Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/16179
Tipo: Artigo
Título: Avaliação ergonômica de pulverizadores costais utilizados no setor florestal
Autor(es): Sasaki, Robson Shigueaki
Furtado Júnior, Marconi Ribeiro
Leite, Elton da Silva
Souza, Amaury Paulo
Teixeira, Mauri Martins
Fernandes, Haroldo Carlos
Abstract: Os pulverizadores costais são amplamente utilizados no setor florestal. No entanto, existem equipamentos que podem ocasionar certo grau de estresse ao operador, acarretando-lhe danos à sua saúde. Assim, objetivou-se com este trabalho avaliar, ergonomicamente, quatro pulverizadores costais (termonebulizador, pneumático motorizado, costal manual e costal elétrico) quanto aos parâmetros nível de ruído, nível de vibração de corpo inteiro, gasto energético e esforço físico. Na avaliação de ruído, utilizou-se um dosímetro 01dB, comparando os resultados com o que estabelece a Norma NR-15. Para os níveis de vibração, utilizou-se um acelerômetro triaxial, ligado a um processador de sinal do tipo Maestro, sendo os dados comparados com as Diretrizes Europeias. Já para gasto calórico e esforço físico, usaram-se um analisador de gases metabólicos fabricado pela Medgraphics® modelo VO2000 e um monitor cardíaco da marca Polar. Observou-se que o equipamento costal manual e o elétrico não apresentaram problemas quanto ao nível de ruído. Já o pulverizador pneumático e o termonebulizador exibiram valores acima do recomendado pela Norma NR-15, com níveis de 99,97 e 94,33 dB(A), respectivamente. Da mesma forma, os equipamentos motorizados tiveram níveis de vibração elevados em comparação com os demais equipamentos, com vibração global (A8) de 2,09 m s-2 para o termonebulizador e 2,15 m s-2 para o pneumático. Quanto ao gasto energético, houve pequenas variações quanto ao tipo de equipamento utilizado, com gasto variando entre 3,0 e 3,96 kcal min-1.
Knapsack sprayers have been widely used in forestry. However, some equipment may cause different levels of stress for the operators, causing harm to their health. Therefore, this study aimed to evaluate ergonomically four knapsack sprayers (thermal sprayer, pneumatic motorized, hand sprayer and electric sprayer), regarding to noise parameters, body vibration level, energy expenditure and physical effort. For noise evaluation, a dosimeter 01dB was used, and the results were compared with the regulatory norm NR-15. For vibration levels, we used a triaxial accelerometer connected to a signal processor Maestro type, and data were compared to the European directives. For caloric expenditure and physical effort, we used a gas metabolic analyzer manufactured by Medgraphics® model VO2000 and a heart monitor from Polar brand. We observed that the hand and electric knapsack sprayers did not present problems related to the noise level. However, the pneumatic motorized knapsack and the thermal sprayer, showed levels above than recommended by regulatory norm NR-15 with levels of 99.97 and 94.33 dB(A), respectively. Similarly, the motorized equipment presented high levels of vibration compared to the other equipments, with global vibration (A8) of 2.09 m s-2 for the thermal sprayer and 2.15 m s-2 for the pneumatic. Regarding to energy expenditure, there were small variations between the kind of equipment used, with expenditure ranging from 3.0 to 3.96 kcal min-1.
Palavras-chave: Dispêndio energético
Vibração
NR-15
Editor: Revista Árvore
Tipo de Acesso: Open Access
URI: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622014000200013
http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/16179
Data do documento: 3-Dez-2013
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
13.pdftexto completo160,65 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.