Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1157
Tipo: Tese
Título: Conservação pós-colheita de melão charentais tratado com 1-mcp e armazenado sob refrigeração e atmosfera modificada
Título(s) alternativo(s): Postharvest conservation of charentais type melons treated with 1-mcp and stored under refrigeration and modified atmosphere
Autor(es): Souza, Pahlevi Augusto de
Primeiro Orientador: Finger, Fernando Luiz
Primeiro coorientador: Alves, Ricardo Elesbão
Segundo coorientador: Cecon, Paulo Roberto
Primeiro avaliador: Sediyama, Maria Aparecida Nogueira
Segundo avaliador: Soares, Nilda de Fatima Ferreira
Abstract: Objetivando avaliar a vida útil pós-colheita de melão tipo Charentais (Cucumis melo L.) sob refrigeração, submetidos à aplicação pós-colheita de 1 MCP, associado ou não a atmosfera modificada (AM), foram conduzidos dois experimentos no Laboratório de Fisiologia e Tecnologia Pós-colheita da Embrapa Agroindústria Tropical em Fortaleza-CE, estudando características químicas e físicas de qualidade. Os frutos foram provenientes da Agroindústria Nolem Comercial Importadora e Exportadora Ltda, localizada no agropólo Mossoró Açu RN, Brasil. No primeiro experimento os frutos foram tratados com 600 nL·L-1 de 1-MCP, em seguida, metade desses frutos foram embalados em filmes plásticos X-tend®, mantendo-se frutos embalados sem aplicação de 1-MCP nas mesmas condições de armazenamento dos demais. Os melões foram armazenados por 27 dias sendo 21 dias (9 ± 1 ºC e 85 ± 5% U.R.), + 6 dias (25 ± 2 ºC e 70 ± 5% U.R.), simulando-se o período de comercialização, e avaliados nos seguintes tempos: 0, 7, 14, 21, 21+3 e 21+6 dias. O uso do 1-MCP, isoladamente, não se mostrou eficiente em manter a qualidade pós-colheita dos melões. A atmosfera modificada, isoladamente, foi eficiente em reduzir a perda de massa, manter melhor aparência externa e interna e maior ângulo Hue da casca, porém não sendo suficiente para retardar o amarelecimento dos frutos. Baseado na aparência externa, a vida útil pós-colheita dos frutos armazenados sob atmosfera modificada isolada e dos frutos tratados com 1-MCP e armazenados sob atmosfera modificada foi de 24 dias, enquanto que dos frutos tratados apenas com 1-MCP foi de 21 dias sob refrigeração. No segundo experimento os frutos foram tratados com 300 e 600 nL·L-1 de 1-MCP, em seguida, metade desses frutos foram embalados em filmes plásticos, mantendo-se frutos embalados sem aplicação de 1-MCP nas mesmas condições de armazenamento dos demais. Os melões foram armazenados por 21 dias sendo 14 dias (9 ± 1 ºC e 87 ± 5% U.R.) + 7 dias (22 ± 2 ºC e 70 ± 5% U.R.). Em função da aparência externa, a vida útil pós-colheita dos frutos armazenados sob atmosfera modificada, com ou sem tratamento inicial de 1-MCP foi de 21 dias, enquanto que dos frutos tratados inicialmente apenas com 1-MCP, foi de 19 dias. A aplicação do 1-MCP proporcionou redução na atividade respiratória e na produção de etileno, e maior retenção da firmeza da polpa, menor perda de massa e melhor aparência externa quando associado a atmosfera modificada. A atmosfera modificada, isoladamente, foi eficiente em reduzir a perda de massa e manter melhor aparência externa.
Aiming to evaluate the postharvest shelf life of Charentais type melon (Cucumis melo L.) under refrigeration, submitted to the postharvest application 1 MCP, associated or not to the modified atmosphere (AM), two experiments were carried out at the Laboratory of Physiology and Postharvest Tecnology of Embrapa Agroindústria Tropical in Fortaleza-CE, Brazil, studying chemical and physics quality characteristics. The fruits were originated from the Agroindústria Nolem Comercial Importadora e Exportadora Ltda, located at Mossoró Açu RN agropole, Brazil. In the first experiment the fruits were treated with 600 nL·L-1 of 1-MCP, half of those fruits was wrapped in X-tend plastic films (staying fruits wrapped without application of 1-MCP in the same conditions of the others). The melons were stored by 27 days being 21 days (9 ± 1 ºC and 85 ± 5% U.R.), + 6 days (25 ± 2 ºC and 70 ± 5% U.R.), being simulated the commercialization period, and evalueted in the following times: 0, 7, 14, 21, 21+3 and 21+6 days. The use of the 1-MCP, separately, was not shown efficient in maintaining the postharvest quality of the melons. The modified atmosphere, separately, it was efficient in reducing the weight loss, to maintain better external and internal appearance and larger peel Hue angle, however not being enough to delay the yellowish of the fruits. Based on the external appearance, postharvest shelflife of the fruits stored under isolated modified atmosphere and of the treated fruits with 1-MCP and stored under modified atmosphere it was of 24 days, while of the treated fruits just with 1-MCP was 21 days under refrigeration. In the second experiment the fruits were treated with 300 and 600 nL·L-1 of 1-MCP, half of those fruits was wrapped in plastic films, staying fruits wrapped without application of 1-MCP in the same conditions of storage of the others. The melons were stored by 21 days being 14 days (9 ± 1 ºC and 87 ± 5% U.R.) + 7 days (22 ± 2 ºC and 70 ± 5% U.R.). In function of the external appearance, postharvest shelflife of the fruits stored under modified atmosphere, with or without initial treatment of 1-MCP it was 21 days, while of the treated fruits initially just with 1-MCP, it was 19 days. The application of the 1-MCP provided reduction in the breathing activity and ethylen production, and larger flesh firmness retention, smaller weight loss and better external appearance when associated the modified atmosphere. The modified atmosphere, separately, it was efficient to reduce the weight loss and to maintain better external appearance.
Palavras-chave: Melão
1-metilciclopropeno
Atmosfera modoficada
Vida útil
Cucumis melo
Melon
1-methylcyclopropene
Modified atmosphere
Shelf life
Cucumis melo
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de
Programa: Doutorado em Fitotecnia
Citação: SOUZA, Pahlevi Augusto de. Postharvest conservation of charentais type melons treated with 1-mcp and stored under refrigeration and modified atmosphere. 2006. 161 f. Tese (Doutorado em Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1157
Data do documento: 28-Ago-2006
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,41 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.