Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1585
Tipo: Tese
Título: Qualidade do solo em ecossistemas de mata nativa e pastagens na região leste do Acre, Amazônia Ocidental
Título(s) alternativo(s): Soil quality in native forest and pasture eco-systems in the eastern Acre region of Western Amazon
Autor(es): Araújo, édson Alves de
Primeiro Orientador: Ker, João Carlos
Primeiro coorientador: Lani, João Luiz
Segundo coorientador: Mendonça, Eduardo de Sá
Primeiro avaliador: Valentim, Judson Ferreira
Segundo avaliador: Curi, Nilton
Abstract: O Acre apresenta-se em estágio inicial de conversão de suas florestas em pastagens. Cerca de 12% de sua área total (19.200 km2) encontra-se desmatada. Deste montante, aproximadamente 81% (13.352 km2) têm sido utilizados por diversos segmentos produtivos no Acre (colonos, assentados, extrativistas, ribeirinhos e pecuaristas), com ecossistemas de pastagens extensivas. Estima-se que cerca da metade (667.000 ha) encontra-se em algum estádio de degradação. Esse avanço gradativo no desmatamento tem preocupado o poder público e a comunidade científica em geral, no sentido de mensurar os impactos gerados, sobretudo no compartimento solo, e de propor alternativas de uso, manejo e recuperação desses ecossistemas. Contudo, na Amazônia, poucos estudos têm dado ênfase à avaliação da qualidade/ degradação do solo mediante o uso com pastagens. Neste contexto, este estudo teve como objetivos selecionar, caracterizar e avaliar indicadores físicos e químicos de qualidade do solo em ecossistemas de pastagem comparados a ecossistemas de mata nativa correlatos, em duas áreas da região leste do Acre, de forma a subsidiar o manejo sustentável do solo, particularmente no que diz respeito à sucessão floresta-pastagem. Assim, inicialmente, são discutidos, de forma genérica, aspectos conceituais relevantes acerca da qualidade do solo, procedimentos e indicadores utilizados na mensuração dessa qualidade em agroecossistemas. Em seguida, são abordados alguns conceitos de degradação de solo e pastagens e os impactos da conversão de floresta nativa em ecossistemas de pastagem na Amazônia. São ainda sugeridos atributos morfológicos, físicos, físico-químicos, químicos e biológicos de solo, passíveis de serem utilizados, de forma integrada, na identificação e mensuração das várias formas de degradação de pastagem que ocorrem nas condições edafoclimáticas do Acre, assim como algumas alternativas de recuperação dessas áreas. Logo após, são caracterizados alguns solos e ambientes do município de Rio Branco e Senador Guiomard. Os solos descritos em Rio Branco foram classificados como Argissolo Vermelho distrófico (PVd), Argissolo Vermelho- Amarelo Epieutrófico (PVAe), Argissolo Vermelho-Amarelo alítico plíntico (PVAal) e Plintossolo Argilúvico distrófico (FTd). Em Senador Guiomard, foi descrito e caracterizado um Latossolo Vermelho-Amarelo distrófico (LVAd). Os solos de Rio Branco localizam-se predominantemente em áreas de relevo mais movimentado (Depressão Rio Acre-Rio Javari), são mais diversificados, possuem solum que varia de raso a profundo, são imperfeitamente a mal drenados, de melhor fertilidade natural, e apresentam indícios de argilominerais expansivos, com o conteúdo de silte em superfície mais elevadas que o de argila. Em Senador Guiomard, os pedossistemas situam-se em áreas aplainadas (interflúvios tabulares) do planalto rebaixado da Amazônia ocidental, cujos solos são bem drenados, profundos, cauliníticos e com baixa fertilidade natural. Por último, avaliaram-se as conseqüências do desmatamento e a introdução de pastagens de Brachiaria brizantha, cv. Marandu, em relação aos atributos físicos e químicos do solo, ao estoque e à dinâmica de C, a substâncias húmicas e à intensidade de alteração na qualidade/degradação do solo. A primeira sucessão localiza-se no município de Rio Branco e consiste em uma área de Floresta Aberta, com bambu e palmeira, e duas pastagens de 3 e 10 anos, em área de Argissolo Vermelho-Amarelo alítico plíntico (PVAal). A segunda localiza-se no município de Senador Guiomard, em área de Latossolo Vermelho-Amarelo distrófico (LVAd), sob Floresta Densa, com relevo plano e pastagem de 20 anos. Em cada local, foram coletadas amostras de solo nas profundidades de 0 a 5, 5 a 10, 10 a 20 e 20 a 40 cm a partir da superfície. Nas amostras, determinaram-se características físicas e químicas do solo. Estimou-se a qualidade do solo na profundidade de 0- 20 cm da superfície, por meio do Índice de Degradação do Solo (IDS) no ecossistema de pastagem, com a floresta nativa como referência. Os solos das duas cronosseqüências tiveram suas propriedades físicas e químicas alteradas de maneira distinta. Em muitas situações, ocorreu uma melhora em propriedades químicas, como o pH e bases trocáveis, em decorrência da incorporação de cinzas ao solo. Além disso, houve o favorecimento no incremento dos estoques de C do solo e acréscimo de C de origem C4, sendo mais expressivo no Latossolo, indicando que esse solo está armazenando mais C do que o Argissolo. Constatou-se incremento nos valores de b13C do solo com o tempo de utilização da pastagem, em ambas as sucessões, sendo mais evidente na pastagem de 20 anos. Os valores de b13C para as substâncias húmicas indicaram que a fração de ácido húmico (FAH) apresentou maior participação de C derivado de plantas C4. O uso do solo com pastagem alterou a proporção relativa das frações húmicas do C orgânico, com tendência de diminuição da estabilidade estrutural do carbono (relação HUM/AF+AH). O IDS do solo, considerando aspectos de funcionalidade do solo, foi mais deletério para as pastagens de 3 e 10 anos.
