Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1868
Tipo: Tese
Título: Effects of nutritional and/ or environmental modifications on the performance of lactating sows and their litters under tropical climatic conditions
Título(s) alternativo(s): Efeitos de modificações nutricionais e/ ou ambientais sobre o desempenho de porcas lactantes e suas leitegadas sob condições de clima tropical
Autor(es): Silva, Bruno Alexander Nunes
Primeiro Orientador: Donzele, Rita Flávia Miranda de Oliveira
Primeiro coorientador: Donzele, Juarez Lopes
Segundo coorientador: Fernandes, Haroldo Carlos
Primeiro avaliador: Ferreira, Aloízio Soares
Segundo avaliador: Renaudeau, David Leon
Terceiro avaliador: Kill, João Luis
Resumo: Two hundred and fifty two Large White sows were used in three experiments to evaluate, the effects of floor cooling and the use of dietary amino acid contents on their performance and behaviour during summer; the effect of diets with reduced CP content or supplemented with essential AA on 28-d lactation performance under humid tropical climatic conditions; and the effect of diets with reduced CP content or supplemented with essential AA on 28-d lactation feeding behaviour under humid tropical climatic conditions. In the first experiment, the sows were distributed in a completely randomized 2 × 2 (with and without floor cooling × two dietary treatments) factorial design with 16 sows per treatment, each sow being considered as an experimental unit (60 in total) according to backfat thickness, parity order and BW after farrowing. Four replicates of sixteen sows each were used during the trial. The two experimental diets supplied the same levels of crude protein (22%), metabolizable energy (ME; 14.65 MJ/kg) and levels of essential digestible AA relative to digestive lysine and differed according to the digestible lysine to ME ratio (0.75 vs. 0.82 g/MJ of ME). In the second experiment, ten successive replicates of eight to ten mixed-parity Large White sows (89 in total) were used. Within each replicate, sows were distributed in a completely randomized experimental design between three dietary treatments according to backfat thickness, parity order and BW after farrowing. The dietary experimental treatments were: a normal protein diet (NP; 17.3%), a low protein diet (LP; 14.1%) and a NP diet supplemented with an amino acid (AA) complement (NP+; 17.6%). In the third experiment, a total of 47 multiparous Large White sows in a 10 successive replicates of eight to ten animals were used. Within each replicate, sows were distributed in a completely randomized experimental design between three dietary treatments according to backfat thickness, parity order and BW after farrowing. The dietary experimental treatments were: a normal protein diet (NP; 17.3%), a low protein diet (LP; 14.1%) and a NP diet supplemented with an amino acid (AA) complement (NP+; 17.6%). Based on the average minimum and maximum temperatures obtained during the 1fst, 2nd and 3rd experimental trials, it can be assumed that the sows were exposed to periods of heat stress. In the first trial it was concluded that floor cooling under the sows increased daily feed intake and lysine intake, leading to a lower body weight loss, a lower weaning-to-oestrus interval and also improved nursing behaviour of the sows, leading to a higher milk production and, consequently, higher weight gains of piglets and litter during the lactation period. For the second trial it was concluded that the hot season in humid tropical climates, which combines high levels of temperature and humidity, has an important negative impact on performance of lactating sows. Diets with low CP content or supplemented with essential AA can attenuate the effects of hot and humid season by increasing ADFI and reducing BW loss in lactating sows. In the third trial it was confirmed that changes in the feeding pattern occur during the hot season in order to attenuate the effect of elevated temperature and high relative humidity on these changes. Irrespective of season, the reduction of crude protein content can attenuate the effect of heat stress of feed intake via an increase of meal size.
