Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1192
Tipo: Tese
Título: Boro, cultivar e local de cultivo afetam a produtividade de aquênios e óleo de girassol?
Título(s) alternativo(s): Boron, cultivar and growing conditions does affects the productivity of achenes and sunflower oil?
Autor(es): Silva, Fred Denilson Barbosa da
Primeiro Orientador: Berger, Paulo Geraldo
Primeiro coorientador: Dias, Luiz Antonio dos Santos
Segundo coorientador: Aquino, Leonardo Angelo de
Primeiro avaliador: Lima, Tricia Costa
Segundo avaliador: Araújo, Roberto Fontes
Abstract: Na cultura do girassol, a adubação com boro (B) tem sido decisiva na produtividade de aquênios e de óleo. A escolha da cultivar e da época de semeadura é fundamental para atingir altas produtividades de aquênios com óleo de melhor qualidade. Objetivou-se, com este trabalho, avaliar o estado nutricional, a produtividade de aquênios e o teor de óleo de três cultivares de girassol como variáveis de doses de B e de dois locais de cultivo (Januária- MG e Coimbra-MG). Foram realizados quatro experimentos. No primeiro experimento, aplicaram-se as doses de 0; 3; 6; 9 e 12 kg ha-1 de B. A cultivar utilizada foi a M-734. O delineamento foi em blocos ao acaso com quatro repetições. Os demais experimentos foram instalados em Coimbra-MG e em Januária-MG. Em Coimbra, o primeiro experimento foi realizado no período de março a agosto (Coimbra março/2010) e o outro de maio a setembro (Coimbra maio/2010). Em Januária, o experimento foi realizado no período de março a julho (Januária março/2010). As cultivares utilizadas foram BR-122/V2000, M-734 e MG-02. Nesse experimento as doses foram de 0 e 6 kg ha-1 de B. O delineamento experimental utilizado foi em blocos ao acaso com quatro repetições. O arranjo fatorial foi de 3 cultivares x 2 doses de boro nos três locais de cultivo. Foram avaliados os teores de N, P, K, Ca, Mg, S e B, Fe, Mn, Zn e Cu na folha e no aquênio, bem como o teor de óleo, a composição dos ácidos graxos da fração lípidica e o teor de proteína. Foram determinados a produtividade e a massa de mil aquênios e o rendimento do óleo. Para o experimento que determinou o teor crítico de B no solo e na folha, utilizou-se análise de regressão. No trabalho que avaliou o efeito das cultivares e das doses de B nos três ambientes aplicou-se o teste Tukey quando necessário. As doses de máxima eficiência técnica e econômica foram de 6,29 e 3,13 kg ha-1 de B, respectivamente. O nível crítico de B nas camadas de 0-20 cm e 20-40 cm do solo para obter a máxima eficiência econômica com a aplicação de B foi de 0,44 e 0,43 mg dm-3 de B, respectivamente. O nível crítico de B na folha índice com a dose de máxima eficiência econômica foi de 32,4 mg kg-1 de B. As doses de B não afetaram o teor de óleo, tampouco a composição dos ácidos graxos palmítico, esteárico, oleico e linoleico. A adubação com B aumentou o teor de K na folha índice no cultivo de Coimbra com semeadura em março e maio, independente da cultivar. A cultivar BR-122/V2000 apresentou maior teor de P na folha quando cultivada na presença da adubação com B. A média dos teores dos nutrientes na folha nos três experimentos seguiram a sequência decrescente para os macronutrientes K>N>Ca>Mg>P>S e para os micronutrientes Mn>Zn>B=Fe>Cu. As cultivares M-734 e MG-02 apresentaram maior produtividade de aquênios em Januária. Nos cultivos de Coimbra, as cultivares apresentaram produtividades similares. Nesse local, a semeadura em maio reduziu a produtividade de aquênios das cultivares. A cultivar BR122-V2000 aumentou o conteúdo de proteína sem comprometer o teor de óleo quando a temperatura do ar foi maior na fase de maturação. Essa cultivar dependeu de maior temperatura do ar para sintetizar mais ácido graxo oleico. A cultivar M-734 sintetizou maior teor de palmítico quando a temperatura do ar foi menor. A síntese de ácido graxo oleico e linoleico na cultivar MG-02 não variou com as condições de cultivo. A síntese do ácido graxo esteárico das cultivares não variou com as alterações da temperatura do ar. O cultivo em Januária com semeadura em março proporcionou maior teor de ácido graxo oleico. O maior percentual de ácido linoleico foi verificado em Coimbra na semeadura em março.
