Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/17616
Tipo: Artigo
Título: Mycorrhizal association in soybean and weeds in competition
Autor(es): Fialho, Cíntia Maria Teixeira
Silva, Gustavo Soares da
Faustino, Laís Araújo
Carvalho, Felipe Paolinelli de
Costa, Mauricio Dutra
Silva, Antonio Alberto da
Abstract: The purpose of this study was to evaluate the effects of mycorrhizal association on the interference of Bidens pilosa, Urochloa decumbens and Eleusine indica on soybean culture in two conditions: a) plants competing without contact with roots of another species; b) with contact between roots. At 60 days after planting, growth, nutrient accumulation and mycorrhizal colonization of soybean and weeds were evaluated. The contact between roots of soybean plant and weed species increased the negative interference effects for both species, with less growth and nutrient accumulation. With the individualization of roots, higher competition occurred for soil resources up to 60 days of coexistence between species. In competition with soybean, Bidens pilosa and Urochloa decumbens stood out in accumulation of most nutrients without differing from when cultivated in monocultivation. The increase of the soybean mycorrhizal colonization was 53, 40 and 33% when in competition with Urochloa decumbens, Eleusine indica and Bidens pilosa species, respectively. A positive interaction occurred for soybean mycorrhizal colonization and competing plants irrespective of weed species or root contact.
Objetivou-se neste trabalho avaliar os efeitos da associação micorrízica na interferência de Bidens pilosa, Urochloa decumbens e Eleusine indica sobre a cultura da soja em duas condições: a) plantas competindo sem contato entre raízes de outra espécie b) com contato entre raízes. Aos 60 dias após o plantio, foram feitas avaliações do crescimento, acúmulo de nutrientes e colonização micorrízica da soja e plantas daninhas. O contato entre as raízes de plantas de soja e das espécies daninhas aumentou os efeitos negativos da interferência para ambas às espécies, com menor crescimento e acúmulo de nutrientes. Com a individualização das raízes, maior competição estabeleceu-se pelos recursos do solo até os 60 dias de convivência entre cultura e espécie competidoras. Em competição com a soja, B. pilosa e U. decumbens destacaram-se no acúmulo da maioria dos nutrientes não diferindo de quando cultivadas em monocultivo. O aumento da colonização micorrízica da soja foi de 53, 40 e 33 % quando em competição com U. decumbens, E. indica e B. pilosa, respectivamente. Ocorreu interação positiva para a colonização micorrízica da soja e das plantas competidoras independente da espécie daninha e do contato entre as raízes.
Palavras-chave: Bidens pilosa
Urochloa decumbens (Syn. Urochloa decumbens)
Eleusine indica
Arbuscular mycorrhiza fungi
Editor: Acta Scientiarum. Agronomy
Tipo de Acesso: Open Access
URI: http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v38i2.27230
http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/17616
Data do documento: 20-Jul-2015
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
artigo.pdftexto completo521,95 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.