The state of Acre is presently at the initial stage of converting its forests into pastures. Around 12% of its total area (19.200 km2) has been deforested. Out of this, approximately 81% (13.352 km2) have been utilized by several productive segments in Acre (farmers, land settlers, extractivists, riverine farmers and cattle producers), with extensive pasture ecosystems. It is estimated that around half (667.000 ha) is at some stage of degradation. This gradual deforestation process has made the public government and the scientific community as a whole aware of the need to measure the impacts caused, especially on the soil, and to propose alternatives for the use, management and recovery of these ecosystems. However, in Amazon few studies have emphasized the assessment of soil quality /degradation due to pasture use. Within this context, this study aimed to select, characterize, and evaluate the physical and chemical indicators of soil quality in pasture ecosystems, compared to correlated native forest ecosystems, in two eastern Acre areas so as to subsidize sustainable soil management, particularly with respect to forest-pasture succession. Thus, relevant conceptual aspects of soil quality, as well as procedures and indicators used to measure this quality in agro-ecosystems are initially discussed in a generic way followed by some soil and pasture degradation concepts and impacts caused by the conversion of native forest into pasture ecosystems in the Amazon. Morphological, physical, physical-chemical, chemical and biological soil attributes that can be used in an integrated way to identify and measure the various forms of pasture degradation occurring under edapho-climatic conditions in Acre are also discussed, as well as some recovery alternatives for these areas. Some soils and environments in the municipalities of Rio Branco and Senador Guiomard are then characterized. The soils described in Rio Branco were classified as Dystrophic Red Argisol (PVd), Red-Yellow Argisol, Red- Yellow Epieutrophic (PVAe), alitic plintic Red-Yellow Argisol (PVAal) and Dystrophic Argiluvic Plintosol (FTd). In Senador Guiomard, a Dystrophic Red Yellow Latosol (LVAd) was described and characterized. Rio Branco soils are located predominantly in relief areas of more movement (Rio Acre-Rio Javari Deppression), are more diversified, have solum varying from shallow to deep, are imperfectly to badly drained, present better natural fertility and signs of expansive clay-minerals, with silt content on higher surfaces than that of clay.. In Senador Guiomard, the pedo-systems are located in plain areas of Western Amazon high plains, whose soils are well drained, deep, kaulinitic, and of low natural fertility. Finally, the impact of deforestation and the introduction of Brachiaria brizantha, cv. Marandu pastures in relation to the physical and chemical attributes of soil, on C stock and dynamics, humic substances and on the intensity of alteration in soil quality/degradation are evaluated. The first succession is located in the municipality of Rio Branco and consists of an open forest area, with bamboo and palm trees, and two (03- and 10- year-old) pastures in alitic, plintic, Red Yellow Argisol (PVAal) area. The second is located in the municipality of Senador Guiomard on Dystrophic Red-Yellow Latosol (LVAd) area under dense forest, with plain relief and 20-year-old pasture. In each site, soil samples were collected at depths of 0 to 5, 5 to 10, 10 to 20 and 20 to 40 cm from the surface. Soil physical and chemical characteristics were determined in the samples. Soil quality was estimated at depth of 0-20 cm from the surface, by means of the Soil Degradation Index (SDI) on the pasture ecosystem, using the native forest as reference. The two chronological sequences soils had their physical and chemical properties altered differently. In many situations, there was an improvement in chemical properties, such as pH and exchangeable bases, as a result of ash incorporation in soil. Besides, increase of C stock and addition of Ca-derived C were favored, most expressively in Latosol, indicating that this soil is storing more C than Argisol. Increased b13C values were confirmed in the soils, along pasture utilization time in both successions, being more evident in the 20-year-old pasture. The b13C values for the humic substances indicated that humic acid (FAH) fraction had a greater C4-derived C participation. The use of soil with pasture altered the relative proportion of the humic fractions of organic C, with the structural stability of carbon (HUM/AF+AH relation) tending to decrease. Considering the functionality aspects of soil, soil SDI was more deleterious for the 3-and 10-year-old pastures.
Palavras-chave: Conversão floresta-pastagem
Amazônia Ocidental
Solos do Acre
Native forest-pasture conversion
Western Amazon
Soils of Acre
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::CIENCIA DO SOLO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Fertilidade do solo e nutrição de plantas; Gênese, Morfologia e Classificação, Mineralogia, Química,
Programa: Doutorado em Solos e Nutrição de Plantas
Citação: ARAÚJO, édson Alves de. Soil quality in native forest and pasture eco-systems in the eastern Acre region of Western Amazon. 2008. 253 f. Tese (Doutorado em Fertilidade do solo e nutrição de plantas; Gênese, Morfologia e Classificação, Mineralogia, Química,) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1585
Data do documento: 29-Fev-2008
Aparece nas coleções:Solos e Nutrição de Plantas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf4,35 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.