Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/127
Tipo: Tese
Título: Fluxo de capitais de portfólio: efeitos sobre a economia brasileira sob o regime de câmbio flutuante
Título(s) alternativo(s): Portfolio capital flows: effects on the Brazilian economy during the floating exchange rate regime
Autor(es): Vieira, Norberto Martins
Primeiro Orientador: Campos, Antônio Carvalho
Primeiro coorientador: Santos, Maurinho Luiz dos
Segundo coorientador: Lima, João Eustáquio de
Primeiro avaliador: Carvalho, Fátima Marília Andrade de
Segundo avaliador: Fernandes, Elaine Aparecida
Terceiro avaliador: Mattos, Leonardo Bornacki de
Abstract: Em um contexto de grande mobilidade internacional de capitais de curto prazo, devido ao grande fluxo desse tipo de investimento direcionado à economia brasileira sob condições de juros favoráveis e tendo em vista sua retirada verificada nos períodos de crises internacionais ou choques desfavoráveis , o País pode se defrontar com uma reversão súbita do movimento desses capitais. A entrada excessiva de capitais de curto prazo na economia brasileira pode desencadear uma série de problemas, conduzindo à deterioração de importantes variáveis e relações macroeconômicas. O objetivo do trabalho foi analisar a respeito dos condicionantes e impactos do fluxo de capitais de curto prazo na economia brasileira em relação ao Risco-Brasil, diferencial entre juros nacional e internacional e taxa real de câmbio, particularmente, sob o regime de câmbio flutuante. Desse modo, dada a perspectiva de um modelo para economia aberta, procurou-se avaliar a importância da taxa real de câmbio para explicar as variações observadas no valor total das exportações brasileiras, bem como da renda externa e das exportações totais para as variações na renda nacional no período de 1999 a 2009. Inicialmente, a análise propõe-se a confirmar, a partir da não validação da hipótese da paridade descoberta, a possibilidade de obter ganhos com a operação de arbitragem de juros no Brasil. Essa hipótese sustenta a suposição da entrada de capitais no País. A metodologia utilizada baseou-se em um modelo Vetorial de Correção de Erro (VEC), que confirmou a rejeição da validade da hipótese da paridade descoberta da taxa de juros para o Brasil no período de abril de 1999 a outubro de 2009. Posteriormente, tendo como base a confirmação da possibilidade de obtenção de ganhos com arbitragem na economia brasileira, foi estimado um modelo de Vetores Autorregressivos Estruturais (SVAR) a fim de investigar a respeito dos condicionantes e impactos do fluxo de capitais de curto prazo em relação ao Risco-Brasil, diferencial entre juros nacional e internacional, e taxa real de câmbio na economia brasileira. A partir deste modelo, também foram testadas a importância da taxa real de câmbio para explicar as variações observadas no valor total das exportações brasileiras e da renda externa e das exportações totais para as variações na renda nacional. De acordo com os resultados, de maneira geral, o modelo especificado apresentou resultados coerentes com as pressuposições teóricas. Confirmou-se a hipótese que o aumento do risco associado ao país provoca uma fuga de capitais do país doméstico em busca de opções mais seguras para seu investimento. Além disso, pode-se concluir que o aquecimento da demanda internacional incentivou as exportações brasileiras no período. Confirmou-se a hipótese de que a entrada de capitais externos no Brasil resulta em valorização da taxa real de câmbio. Este resultado não é desejável uma vez que as exportações são um importante componente para a composição da renda interna brasileira. Contudo, o diferencial entre juros internos e externos não foi estatisticamente significativo contemporaneamente para explicar o fluxo de capitais de portfólio na economia brasileira. Da mesma forma, as relações contemporâneas entre a taxa real de câmbio e o valor total das exportações não foram estatisticamente significativas no período analisado.
In a context of a huge international mobility of short-term capital, Brazil could face an abrupt reversal on its external sector due to the intense flows of this type of investment towards the Brazilian economy. This statement is based on the existing volatility of the flows of foreign capital under favorable conditions of interest rates and under the perspective of withdrawals in periods of international crises or unfavorable shocks. Therefore, the excessive entry of short-term capital in the Brazilian economy could initiate a series of problems which would lead to the deterioration of important macroeconomic relations. The objective of this research is to analyze the determining factors and the impacts of short-term capital flows to the Brazilian economy taking into account the country risk, interest rate differentials between national and international financial markets, and the real exchange rate during the floating exchange rate regime. In this way, under the perspective of an open economy model, this study evaluates the importance of the real exchange rate to explain the observed fluctuations in the total value of Brazilian exports as well as the influence of the external income and total exports on national income fluctuations in the period of 1999 to 2009. First, the study tries to confirm the possibility of getting gains with the interest rate arbitrage in the Brazilian financial market through the non-validation of the uncovered parity hypothesis. The methodology was based in a Vector Error Correction Model (VEC), which confirmed the rejection of the validity of the uncovered parity hypothesis for the interest rate in Brazil in the period of April 1999 to October 2009. Then, based on the confirmation of possibility of getting gains with the arbitrage in the Brazilian economy, a Vector Autoregressive Model (SVAR) was estimated to investigate the determinant factors and the impacts of short term capital flows related to the country risk, interest rate differentials between national and international markets, and real exchange rate in the Brazilian economy. This model was also used to verify the importance of real exchange rate to explain the observed fluctuations in the total value of Brazilian exports and also the effects of fluctuations on foreign income and total Brazilian exports on national income. According to the results, the specified model has shown coherence with the theoretical assumptions. In this way, an increase in the country risk generates a capital outflow. Furthermore, it can be concluded that the growth of the international demand has positively affected Brazilian exports during this period. It was also confirmed the hypothesis that the entry of short term foreign capital in Brazil results in the appreciation of the real exchange rate. This is not desirable in an environment where exports are an important component for the composition of Brazilian income. However, the differential between domestic and foreign interest rates was not statistically significant to explain the flow of portfolio capital to the Brazilian economy. Similarly, the contemporary relationships between the real exchange rate and the total value of exports were not statistically significant in the period under consideration.
Palavras-chave: Capitais de portfólio
Câmbio flutuante
Economia aberta
Portfolio capital
Floating exchange
Open economy
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA::ECONOMIA INTERNACIONAL::BALANCO DE PAGAMENTOS; FINANCAS INTERNACIONAIS
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Economia e Gerenciamento do Agronegócio; Economia das Relações Internacionais; Economia dos Recursos
Programa: Doutorado em Economia Aplicada
Citação: VIEIRA, Norberto Martins. Portfolio capital flows: effects on the Brazilian economy during the floating exchange rate regime. 2010. 117 f. Tese (Doutorado em Economia e Gerenciamento do Agronegócio; Economia das Relações Internacionais; Economia dos Recursos) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/127
Data do documento: 9-Jul-2010
Aparece nas coleções:Economia Aplicada

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf686,47 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.