Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1688
Tipo: Tese
Título: Níveis nutricionais de lisina, de metionina+cistina e de treonina digestíveis para galinhas poedeiras no 2º ciclo de produção
Título(s) alternativo(s): Levels nutritionales of digestible lysine, methionine+cystine and threonine to laying hens on the 2nd cycle of production
Autor(es): Schmidt, Marlene
Primeiro Orientador: Gomes, Paulo Cezar
Primeiro avaliador: Albino, Luiz Fernando Teixeira
Segundo avaliador: Rostagno, Horácio Santiago
Terceiro avaliador: Nunes, Ricardo Vianna
Quarto avaliador: Pupa, Júlio Maria Ribeiro
Abstract: Foram conduzidos três experimentos no Setor de Avicultura do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Viçosa UFV, com o objetivo de determinar a exigência nutricional de lisina, metionina+cistina e treonina digestível para poedeiras de segundo ciclo de produção, no período de 79 a 95 semanas de idade. Foram utilizadas em cada experimento 180 poedeiras Lohmann LSL e 180 poedeiras Lohmann Brown, leves e semipesadas, respectivamente. No experimento da lisina foi utilizada uma dieta basal deficiente neste aminoácido (0,555%), suplementada com 0,00; 0,066; 0,132; 0,198; e 0,263% de L-Lis HCl (78%), de forma a proporcionar 0,555; 0,605; 0,655; 0,705; e 0,755% de lisina digestível nas rações. No experimento da metionina+cistina as aves foram submetidas a ração basal deficiente neste aminoácido (0,490%), suplementada com 0,00; 0,053; 0,108; 0,161; e 0,214% de DL-Metionina (98%), de forma a proporcionar 0,490; 0,542; 0,594; 0,648; e 0,698% de metionina+cistina digestíveis nas rações. Os níveis de suplementação de metionina+cistina digestíveis obedeceram às relações de metionina+cistina:lisina de 75, 83, 91, 99 e 107 com a lisina fixada em 0,653%. No experimento da treonina os níveis foram obtidos a partir de uma dieta basal deficiente em treonina (0,380%), suplementada com 0,00; 0,036; 0,065; 0,108; e 0,144% de L-Treonina (98%), de forma a proporcionar 0,380; 0,413; 0,446; 0,479; e 0,512% de treonina digestível nas rações. Os cinco níveis de suplementação de treonina digestível obedeceram às relações de treonina:lisina de 58; 63; 68; 73 e 78 com a lisina fixada em 0,653%. O delineamento experimental adotado nos três experimentos foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 5 x 2, sendo cinco níveis de aminoácidos e duas linhagens de aves, com seis repetições por tratamento e seis aves por unidade experimental. Os parâmetros avaliados foram o consumo de ração, consumo de lisina, conversão alimentar/dúzia de ovos, conversão alimentar/massa de ovos, ganho de peso, taxa de postura, peso de ovos, massa de ovos, porcentagem dos componentes dos ovos (casca, albúmen e gema) e a qualidade interna dos ovos (unidade Haugh, índice de gema e índice de albúmen). A exigência estimada de lisina digestível para as poedeiras leves, mediante efeito linear foi de maior ou igual a 0,755%, o que corresponde a um consumo de pelo menos 885 mg de lisina digestível/ave/dia. Para a linhagem semipesada o valor de exigência de lisina digestível estabelecido mediante efeito quadrático foi de 0,681% de lisina, o que equivale a um consumo de 783 mg de lisina digestível/ave/dia. A exigência estimada de metionina+cistina digestível mediante efeito linear foi de maior ou igual a 0,698%, tanto para a linhagem leve como semipesada. O valor de 0,698% corresponde a um consumo de pelo menos de 796 e 791 mg de metionina+cistina digestível/ave/dia, para a linhagem leve e semipesada, respectivamente. A exigência estimada de treonina digestível mediante efeito quadrático foi de 0,469%, correspondendo a um consumo de 459 mg de treonina/ave/dia e 0,467% de treonina digestível correspondendo a um consumo de 462 mg de treonina/ave/dia, para a linhagem leve e semipesada, respectivamente.
Three experiments were carried out on the Sector of Aviculture of the Zootechny Department of the Universidade Federal de Viçosa UFV, aiming at determining the nutritional requirement of digestible lysine, methionine+cystine and threonine to laying hens on the 2nd cycle of production, from 79 to 95 weeks of age. 180 Lohmann LSL and 180 Lohmann Brown laying hens, white-egg and brown-egg, respectively, were used in each experiment. On the experiment of lysine a basal diet deficient in this amino acid (0.555%) was used, supplemented with 0.00; 0.066; 0.132; 0.198 and 0.263% of L-Lis HCl (78%), providing 0.555; 0.605; 0.655, 0.705 and 0.755% of digestible lysine in the diet. On the experiment of methionine+cystine the birds were submitted to basal diet deficient in this amino acid (0.490%), supplemented with 0.00; 0.053; 0.108; 0.161 and 0.214% of DL-Methionine (98%), providing 0.490; 0.542; 0.594; 0.648 and 0.698% of digestible methionine+cystine in the diets. The levels of supplementation of digestible methionine+cystine followed the relations of methionine+cystine: lysine of 75, 83, 91, 99 and 107 with lysine fixed at 0.653%. On the experiment of threonine the levels were obtained through a basal diet deficient in threonine (0.380%), supplemented with 0.00; 0.036; 0.065; 0.108 and 0.144% of L-Threonine (98%), providing 0.380; 0.413; 0.446; 0.479 and 0.512% of digestible threonine in the diets. The five levels of supplementation of digestible threonine followed the relations of threonine: lysine of 58; 63; 68; 73 and 78 with lysine fixed at 0.653%. A complete randomized blocks design in a factorial arrangement 5 x 2, with five levels of amino acid and two strains of birds, with six replicates/treatment and six birds/replicate was used in the three experiments. The analyzed parameters were feed intake, lysine intake, egg dozen conversions, egg mass conversions, weight gain, egg production, egg weight, egg mass, percentage of the components of the eggs (shell, albumen and yolk) and the internal egg quality (Haugh unit, yolk and albumen indexes). The estimate requirement of digestible lysine for the white-egg laying hens, through linear effect was higher or equal to 0.755%, what corresponds to an intake of at least 885 mg of digestible lysine/bird/day. For the brown-egg strains the established amount of requirement of digestible lysine through quadratic effect was 0.681% of lysine, what means an intake of 783 mg of digestible lysine/bird/day. The estimate requirement of digestible methionine+cystine through linear effect was higher or equal to 0.698%, not only for the white-egg strain but also for the brown-egg one. The value of 0.698% corresponds to an intake of at least 796 and 791 mg of digestible methionine+cystine/bird/day, for the white-egg and brown-egg strain, respectively. The estimate requirement of digestible threonine through quadratic effect was 0.469%, corresponding to an intake of 459 mg of threonine/bird/day and 0.467% of digestible threonine, corresponding to an intake of 462 mg of threonine/bird/day, for the white-egg and brown-egg strain, respectively.
Palavras-chave: Aminoácidos
Proteína ideal
Poedeiras
Lisina
Metionina
Cistina
Treonina
Amino acids
Proteins
Hens
Lysine
Methionine Cystine
Threonine
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Doutorado em Zootecnia
Citação: SCHMIDT, Marlene. Levels nutritionales of digestible lysine, methionine+cystine and threonine to laying hens on the 2nd cycle of production. 2006. 112 f. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1688
Data do documento: 3-Abr-2006
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf361,64 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.