Abstract: Duzentos e cinquenta e duas porcas Large White foram usadas em três experimentos para se avaliar os efeitos, do resfriamento do piso e o uso de dietas com diferentes concentrações de aminoacidos industriais sobre o desempenho e o comportamento das mesmas durante o verão; das dietas com redução do conteudo de PB ou suplementadas com AA industriais sobre o desempenho durante a lactação sob condições de clima tropical umido; e das dietas com redução do conteudo de PB ou suplementadas com AA essenciais sobre o comportamento alimentar durante a lactação sob condições de clima tropical umido. No primeiro experimento, as porcas foram distribuidas ao acaso em um fatorial 2 × 2 (com e sem piso resfriado × duas dietas) com 16 porcas por tratamento, sendo cada porca considerada uma unidade experimental (60 no total). Quatro repetições de 16 porcas cada foram usados durante o experimento com o objetivo de avaliar os efeitos do resfriamento do piso e o uso de dietas com diferentes concentrações de aminoacidos industriais sobre o desempenho e o comportamento das mesmas durante o verão. As porcas foram distribuidas entre os tratamentos de acordo com o peso corporal e a espessura de toucinho ao parto. As duas dietas forneceram os mesmos niveis de proteina bruta (PB; 22%), e energia metabolizavel (EM; 14,65 MJ/kg), e niveis de AA essenciais relativo a lisina digestivel e diferiram na relação da lisina digestivel com a EM (0,75 vs. 0,82 g/MJ de EM). No segundo experimento, dez repetições de oito a dez porcas Large White de diferentes ordens de parto foram usadas (89 no total). Dentro de cada repetição, as porcas foram distribuidas em um delineamento experimental inteiramente casualizado entre três tratamentos de acordo com espessura de toucinho, ordem de parto e peso corporal apos o parto. Os tratamentos experimentais foram assim constituidos: portein normal (PN; 17,3%), baixa proteina (BP; 14,1%) e a dieta PN suplementada com um complemento de aminoacidos (PN+; 17,6%). No terceiro experimento, um total de 47 porcas multiparas, Large White, foram usadas em 10 repetições sucessivas de oito a dez animais. Dentro de cada repetição, as porcas foram distribuidas em um delineamento experimental inteiramente casualizado com três tratamentos de acordo com espessura de toucinho, ordem de parto e peso corporal apos o parto. Os tratamentos experimentais foram assim constituidos: protein normal (PN; 17,3%), baixa proteina (BP; 14,1%) e a dieta PN suplementada com um complemento de aminoacidos (PN+; 17,6%). Baseado nas temperaturas minimas e maximas obtidas durante os experimentos, podemos inferir que as porcas estiveram expostas a periodos de estresse por calor. No primeiro experimento foi concluido que o resfriamento sob a porca aumentou o consumo de ração diario (CRD) e de lisina, levando a menores perdas corporais, menor intervalo desmama-estro e tambem melhorou o comportamento de amamentação das porcas, levando a uma maior produção de leite e, consequentemente, maiores ganhos de peso dos leitões e da leitegada durante o periodo de lactação. Para o segundo experimento foi concluído que a estação quente em climas tropicais e umidos, que combina alta temperatura e umidade, tem um importante impacto negativo sobre o desempenho de porcas lactantes. Dietas com baixa PB ou suplementadas com AA industriais podem atenuar os efeitos da estação quente e umida através do aumento do CRD e reduzindo a perda de massa corporal das porcas lactantes. No terceiro experimento confirmou-se que ocorrem alterações no padrão alimentar durante a estação quente como forma de atenuar os efeitos da temperatura elevada e da alta umidade. Independente da estação, a redução no conteudo de proteina pode atenuar os efeitos do estresse sobre o consumo de ração através do aumento do tamanho da refeição.
Palavras-chave: Thermal environment
Sows
Nutrition
Performance
Piglets
Ambiente termico
Fêmeas suínas
Nutrição
Desempenho
Leitões
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA
Idioma: eng
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Doutorado em Zootecnia
Citação: SILVA, Bruno Alexander Nunes. Efeitos de modificações nutricionais e/ ou ambientais sobre o desempenho de porcas lactantes e suas leitegadas sob condições de clima tropical. 2008. 89 f. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1868
Data do documento: 2-Out-2008
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf427,16 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.