In sunflower cultivation, fertilization with boron (B) has been critical in the productivity of grain and oil. The choice of cultivar and sowing season is essential for attaining high yields of achenes with oil of better quality. This study aimed to evaluate the nutritional status, productivity of achenes and oil content of three sunflower cultivars as variable doses of B and two gowing sites (Januária-MG and Coimbra-MG). Four experiments were conducted. In the first experiment, were applied the doses of 0, 3, 6, 9 and 12 kg ha-1 of B. The cultivar used was the M-734. The experimental design was a randomized block with four replications. Other experiments were conducted in Coimbra-MG and Januária-MG. In Coimbra, the first experiment was carried out from March to August (Coimbra, March 2010)and the other from May to September (Coimbra, May 2010). In Januária, the experiment was carried out from March to July (Januária, March 2010). The cultivars used were BR-122/V2000, M-734 and MG-02. In this experiment, the doses were 0 and 6 kg ha-1 of B. The experimental design was a randomized block with four replications. The factorial was 3 cultivars x 2 doses of boron within three growing conditions. Nitrogen, P, K, Ca, Mg, S and B, Fe, Mn, Zn and Cu content were evaluated in the leaf, achene and oil, the fatty acid composition of the lipid fraction and protein content. The productivity and mass of a thousand achene and oil yield were determined. The regression analysis was used in the experiment which has determined the critical content of B in the soil and leaf. When appropriate, the Tukey test was applied in the work that assessed the effect of cultivars and B doses in three environments. The highest doses of technical and economic efficiency were 6.29 and 3.13 kg ha-1 of B, respectively. The critical level of B at 0-20 cm and 20-40 cm of soil for optimum economic efficiency through the application of B was 0.44 and 0.43 mg dm-3 of B, respectively. The critical level of B in the index leaf with the highest economic efficiency dose was 32.4 mg kg-1 of B. The doses of B did not affect the oil content, neither the fatty acid composition of palmitic, stearic, oleic and linoleic. Boron fertilization increased K content in the index leaf in Coimbra cultivation with sowing in March and May, regardless of cultivar. Cultivar BR-122/V2000 showed higher P content in the leaf when cultivated in the presence of B fertilization. Mean levels of nutrients in the leaf in three experiments followed the descending sequence for macronutrient K> N> Ca> Mg> P> S and micronutrient Mn> Zn> B = Fe> Cu. The cultivars M-734 and MG-02 showed higher productivity of achenes in Januária. In Coimbra cultivations, cultivars showed similar productivities. In this location, sowing in May reduced the productivity of achenes' cultivars. The cultivar BR122-V2000 increased protein content without compromising the oil content when the air temperature was higher in the maturity phase. This cultivar relied on higher air temperature to synthesize more oleic fatty acid. The cultivar M-734 synthesized higher content of palmitic when the air temperature was lower. The synthesis of oleic and linoleic fatty acid in cultivar MG-02 did not vary with growing conditions. The synthesis of stearic fatty acid of the cultivars did not vary with changes in air temperature. The cultivation in Januária with sowing in March increased the content of oleic fatty acid. The highest percentage of linoleic acid was observed in Coimbra, sowed in March.
Palavras-chave: Helianthus Annuus
Nutrição de plantas
Qualidade do óleo
Helianthus Annuus
Plant nutrition
Quality of oil
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de
Programa: Doutorado em Fitotecnia
Citação: SILVA, Fred Denilson Barbosa da. Boron, cultivar and growing conditions does affects the productivity of achenes and sunflower oil?. 2012. 79 f. Tese (Doutorado em Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1192
Data do documento: 17-Set-2012
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf661,1 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.