Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1778
Tipo: Tese
Título: Níveis de suplementação para fêmeas bovinas de corte em pastejo
Título(s) alternativo(s): Levels of supplementation for grazing beef cattle female
Autor(es): Cabral, Carla Heloisa Avelino
Primeiro Orientador: Paulino, Mário Fonseca
Primeiro coorientador: Detmann, Edenio
Segundo coorientador: Valadares Filho, Sebastião de Campos
Primeiro avaliador: Bauer, Maristela de Oliveira
Segundo avaliador: Valadares, Rilene Ferreira Diniz
Abstract: Esta tese foi elaborada a partir de quatro experimentos com fêmeas mestiças com predominância de sangue zebuíno submetidas a diferentes níveis de fornecimento de suplementação múltipla a pasto. No primeiro experimento objetivou-se avaliar o efeito do fornecimento de diferentes níveis de suplemento múltiplo sobre as características nutricionais e o desempenho produtivo de novilhas em recria sob pastejo no período de transição águas-seca. Os animais experimentais foram 30 novilhas mestiças com predominância de sangue zebuíno com idade e peso médio inicial de 19 meses e 303±5 kg, respectivamente. O delineamento foi inteiramente casualizado com cinco tratamentos e seis repetições. Os tratamentos consistiram em suplemento mineral (tratamento controle) e fornecimento de 0,5; 1,0; 1,5 e 2,0 kg/animal/dia de suplemento múltiplo com 300 g de proteína bruta (PB)/kg de matéria seca (MS). Verificou-se efeito quadrático dos níveis de fornecimento de suplemento múltiplo (P<0,10) sobre o ganho médio diário (GMD). Os consumos de matéria seca (MS) e nutrientes digestíveis totais (NDT) apresentaram relação linear crescente (P<0,10) com os níveis de fornecimento de suplemento múltiplo, mas, não houve efeito para o consumo de FDN digerida (FDND) e a digestibilidade aparente da MS (P>0,10). Não houve efeito dos níveis de suplementação sobre o fluxo de compostos nitrogenados microbianos (NMIC - g/dia), mas, a eficiência de síntese microbiana (EFM - g PBmic/kg NDT) e o fluxo de compostos nitrogenados microbiano em relação ao nitrogênio ingerido (NMICR - g/g de nitrogênio ingerido) apresentaram perfis lineares negativos. Conclui-se que a suplementação múltipla otimiza o desempenho de novilhas em pastejo no período de transição águas-seca e o fornecimento de 1,0 kg de suplemento múltiplo por animal por dia promove o máximo incremento do ganho de peso. No segundo experimento objetivou-se avaliar o efeito do fornecimento de diferentes níveis de suplemento múltiplo sobre as características nutricionais e o desempenho produtivo de novilhas em recria sob pastejo no período da seca. Os animais experimentais foram 30 novilhas mestiças com predominância de sangue zebuíno com idade e peso médio inicial de 22 meses e 339±5 kg, respectivamente. O delineamento foi inteiramente casualizado com cinco tratamentos e seis repetições. Os tratamentos consistiram em suplemento mineral e fornecimento de 0,5; 1,0; 1,5 e 2,0 kg/animal/dia de suplemento múltiplo com 300 g PB/kg MS. Verificou-se no padrão descritivo das médias dos mínimos quadrados uma tendência de estabilização do GMD a partir do fornecimento de 0,98 kg de suplemento múltiplo. Os consumos de MS e NDT apresentaram relação linear crescente (P<0,10) com os níveis de fornecimento de suplemento múltiplo. As médias dos coeficientes de digestibilidade aparente das diferentes frações da dieta apresentaram um padrão linear-response-plateau (LRP). O NMIC apresentou perfil linear positivo para os níveis de suplementação. Conclui-se que a suplementação múltipla otimiza o desempenho de novilhas em pastejo no período da seca e o fornecimento de 1,0 kg de suplemento múltiplo por animal por dia promove o máximo incremento do ganho de peso. No terceiro experimento objetivou-se avaliar o efeito do fornecimento de diferentes níveis de suplemento múltiplo sobre as características nutricionais e o desempenho produtivo de novilhas prenhes sob pastejo no período da seca. Os animais experimentais foram 24 novilhas prenhes mestiças com predominância de sangue zebuíno com idade e peso médio inicial de 32 meses e 416±6 kg, respectivamente. O delineamento foi inteiramente casualizado com quatro tratamentos e seis repetições. Os tratamentos consistiram em suplemento mineral e fornecimento de 0,5; 1,0 e 2,0 kg/animal/dia de suplemento múltiplo com 300 g PB/kg MS. Verificou-se efeito quadrático dos níveis de fornecimento de suplemento múltiplo (P<0,10) sobre o GMD. Os consumo de MS e NDT apresentaram relação linear crescente (P<0,10) com os níveis de fornecimento de suplemento múltiplo. O coeficiente de digestibilidade aparente da MS apresentou perfil linear crescente (P<0,10) para os níveis de suplementação múltipla. Não houve efeito dos níveis de suplementação múltipla sobre o NMIC e a EFM, mas o NMICR apresentou perfil linear decrescente (P<0,10). Conclui-se que o fornecimento de 1,5 kg de suplemento múltiplo otimiza o desempenho de novilhas prenhes em pastejo no período da seca. No quarto experimento objetivou-se avaliar o efeito do fornecimento de diferentes níveis de suplemento múltiplo sobre as características nutricionais e o desempenho produtivo de vacas prenhes sob pastejo no período da seca. Os animais experimentais foram 28 vacas prenhes mestiças com predominância de sangue zebuíno com peso médio inicial de 446±12 kg. O delineamento foi inteiramente casualizado com quatro tratamentos e sete repetições. Os tratamentos consistiram em suplemento mineral e fornecimento de 0,5; 1,0 e 1,5 kg/animal/dia de suplemento múltiplo com 300 g PB/kg MS. Verificou-se efeito quadrático dos níveis de fornecimento de suplemento múltiplo (P<0,10) sobre o GMD e linear crescente para o escore de condição corporal final (ECCF). Os consumos de MS e NDT não apresentaram efeito (P>0,10) com os níveis de fornecimento de suplemento múltiplo e a digestibilidade aparente da MS apresentou perfil cúbico (P<0,10). Não houve efeito (P>0,10) dos níveis de suplementação múltipla sobre o NMIC e EFM, mas o NMICR apresentou perfil linear decrescente (P<0,10). Conclui-se que o fornecimento de 1,0 kg de suplemento múltiplo otimiza o desempenho de vacas prenhes em pastejo no período da seca.
