Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1315
Tipo: Tese
Título: Análise genética no melhoramento da macaúba
Título(s) alternativo(s): Genetic analysis in plant breeding of macaw palm
Autor(es): Manfio, Candida Elisa
Primeiro Orientador: Motoike, Sérgio Yoshimitsu
Primeiro coorientador: Santos, Carlos Eduardo Magalhães dos
Segundo coorientador: Dias, Luiz Antonio dos Santos
Primeiro avaliador: Resende, Marcos Deon Vilela de
Segundo avaliador: Bhering, Leonardo Lopes
Abstract: Objetivou-se identificar a variabilidade genética de alguns caracteres fenotípicos, estimar a diversidade genética e o número de medições necessárias (frutos) para avaliação de matrizes de macaúba. O trabalho foi desenvolvido no Departamento de Fitotecnia, da Universidade Federal de Viçosa, analisando-se os frutos de 145 matrizes de seis estados brasileiros, Minas Gerais, São Paulo, Maranhão, Pará, Pernambuco e Mato Grosso do Sul e plantas em fase juvenil de 51 progênies dos estados de Minas Gerais e São Paulo. Os resultados evidenciaram que houve variabilidade genética entre as 145 matrizes de macaúba, com elevada variação para a maioria das características avaliadas. As características que mais contribuíram para o estudo da diversidade genética foram à espessura do endocarpo, a o diâmetro de fruto, a o volume da amêndoa e o peso do fruto, para as 145 matrizes dos seis estados estudados. Estudando separadamente as 91 matrizes mineiras as características que mais contribuíram foram o volume do fruto, o volume da amêndoa e o diâmetro do fruto. Os métodos de agrupamento de Tocher e UPGMA agruparam as 145 matrizes em nove e 10 grupos. Quando analisadas apenas as 91 matrizes mineiras, estes mesmos métodos agruparam as matrizes em 17 e oito grupos. A composição dos grupos variou de acordo com os métodos estudados. Selecionando as 145 matrizes pelo método dos “ranks”, adaptado de Mulamba e Mock (1978), as 30 matrizes selecionadas foram: 81, 34, 42, 75, 10, 14, 22, 82, 24, 9, 65, 33, 15, 45, 78, 7, 6, 11, 13, 19, 64, 32, 67, 25, 29, 50, 16, 66, 74, e 76. As mesmas matrizes foram selecionadas quando se analisou apenas as 91 matrizes mineiras. Estudando as estimativas dos coeficientes de repetibilidade observou que quatro frutos são suficientes para avaliação das características dos frutos estudadas das matrizes de macaúba com coeficiente de determinação de 90%. Estudando as 51 progênies dos estados de Minas Gerais e São Paulo observou-se a existência de variabilidade genética. Os métodos de agrupamento de Tocher e UPGMA agruparam as 51 progênies em sete e quatro grupos, respectivamente. As 25 progênies selecionadas pelo método dos “ranks”, adaptado de Mulamba e Mock (1978), foram : 20, 16, 36, 9, 31, 26, 29, 12, 5, 39, 14, 21, 28, 3, 25, 4, 10, 34, 22, 48, 51, 6, 35 e 38.
The aim of this work was to identify the genetic variability of some characters phenotypic, genetic diversity and estimate the number of measurements necessary (fruit) for evaluation of matrices plants of macaw palm. The work was developed by the Department of Plant Science of Universidade Federal de Viçosa (Federal University of Viçosa, Brazil), analyzing the fruits of 145 matrices plant in six Brazil states, Minas Gerais, São Paulo, Maranhão, Pará, Pernambuco and Mato Grosso do Sul and juvenile plants of 51 progeniesfrom Minas Gerais and São Paulo states. The results showed that there was genetic variability among 145 macaw palm matrices plant with high variation for most traits. The traits that had most contributed to the study of genetic diversity were the thickness of the endocarp, the fruit diameter, the kernel volume, the fruit weight for 145 plant matrices of six states studied. Studying separately the 91 matrices plant of Minas Gerais states the traits that had most contributed were the fruit volume, the kernel volume, and fruit diameter. The clustering methods of Tocher and UPGMA grouped the 145 matrices plants in nine and 10 groups. When analyzed only de 91 matrices plans of Minas Gerais states, these same methods grouped the matrices plants in 17 and eight groups. The composition of each group varied according methods studied. Selecting the 145 matrices plant by method of “ranks” adapted from Mulamba and Mock (1978) the 30 matrices plant were selected were: 81, 34, 42, 75, 10, 14, 22, 82, 24, 9, 65, 33, 15, 45, 78, 7, 6, 11, 13, 19, 64, 32, 67, 25, 29, 50, 16, 66, 74 and 76. The same matrices plants were selected when analyzed only the 91 matrices plants of Minas Gerais states. Studying the estimative of repeatability coefficients the results showed that four fruits are sufficient to analyzed matrices plant of macaw palm with determination coefficient of 90%. Studying 51 progenies of macaw palm from Minas Gerais and São Paulo states the results showed existence of genetic variability. The clustering methods of Tocher and UPGMA grouped the 51 progenies in seven and four groups, respectively. The 25 progeies selected by the method of "ranks," adapted from Mulamba and Mock (1978) were: 20, 16, 36, 9, 31, 26, 29, 12, 5, 39, 14, 21, 28, 3, 25, 4, 10, 34, 22, 48, 51, 6, 35 and 38.
Palavras-chave: Diversidade genética
Repetibilidade
Acrocomia aculeata
Genetic diversity
Repeatability
Acrocomia aculeata
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA::MELHORAMENTO VEGETAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me
Programa: Doutorado em Genética e Melhoramento
Citação: MANFIO, Candida Elisa. Genetic analysis in plant breeding of macaw palm. 2010. 65 f. Tese (Doutorado em Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1315
Data do documento: 2-Ago-2010
Aparece nas coleções:Genética e Melhoramento

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,92 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.