Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/16958
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorMiranda, Edna Lopes
dc.contributor.authorLoreto, Maria das Dôres Saraiva de
dc.contributor.authorAntonucci, Luiz Augusto
dc.date.accessioned2018-01-30T12:24:33Z
dc.date.available2018-01-30T12:24:33Z
dc.date.issued2012-12-04
dc.identifier.issn2236-9724
dc.identifier.urihttp://www.rbas.ufv.br/index.php/rbas/article/view/181
dc.identifier.urihttp://www.locus.ufv.br/handle/123456789/16958
dc.descriptionErro no DOI, por isso foi disponibilizado o link de acesso.pt-BR
dc.description.abstractO mundo rural transforma-se cada vez mais em um espaço heterogêneo e diversificado, onde a juventude é afetada pela diluição das fronteiras entre os espaços rurais e urbanos, associada com a falta de perspectivas para os que vivem da agricultura familiar. Assim, o presente estudo buscou conhecer os projetos e perspectivas de vida dos jovens rurais inseridos nos movimentos sociais do campo, em particular a Pastoral da Juventude (PJ) do município de Araponga-MG. Como técnica de pesquisa foi feito uso de entrevista semi-estruturada, por meio de questionário aplicado junto a 12 jovens, com idade entre 15 e 19 anos, divididos proporcionalmente por sexo. Os resultados apontaram que os movimentos sociais juvenis têm possibilitado avanços no município de Araponga, no sentido de elaborar estratégias que atendem as demandas da agricultura familiar, desde a organização da produção e comercialização até ao acesso ao crédito, contribuindo para o desenvolvimento local, por meio da construção e fortalecimento do capital social. Além disso, os jovens participantes dos movimentos sociais colocam como projeto de vida a permanência no campo, conjugando o trabalho agrícola com alternativas comunitárias geradoras de renda. Ressalta-se, assim, a importância das políticas públicas nesse processo de inserção e atração do jovem rural, que resultem em autonomia econômica e melhoria da qualidade de vida.pt-BR
dc.description.abstractThe rural world becomes a space increasingly heterogeneous and diverse, in which the youth is affected in more dramatic by dilution of boundaries between urban and rural areas, associated with the lack of prospects for the living of the family farm. Thus, the present study aimed to know the projects and life chances of young rural people inserted in rural social movements, in particular the Youth Ministry (PJ) in the municipality of Araponga-MG. As technical research was done using semi-structured questionnaire administered through 12 youngsters, aged between 15 and 19 years, divided proportionally by sex. The results indicate that social movements has enabled considerable juveniles progress in the city of Araponga, to develop strategies that meet the demands of family farming, since the organization of production and marketing to the access to credit, contributing to the site development by building and strengthening the social capital. Moreover, the young participants of social movements pose as life project to remain on the field, combining farm work with other community alternatives of income generating. Thus, it is highlighted the importance of public policies in the process of insertion and attraction of young rural people that result in economic independence and improved quality of life.en
dc.formatpdfpt-BR
dc.language.isoporpt-BR
dc.publisherRevista Brasileira de Agropecuária Sustentávelpt-BR
dc.relation.ispartofseriesv.2, n.2, p.189-195, dezembro 2012pt-BR
dc.rightsOpen Accesspt-BR
dc.subjectAgricultura familiarpt-BR
dc.subjectJuventudept-BR
dc.subjectMovimentos sociais do campopt-BR
dc.subjectProjetos de vidapt-BR
dc.titleA influência dos movimentos sociais nos projetos de vida dos jovens rurais no município de Araponga-MGpt-BR
dc.typeArtigopt-BR
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
artigo.pdftexto completo98,66 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.