Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/15380
Tipo: Artigo
Título: Influência da saturação por bases e da relação Ca:Mg do substrato sobre o crescimento inicial de jacarandá-da-bahia (Dalbergia nigra (Vell.) Fr. All. ex Benth.)
Autor(es): Bernardino, Daíse Cardoso de Souza
Paiva, Haroldo Nogueira de
Neves, Júlio César de Lima
Gomes, José Mauro
Marques, Vanderléia Braga
Abstract: Com o objetivo de verificar a influência da saturação por bases do substrato sobre o crescimento e qualidade de mudas de Dalbergia nigra (jacarandá-da-bahia), desenvolveu-se este trabalho. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado com quatro repetições por tratamento, e cada vaso com uma planta foi considerado uma repetição. Foram utilizados três tipos de solo como substrato (dois latossolos e um argissolo), e em cada um deles a saturação por bases original foi elevada para os seguintes valores: latossolo distrófico: 30,0, 50,0 e 70,0%; Latossolo álico: 25,0; 45,0; e 65,0%; Argissolo: 50,0; 60,0; e 70,0%. Para avaliar os efeitos das diferentes relações Ca:Mg do corretivo, elevou-se a saturação por bases do solo para 60,0% no argissolo, 50,0% no latossolo distrófico e 45,0% no latossolo álico, utilizando como corretivo uma mistura de CaCO3 e MgCO3 nas seguintes relações estequiométricas: 1:0, 1:1, 2:1, 3:1 e 4:1. Foram avaliados os parâmetros morfológicos das mudas, suas relações e o índice de qualidade de Dickson. Observou-se uma resposta linear quando as diferentes relações Ca:Mg do corretivo foram analisadas em função da variação do peso de matéria seca da parte aérea, bem como o peso de matéria seca total quando o substrato era o Argissolo, porém nos demais substratos e características não houve influência significativa. Pode-se concluir que, quando a saturação original do solo for igual ou superior a 14,0% no Latossolo distrófico e 4% no Latossolo álico, não há necessidade de se proceder à correção do solo, enquanto no Argissolo as mudas de melhor qualidade são obtidas quando a saturação está em torno de 60,0%.
The objective of this work was to verify the influence of the base saturation in the substrate on growth and seedling quality of Dalbergia nigra (Brazilian rosewood). The experiment was arranged in a complete randomized design with four replicates per treatment. Three soils were used as substrate and each one had the original saturation increased as follows: Dystrophic Latosol, 30.0, 50.0 and 70.0%; Alic Latosol, 25.0, 45.0 and 65.0%; Clay soil, 50.0, 60.0 and 70.0%. Seedling morphological parameters, their relationships and the Quality Index of Dickson were evaluated. A linear response was obtained when the different Ca:Mg ratios in lime were analyzed as a function of the dry matter of the aerial part, as well the total dry matter weight when the substrate was argisol, however, there was no significant influence of basis saturation. It can be concluded that when the original saturation in the soil is equal or above 14.0% for the Dystrophic Latosol and 4% for the Alic Latosol there is no need for liming, while in the Clay soil the best seedlings are obtained when the saturation is around 60.0%.
Palavras-chave: Saturação por bases
Jacarandá-da-bahia e qualidade de mudas
Editor: Revista Árvore
Tipo de Acesso: Open Access
URI: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622007000400001
http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/15380
Data do documento: 29-Mar-2007
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
01.pdftexto completo532,91 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.