Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/15370
Tipo: Artigo
Título: Área foliar e biomassa de plantas intactas e de brotações de plantas jovens de clone de eucalipto em sistemas agrossilvipastoris
Autor(es): Oliveira, Carlos Henrique Rodrigues de
Reis, Geraldo Gonçalves dos
Reis, Maria das Graças Ferreira
Xavier, Aloisio
Stocks, Jonathan James
Abstract: A área foliar e a biomassa de plantas intactas de eucalipto foram comparadas com brotações de plantas jovens visando obter madeira para a produção de carvão vegetal em sistemas agrossilvipastoris, no espaçamento de 9,5 x 4,0 m. Utilizaram-se duas idades de decepa (9 e 12 meses após o plantio), três intensidades de desbrota (sem desbrota e desbrota para dois ou três brotos por cepa) e duas idades de desbrota (6 e 9 meses após a decepa), em delineamento experimental inteiramente casualizado, com três repetições. A área foliar e a biomassa da parte aérea das brotações/cepa e das plantas intactas foram avaliadas trimestralmente a partir da decepa. Aos 12 e 15 meses após a decepa, a área foliar total das brotações/cepa da decepa aos 9 meses, sem desbrota, foi, respectivamente, 17% e 24% maior do que a das plantas intactas que se encontravam com 24 meses, e a biomassa de caule dessas brotações, aos 15 meses de idade, foi 19% maior que a das plantas intactas. Esses resultados indicam que, com a adoção da decepa de plantas jovens, há maior produção de biomassa do caule por cepa, em comparação com a planta intacta, o que pode ser útil para a produção de madeira de diâmetro reduzido, permitindo, ainda, a continuidade dos sistemas agrossilvipastoris.
Leaf area and biomass of eucalypt clone intact plants were compared to sprouts from juvenile eucalypt clone coppiced plants, established in a 9.5 x 4.0 m spacing in an agroforestry system, managed to produce small diameter plants for charcoal. Two coppice ages (9 and 12-month old plants), three sprout thinning intensities (no thinning and thinning to two or three sprouts per stump) and two sprout thinning ages (6 and 9 months after coppicing) were studied in an entirely randomized experimental design with three replications. Leaf area and aboveground biomass of the sprouts/stump and of the intact plants were evaluated every three months after coppicing. At the age of 12 and 15 months, total leaf area of the sprouts/stump of the plants coppiced at the age of 9 months, without sprout thinning, was, respectively, 17% and 24% greater than for the 24-month old intact plants. The 15-month old sprout stem biomass was 19% greater than 24-month old intact plants. These results indicate that juvenile eucalypt clone coppicing can be used to produce small diameter logs for charcoal, allowing for the continuity of the agroforestry system.
Palavras-chave: Talhadia
Brotação e área foliar
Editor: Revista Árvore
Tipo de Acesso: Open Access
URI: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622008000100008
http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/15370
Data do documento: 18-Dez-2007
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
08.pdftexto completo260,45 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.