This thesis was developed from four experiments with crossbred female with predominance of Zebu breed exposed to different levels of supply multiple supplementation on pasture. The objective of first experiment was to evaluate the effect of providing different levels of multiple supplement on the nutritional characteristics and productive performance of heifers on pasture during the rainy-dry transition period. It was used 30 crossbred heifers with predominance of Zebu breed at 19 months of age and body weight of 303±5 kg in a completely randomized experimental design. Treatments consisted of mineral supplement (control treatment) and four levels providing 0.5, 1.0, 1.5, 2.0 kg/animal/day of multiple supplement with 300 g crude protein (CP)/ kg of dry matter (DM). There was quadratic effect of multiple supplementation (P<0.10) on daily weight gain (DWG). The intakes of DM and total digestible nutrients (TDN) showed increasing linear relationship (P<0.10) with multiple supplement levels, but there was no effect (P>0.10) on the intake digested NDF (DNDF) and DM apparent digestibility (DMD). There was no effect (P>0.10) of supplementation levels on the microbial nitrogen flow (MNF - g/day), but the microbial efficiency (MEF - CPmic g/kg TDN) and the relationship of microbial nitrogen flow with nitrogen intake (RMNF g/g nitrogen intake) were negative linear profiles. It is concluded that supplementation multiple optimizes grazing heifers performance during the rainy-dry season and supply 1.0 kg of multiple supplement per animal promotes the maximum increment of weight gain. The objective of second experiment was to evaluate the effect of providing different levels of multiple supplement on the nutritional characteristics and productive performance of heifers on pasture during the dry period. It was used 30 crossbred heifers with predominance of Zebu breed at 19 months of age and body weight of 339±5 kg in a completely randomized experimental design. Treatments consisted of mineral supplement and four levels providing 0.5, 1.0, 1.5, 2.0 kg/animal/day of multiple supplement with 300 g CP/kg DM. There was in the least squares means trend stabilization of DWG the supply of 0.98 kg of multiple supplement. The intakes of DM and TDN showed increasing linear relationship (P<0.10) with multiple supplement levels. Linear-response-plateau relationships were observed between the coefficients of apparent digestibility of diet fractions and levels of multiple supplementation. The MNF showed positive linear profile for supplementation levels. It is concluded that supplementation multiple optimizes grazing heifers performance during the dry season and supply 1.0 kg of multiple supplement per animal promotes the maximum increment of weight gain. The objective of third experiment was to evaluate the effect of providing different levels of multiple supplement on the nutritional characteristics and productive performance of pregnant heifers on pasture during the dry period. It was used 24 crossbred heifers with predominance of Zebu breed at 32 months of age and body weight of 416±5.74 kg in a completely randomized experimental design. Treatments consisted of mineral supplement and three levels providing 0.5, 1.0 and 2.0 kg/animal/day of multiple supplement with 300 g CP/kg DM. There was quadratic effect of multiple supplementation (P<0.10) on DWG. The intakes of DM and TDN showed increasing linear relationship (P <0. 10) with multiple supplement levels. The DMD had linear effect (P<0.10) with multiple supplementation levels. No effect (P>0.10) of levels of multiple supplementation on MNF and MEF, but the RMNF showed decreasing linear profile (P<0.10). It is concluded that the supply of 1.5 kg of multiple supplement optimizes the performance of grazing heifers during the dry season. The objective of fourth experiment was to evaluate the effect of providing different levels of multiple supplement on the nutritional characteristics and productive performance of pregnant cows on pasture during the dry period. It was used 28 crossbred cows with predominance of Zebu breed at body weight of 446±11.6 kg in a completely randomized experimental design. Treatments consisted of mineral supplement and three levels providing 0.5, 1.0 and 2.0 kg/animal/day of multiple supplement with 300 g CP/kg DM. There was quadratic effect of multiple supplementation (P<0.10) on DWG and linear increase for final body condition score. The intakes of DM and TDN no effect (P>0.10) with levels of multiple supplement. The DMD had cubic effect (P<0.10) with multiple supplementation levels. No effect (P>0.10) of levels of multiple supplementation on the MNF and MEF, but the RMNF showed decreasing linear profile (P<0.10). It is concluded that the supply of 1.0 kg of multiple supplement optimizes the performance of grazing cows during the dry season.
Palavras-chave: Bovinos
Novilhas
Recria
Cattle
Heifers
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Doutorado em Zootecnia
Citação: CABRAL, Carla Heloisa Avelino. Levels of supplementation for grazing beef cattle female. 2011. 101 f. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2011.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1778
Data do documento: 15-Ago-2011
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf524,61 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.