Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1258
Tipo: Tese
Título: Armazenamento de cebola com utilização de sistema de ventilação e resfriamento artificial em silo de alvenaria
Título(s) alternativo(s): Storage onions with usc of ventilation and cooling artificial masonry silo
Autor(es): Ferreira, Ana Paula Sato
Primeiro Orientador: Finger, Fernando Luiz
Primeiro coorientador: Rêgo, Elizanilda Ramalho
Segundo coorientador: Pereira, Olinto Liparini
Primeiro avaliador: Medeiros, Eber Antonio Alves
Segundo avaliador: Vidigal, Sanzio Mollica
Terceiro avaliador: Moreira, Marialva Alvarenga
Abstract: O objetivo foi avaliar a conservação pós-colheita de bulbos curados de cebola 'Bola Precoce', armazenados em silos de alvenaria utilizando a técnica de ventilação e resfriamento artificial. Para se atingir o objetivo foram avaliados, em experimentos distintos: experimento l (Capítulo l e 2) - 400 kg de bulbos curados foram armazenados em sacos de polípropileno acomodados em galpão sendo o tratamento controle (Tl) e, os outros 400 kg foram armazenados em silo cilindro vertical, com l m de diâmetro e 1,5 m de comprimento, com fundo de chapa perfurada com um ventilador acoplado à entrada (T2). A taxa de aeração utilizada foi de 0,5 m3.min.m-3 determinado na saída do silo. O ventilador ficou ligado diariamente durante 12 horas no período noturno, a temperatura média dentro do silo foi de 23 °C medida todos os dias às 12:00 h; experimento 2 (Capítulo 3)- 400 Kg/silo de bulbos de cebola foram armazenados em silos cilindro vertical com l m de diâmetro e 1,5 m de altura, apresentando fundo de chapa perfurado com um equipamento refrigerador de ar acoplado na sua saída, desenvolvido pela empresa COOLSSED, reduzindo a temperatura em até 10 °C a temperatura ambiente, permanecendo ligado a cada dois dias pela manhã por 3 horas até a temperatura interna do silo atingir em média 15°C, sendo o controle o silo fechado à temperatura ambiente. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, sendo dois tratamentos e quatro épocas de análises (experimento l) e, duas épocas (experimento 2), com seis repelições, sendo utilizado um bulbo por repetição. As características avaliadas foram: alinase, pungência, perda de massa fresca, perda de massa seca, teor relativo de água interno e externo, carboidratos, compostos fenólicos, índice visual de dormência, coloração e identificação das podridões ocasionadas nos bulbos em ambos os experimentos. Em todos os tratamentos testados, tanto no expcrimento l quanto no experimento 2, houve aumento da atividade da alinase ao longo do armazenamento, ocorrendo assim, aumento da pungência, os bulbos se tomaram picantes ao final do armazenamento. Houve incremento da perda de massa fresca, índice visual de dormência ao longo do armazenamento em todos os tratamentos. Entretanto para compostos fenólicos, ocorreu decréscimo ao longo do armazenamento nos tratamentos dos experimentos l e 2, sendo que, nos bulbos resfriados (experimento 2) aos 21 dias de armazenamento, houve um aumento, isso deve ter ocorrido devido a presença de esporos fúngicos nas amostras analisadas. Conclui-se que o tratamento silo ventilado pode ser uma altemativa de baixo custo para o prolongamento da vida pós-colheita da cebola.
The goal of this work to evaluate the poslharvest onion bulbs cured 'Bola Precoce', stored in silos masonry using the technique of artificial ventilation and cooling. To achieve the objective were evaluated in separate experiments: experiment 1 (Chapter 1 and 2) - 400 kg of cured bulbs were stored in polypropylene bags shed being accommodated in the control treatment (Tl) and the other 400 kg were stored in a silo vertical cylinder with a diameter of 1 m and l.5 m in length, perforated bottom plate with a fan coupled to the input (T2). The aeration rate used was 0.5 m³.min.m-³ determined at the outlet of th silo. The fan was turned on for 12 hours daily at night, the average temperature inside the silo of 23 °C was measured daily at 12:00; experiment 2 (Chapter 3) - 400 Kg / silo onion bulbs were stored in silos vertical cylinder l m diameter and 1.5 m high, with bottom plate pierced with an equipment air cooler coupled at its output COOLSSED developed by reducing the temperature to 10 °C ambient temperature, staying connected to every other day in the morning for 3 hours until the internal temperature reaches the silo average 15 °C, and the silo closed to control the temperature. The experimental design was completely randomized with two treatments and four periods of analysis (experiment l) and two seasons (experiment 2), with six replicates. and used a bulb by repetition. The characteristics valuated were: alliinase, poignancy, weight loss, loss of dry mass, relative water content of intemal and external carbohydrates, phenolic compounds, visual index of dormancy, staining and identification of decay caused the bulbs in both experiments. In all treatments, both in experiment I and in experiment 2, there was increased activity of alliinase during storage, thus occurring, increased pungency, the bulbs become hot at the end of slorage. The increment of weighl loss, visual index of dormancy during storage in all treatments. However phenolic compound, there was a decrease during storage in trealments of experiments l and 2, and in bulbs colds (experiment 2) after 21 days of storage, there was an increase, it must be due to the presence of fungal spores in samples. We conclude that treatment can be a silo ventilated lowcost altemative to extending the shelf life of onions.
Palavras-chave: Allium cepa L.
Silos
Cebola - Armazenamento
Cebola - Fisiologia pós-colheita
Aspergilus niger
Mofo-preto
Allium cepa L .
Silos
Onion - Storage
Onion - Postharvest physiology
Aspergillus niger
Mold-black
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de
Programa: Doutorado em Fitotecnia
Citação: FERREIRA, Ana Paula Sato. Storage onions with usc of ventilation and cooling artificial masonry silo. 2013. 4 f. Tese (Doutorado em Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1258
Data do documento: 19-Abr-2013
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
resumo.pdf676,38 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.