Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/16691
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorNascimento, Mayana Ferreira
dc.contributor.authorSilva Neto, João José da
dc.contributor.authorRêgo, Elizanilda Ramalho do
dc.contributor.authorSilva Filho, Vital Antônio Lucena
dc.contributor.authorAlmeida Neto, Jorge Xavier de
dc.contributor.authorRêgo, Mailson Monteiro do
dc.date.accessioned2018-01-23T17:27:50Z
dc.date.available2018-01-23T17:27:50Z
dc.date.issued2013-06-14
dc.identifier.issn21773491
dc.identifier.urihttp://dx.doi.org/10.1590/S0034-737X2014000100011
dc.identifier.urihttp://www.locus.ufv.br/handle/123456789/16691
dc.description.abstractO objetivo deste trabalho foi caracterizar progênies de uma população base de pimenteiras (Capsicum annuum L.). Foram utilizadas 54 plantas de uma geração F2 de pimenteiras ornamentais, para se avaliarem os seguintes caracteres morfoagronômicos: altura da planta (AP), diâmetro da copa (DDC), altura da primeira bifurcação (APB), diâmetro do caule (DCL), comprimento da folha (CFL), largura da folha (LFL), comprimento da corola (CDC), comprimento de antera (CANT), comprimento do estilete (CES) e largura da pétala (LAP). O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com três repetições. Os dados foram submetidos à Análise de Variância, com posterior agrupamento das médias para o teste de Scott-Knott (p<0,01). Com exceção do CANT, verificaram-se diferenças significativas para os demais descritores, pelo Teste F. O DCL foi o descritor com maior herdabilidade (99,49%), seguido de DDC (96,14%) e APB (94,05%). O caractere DCL apresentou maior variabilidade entre as plantas, formando 13 classes, seguido de DDC, com oito e APB, com seis classes. Quando se utilizaram as técnicas multivariadas, foi possível agrupar as 54 plantas em oito grupos, sendo o grupo 1 o que reuniu maior número de plantas (35). A característica que mais contribuiu para a divergência genética foi o diâmetro do caule (68,97%), seguida pelo diâmetro da copa (9,22%), altura da primeira bifurcação (6,76%) e altura da planta (4,58%). Já as características de flor foram as que menos contribuíram para a variabilidade (10,47%). Houve variabilidade entre as plantas estudadas, sendo possível praticar seleção dentro dessa família, dando continuidade ao Programa de Melhoramento de Pimenteiras.pt-BR
dc.description.abstractThe objective of this study was to characterize genotypes of a base population of pepper (Capsicum annuum L.). We used 54 plants of a F2 generation of ornamental peppers based on the following morphological characteristics: plant height (PH), canopy width (DDC), first bifurcation height (APB), stem width (DCL), stem length (CFL), leaf length, leaf width (LFL), corolla length (CDC), anther length (CANT), style length (CES) and petal width (LAP). The experimental design was in a completely randomized with three replications. Data were analyzed by ANOVA with subsequent grouping by Scott-Knott criteria (p d" 0.01). Except for CANT, there were significant differences for all the other descriptors by F test (p d" 0.01). LTB is the descriptor with the highest heritability (99.49%), followed by DDC (96.14%) and ABS (94.05%). The trait DCL showed the greatest variability among the plants, forming 13 groups, followed by DDC with 8 and APB with 6 groups. Using multivariate analysis it was possible to separate the 54 plants in eight groups. The group 1 was the largest one with 35 genotypes. The stem width (68.97%), canopy width (9.22%), first bifurcation height (6.76%) and plant height (4.58%) had the highest contribution to the variability. The flower traits had the lowest contribution to the variability (10.47%). The results showed that there was variability among genotypes, and then it is possible to perform selection within this family to continue the breeding program of ornamental pepper.en
dc.formatpdfpt-BR
dc.language.isoporpt-BR
dc.publisherRevista Cerespt-BR
dc.relation.ispartofseriesv. 61, n. 1, p. 084-089, Janeiro-Fevereiro 2014pt-BR
dc.rightsOpen Accesspt-BR
dc.subjectMelhoramentopt-BR
dc.subjectPlantas ornamentaispt-BR
dc.subjectBanco de germoplasmapt-BR
dc.subjectCaracteres morfoagronômicospt-BR
dc.titleVariabilidade em população base de pimenteiras ornamentais (Capsicum annuum L.)pt-BR
dc.typeArtigopt-BR
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
artigo.pdftexto completo47,92 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.