Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1206
Tipo: Tese
Título: Ação de silicato e conservação pós-colheita em raízes de mandioquinha-salsa (Arracacia xanthorrhiza Bancroft)
Título(s) alternativo(s): Silicate action and postharvest conservation in arracacha roots (Arracacia xanthorrhiza Bancroft)
Autor(es): Souza, Lilian Maria de Campos
Primeiro Orientador: Finger, Fernando Luiz
Primeiro coorientador: Souza, Caetano Marciano de
Segundo coorientador: Puiatti, Mário
Primeiro avaliador: Casali, Vicente Wagner Dias
Segundo avaliador: Ramos, Paula Acácia Silva
Terceiro avaliador: Pinto, Luciana Santos Rodrigues Costa
Abstract: Em mandioquinha-salsa, hortaliça de preço elevado ao consumidor, a manutenção da integridade física das raízes é importante na valorização dessa mercadoria. O presente trabalho teve como objetivos avaliar a capacidade de absorção de nutrientes minerais de duas cultivares de mandioquinha-salsa cultivadas com Agrosilício® ou com calcário e determinar os efeitos na conservação pós-colheita de raízes cultivadas com Agrosilício® ou calcário. Os tratamentos foram: T1- calcário dolomítico na dose de 1.000 Kg ha-1 (saturação por bases a 60%); T2-Agrosilício (Harsco Minerais), na dose de 1.000 Kg ha-1; T3 - Agrosilício, na dose de 2.000 Kg ha-1 (dobro da dose recomendada para calagem), incorporados uniformemente no solo. As touceiras foram arrancadas com enxadão, as raízes retiradas e conduzidas ao laboratório de pós-colheita/UFV. Pelo teor de Si absorvido pelas folhas e de acordo com a classificação proposta por Ma e Takahashi (2002), a mandioquinha-salsa pode ser considerada espécie ―intermediária‖ na acumulação de Si. O aumento da concentração externa de Si com o tratamento T3- silicato de cálcio e magnésio (2 ton ha-1), causou aumento da concentração do Si na parte aérea e raízes. O tratamento T3- silicato de cálcio e magnésio (2 ton ha-1) foi mais eficiente que T1- CaCO₃ dolomítico (1 ton ha-1) em aumentar a absorção de potássio na cultivar ‗Amarela de Carandaí . Na cultivar ‗Senador Amaral houve maior resposta com T1- CaCO₃ dolomítico (1 ton ha-1) em relação à cultivar ‗Amarela de Carandaí em aumentar o teor de potássio. As raízes da variedade ‗Amarela de Carandaí , cultivada com T1- calcário dolomítico (1 ton ha-1) e com o T3 - silicato de cálcio e magnésio (2 ton ha-1) tiveram perda linear de massa fresca das raízes, quando armazenadas a 4 e 8 ºC, durante 60 dias. O filme de PVC foi benéfico em manter baixa a taxa respiratória no T1 e no T3, e os açúcares acumulados durante a exposição ao frio não foram consumidos até os 60 dias de armazenamento. Nas raízes cultivadas com T1- calcário dolomítico (1 ton ha-1), a 4 ºC, houve aumento no teor de açúcares redutores em comparação à 8 ºC, indicando possível efeito da baixa temperatura no acúmulo dos açúcares redutores e a sensibilidade das raízes de mandioquinha-salsa ao frio.
In arracacha, vegetable of high final price, keeping the physical integrity of its roots is important to value this product. The objective of this work was to evaluate the absorption capacity of mineral nutrients of two plantations of arracacha grown with Agrosilício® or with lime (agricultural lime) and to determine the effects in the conservation postharvest of the roots grown with Agrosilício® or lime. The treatments were: T1 dolomitic lime in the dose of 1,000 kg ha-1 (saturation for basis at 60%); T2 - Agrosilício® (Harsco Minerais) in the dose of 1,000 kg ha-1; T3 Agrosilício® in the dose of 2,000 kg ha-1 (double the recommended dose for liming), evenly mixed to the soil. The clumps were dug out with a mattock, the roots were then removed and taken to the postharvest lab/ UFV. By the content of Si absorbed by the leaves and according to the classification proposed by Ma and Takahashi (2002), the arracacha can be considered an 'intermediate' species in the Si accumulation. The increase in the external concentration of Si with treatment T3 calcium silicate and magnesium (2 ton ha-1) led to the increase of the concentration of Si in the aerial parts and roots. The treatment T3 calcium silicate and magnesium (2 ton ha-1) was more efficient than T1 dolomitic CaCO3 (1 ton ha-1) at increasing the potassium absorption in the plantation ‗Amarela de Carandaí . In plantation ‗Senador Amaral had better response with T1 dolomitic CaCO3 (1 ton ha-1) compared to the plantation ‗Amarela de Carandaí at increasing the content of potassium. The roots of ‗Amarela de Carandaí kind, grown with T1 dolomitic lime (1 ton ha-1) and with T3 calcium silicate and magnesium (2 ton ha-1) had linear loss of fresh mass of the roots, when stored at 4ºC and 8ºC, for 60 days. PVC film was beneficial in keeping low the breathing rate of the roots in T1 and T3, and sugars accumulated during the cold exposure were not consumed up to 60 days of storage. The roots grown with T1 dolomitic lime (1 ton ha-1), at 4ºC had an increase in the content of reducing sugars in comparison with the 8ºC, indicating a possible effect of the low temperature in the accumulation of reducing sugars and the sensibility of the arracacha roots to cold.
Palavras-chave: Batata-baroa
Silício
Conservação pós-colheita
Fisiologia
Refrigeração
Potato baroa
Silicon
Postharvest conservation
Physiology
Refrigeration
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de
Programa: Doutorado em Fitotecnia
Citação: SOUZA, Lilian Maria de Campos. Silicate action and postharvest conservation in arracacha roots (Arracacia xanthorrhiza Bancroft). 2013. 99 f. Tese (Doutorado em Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1206
Data do documento: 24-Jul-2013
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,53 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.