Autumn conditions Viçosa-MG. The results suggested that decreasing the minimum temperatures and the increasing of thermal amplitude were crucial for triggering the process of leaf senescence in plants of Jatropha curcas. The populations of Jatropha curcas L. evaluated showed low variability. Therefore, we concluded that soil irrigation in order attemate senescence of leaves of Jatropha curcas is not recomended, since water deficit was not the cause of leaf senescence under conditions of Viçosa-MG, that was affected by a reduction in minimum temperature.eng
dc.description.sponsorshipUniversidade Estadual de Goiás
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Viçosapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectOleaginosapor
dc.subjectTemperaturapor
dc.subjectDeciduidadepor
dc.subjectOilseedeng
dc.subjectTemperatureeng
dc.subjectDeciduousnesseng
dc.titleCaracterização fisiológica da senescência foliar em populações de Jatropha curcas L.por
dc.title.alternativePhysiological characterization of senescence in populations Jatropha curcas L.eng
dc.typeTesepor
dc.contributor.authorLatteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4718919H4por
dc.contributor.advisor-co1Cano, Marco Antonio Oliva
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4787546T4por
dc.contributor.advisor-co2Missio, Robson Fernando
dc.contributor.advisor-co2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4766079H6por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentPlantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita depor
dc.publisher.programDoutorado em Fitotecniapor
dc.publisher.initialsUFVpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIApor
dc.contributor.advisor1Dias, Luiz Antonio dos Santos
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4763137P6por
dc.contributor.referee1Müller, Marcelo Dias
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4705160Z1por
dc.contributor.referee2Oliveira, Lucimar Rodrigues de
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/9481467586868563por
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf887,88 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.