Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/17739
Tipo: Artigo
Título: Fenotipagem de sorgo sacarino para tolerância ao estresse hídrico por meio de características morfológicas
Autor(es): Moreira, Luciano Rezende
Anjos, Rafael Silva Ramos dos
Ervilha, Jardélcio Damião Carvalho
Vidigal, Juliana Gonçalves
Coutinho, Paulo Henrique
Miranda, Glauco Vieira
Abstract: Objetivou-se, com este trabalho, identificar as cultivares de sorgo sacarino que apresentam maior tolerância à seca e discriminar fenotipicamente as características morfológicas radiculares desses genótipos para ambientes com déficit hídrico. As cultivares (Rio, Ramada, BRS 501 e BRS 506) foram submetidas a dois tratamentos (Ambientes). O primeiro foi composto por um ambiente denominado água irrestrita (AI) -37,5 kPa e o segundo ambiente com restrição hídrica denominado água restrita (AR), com uma pressão matricial dez vezes menor que a do tratamento AI, ou seja, -375 kPa. A diferença entre o peso ideal do tratamento e o peso observado no vaso, antes de ser irrigado, comparado a um vaso idêntico aos respectivos tratamentos sem a planta, forneceu a evapotranspiração da cultivar nesse período. As raízes foram analisadas pelo sistema WinRhizo, de modo a se obter as seguintes características estudadas: comprimento, volume, área superficial, área projetada e diâmetro de raiz. A análise de variância para todas as características avaliadas mostrou não haver interação (P > 0,05) entre genótipo e ambiente. Isoladamente, também não foi observada variação (P > 0,05) nos genótipos e nos ambientes avaliados para as características em questão, com exceção do diâmetro de raiz. Neste sentido, observou-se que o diâmetro das raízes foi maior (P < 0,05) quando as plantas foram submetidas a condições de maior estresse de seca (AR). Conclui-se que as cultivares não apresentaram características significativamente distintas nos ambientes contrastantes o que pode ser em razão de serem muito tolerantes ao estresse imposto, pelo estádio fenológico avaliado ter sido muito inicial ou pelo estresse ter tido pouca intensidade para gerar atividades distintas nas cultivares.
This study was conducted to identify the sweet sorghum cultivars presenting higher tolerance to drought as well as to phenotypically discriminate the root morphological characteristics of those genotypes for environments with water deficit. The cultivars (Rio, Ramada, BRS 501 and BRS 506) were subjected to two treatments (Environments). The first one was an environment named unrestricted water (AI) -37.5 kPa, and the second one, with hydric restriction, named restricted water (AR) with a matrix pressure lower than the with CPA treatment, that is, -375 kPa. The difference between the ideal weight of the treatment and the weight observed in the vase, before being irrigated, when compared with an identical vase used in the treatments without the plant, provided an evapotranspiration of the cultivar during the period. The roots were analyzed by the WinRhizo system, in order to obtain the following characteristics under study: length, volume, superficial area, projected area and root diameter. For all characteristics under evaluation, the variance analysis showed no interaction (P> 0.05) between genotype and environment. Separately, no variations were observed (P> 0.05) in the genotypes and environments evaluated for the characteristics under study, except the root diameter. Thus, it was observed that the diameter of the roots were higher (P <0.05) when the plants were submitted to higher drought stress conditions (AIR). Findings indicate that the cultivars did not present significantly different characteristics in the contrasting environments, which probably occurred because they are very tolerant to the imposed stress, the phenological stage under evaluation study was too initial, or the stress had low intensity to generate different activities in the cultivars.
Palavras-chave: Sorgo sacarino
Análise de raízes
Déficit hídrico
Editor: Vértices
Tipo de Acesso: Open Access
URI: http://dx.doi.org/10.5935/1809-2667.20140033
http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/17739
Data do documento: 10-Out-2014
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
artigo.pdftexto completo624,08 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.