Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/14586
Tipo: Artigo
Título: Characterization of tropical forage grass development pattern through the morphogenetic and structural characteristics
Autor(es): Rodrigues, Carlindo Santos
Nascimento Júnior, Domicio do
Silva, Sila Carneiro da
Silveira, Márcia Cristina Teixeira da
Sousa, Braulio Maia de Lana
Detmann, Edenio
Abstract: An experiment was carried out with the objective to evaluate growth pattern of tropical forage grass under free growth by using morphogenetic and structural characteristics with the expectation of using this study for forage grass evaluation protocol. The experimental area was established with two cultivars of Panicum maximum Jacq. (Mombaca and Aruana), a hybrid cultivar of P. maximum Jacq. and P. Infestum BRA-7102 (Massai), two cultivars of Brachiaria brizantha (A. Rich.) Stapf (Marandu and Xaraes) and Molasses grass (Melinis minutiflora Beauv.) and jaragua grass (Hyparrhenia rufa (Nees) Stapf.). The grasses were planted in 1.0-m2 experimental units with 24 plants arranged in a completely randomized block design with three replications. Growth pattern of the grasses was evaluated through mass development, tiller mortality, development stage and leaf longevity. Development patterns differed significantly among groups of grasses, indicating that the same available resources can be used in different manners by grasses from the same genus and/or species.
Um experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar o padrão de desenvolvimento de gramíneas forrageiras tropicais em crescimento livre por meio das características morfogênicas e estruturais, com expectativa de uso desse estudo no protocolo de avaliação de gramíneas forrageiras. A área experimental foi estabelecida com dois cultivares de Panicum maximum Jacq. (Mombaça e Aruana), um cultivar híbrido de P. maximum Jacq. e P. infestum BRA-7102 (Massai), dois cultivares de Brachiaria brizantha (A. Rich.) Stapf (Marandu e Xaraés) e com os capins gordura (Melinis minutiflora Beauv.) e jaraguá (Hyparrhenia rufa (Nees) Stapf.). As gramíneas foram plantadas em unidades experimentais de 1,0 m2 com 24 plantas arranjadas em delineamento de blocos completos casualizados com três repetições. O padrão de desenvolvimento das gramíneas foi avaliado por meio do desenvolvimento de massa, da mortalidade de perfilhos, do estádio de desenvolvimento e da longevidade foliar. Os padrões de desenvolvimento diferiram significativamente entre os grupos de gramíneas, e isso indica que os mesmos recursos disponíveis podem ser usados de maneira diferente por gramíneas de mesmo gênero e/ou espécie.
Palavras-chave: Ecophysiology
Grass evaluation
Morphogenesis
Multivariate analysis
Editor: Revista Brasileira de Zootecnia
Tipo de Acesso: Open Access
URI: http://dx.doi.org/10.1590/S1516-35982011000300009
http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/14586
Data do documento: 27-Ago-2010
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
09.pdftexto completo360,31 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.