Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1431
Tipo: Tese
Título: Tratamento de defeitos críticos em calvária de camundongos com células-tronco mesenquimais associadas ou não ao plasma rico em plaquetas
Título(s) alternativo(s): Treatment of critical defects in mice calvarial with mesenchymal stem cells associated or not with platelet-rich plasma
Autor(es): Monteiro, Betânia Souza
Primeiro Orientador: Carlo, Ricardo Junqueira Del
Primeiro coorientador: Salcedo, Joaquín Hernán Patarroyo
Segundo coorientador: Viloria, Marlene Isabel Vargas
Primeiro avaliador: Nardi, Nance Beyer
Segundo avaliador: Paula, Sérgio Oliveira de
Abstract: O tecido ósseo é um tecido dinâmico continuamente submetido à processos de remodelação importantes para a manutenção da homeostase tecidual e reparação dos microtraumas aos quais submete-se diariamente. Essa reparação é um processo complexo que envolve quimiotaxia e adesão de células indiferenciadas e jovens à matriz óssea desmineralizada e seqüente proliferação e diferenciação em osteoblasto, seguida por uma fase de organização e estruturação do tecido formado. A participação de proteínas regulatórias coordenando a biologia celular e molecular da osteogênese está cada vez mais evidenciada na literatura e dentre essas proteínas, destacam-se os fatores de crescimento produzidos e liberados pelo plasma rico em plaquetas (PRP) e pelas células-tronco mesenquimais (MSC). As perspectivas de estabelecer terapiascelulares utilizando o PRP e as MSC para tratar tecidos lesados e/ou com pequena capacidade de regeneração são promissoras e estudos clínicos estão sendo realizados, apresentando resultados muito animadores. O presente trabalho objetivou avaliar a contribuição das MSC utilizadas de forma isolada e associadas ao PRP nos processos de reparação óssea de defeitos críticos produzidos em calvária de camundongos isogênicos C57BL/6. Foram avaliados quatro grupos experimentais, cada grupo contendo 12 camundongos, que receberam tratamentos distintos com pellet de MSC, gel de plaquetas, associação MSC/PRP e um grupo que não recebeu tratamento. Foram realizadas avaliações macroscópicas, estatísticas, microscópicas e moleculares e constatou-se que o emprego das MSC derivadas da medula óssea de camundongos C57BL/6 gfp+, associadas ou não com PRP e a aplicação do gel de plaquetas de forma isolada, aplicados em defeitos ósseos críticos produzidos em calvária de camundongos jovens contribuem positivamente para o processo de reparação óssea. Dentre os tratamentos realizados observa-se que os resultados obtidos nos grupos que utilizaram as MSC isoladamente ou associada ao PRP são similares e melhores, seguido pelo grupo tratado com PRP isolado, e por fim, grupo controle.
Bone tissue is continuously subjected to dynamic remodeling processes that are important for tissue homeostasis maintenance and micro injuries repair. This repair is a complex process that involves chemotaxis and adhesion of undifferentiated and young cells to demineralized bone matrix and sequential proliferation and differentiation of osteoblasts, followed by a phase of organization of the formed tissue. Literature evidences the participation of regulatory proteins coordinating the cell and molecular biology of osteogenesis and among these proteins are the growth factor produced and released by platelet-rich plasma (PRP) and the mesenchymal stem cells (MSC). Prospects of establishing cell therapies using the PRP and the MSC to treat injured tissues and/or with little capacity for regeneration are promising and clinical studies are being conducted, showing very encouraging results. This study evaluated the contribution of MSC used isolated and associated with platelet-rich plasma in the bone repair processes of critical defects produced in calvarial of isogenic mice C57BL/6. Four experimental groups were evaluated, each group containing 12 mice that received different treatments with MSC pellet, platelets in gel, association of MSC/PRP and a group didn t received treatment. Macroscopic, statistics, microscopic and molecular evaluations were realized and demonstrated that there was positive contribution for repairing bone critical defects produced in calvarial of young mice treated with mesenchymal stem cells (MSC) derived from bone marrow of mice C57BL / 6 GFP +, isolated and associated with of PRP, and platelet in gel isolated. Among all the realized treatments the better results were obtained in the groups that used MSC alone or combined with PRP, followed by the group treated with PRP alone, and finally, the control group.
Palavras-chave: Células-tronco mesenquimais
Reparação óssea
Camundongos
Mesenchymal stem cells
Bone repair
Mice
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::CLINICA E CIRURGIA ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Biotecnologia, diagnóstico e controle de doenças; Epidemiologia e controle de qualidade de prod. de
Programa: Doutorado em Medicina Veterinária
Citação: MONTEIRO, Betânia Souza. Treatment of critical defects in mice calvarial with mesenchymal stem cells associated or not with platelet-rich plasma. 2009. 126 f. Tese (Doutorado em Biotecnologia, diagnóstico e controle de doenças; Epidemiologia e controle de qualidade de prod. de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2009.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1431
Data do documento: 10-Jun-2009
Aparece nas coleções:Medicina Veterinária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,66 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.