Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/2009
Tipo: Dissertação
Título: Insegurança alimentar e nutricional e produção para o autoconsumo na zona rural de São Miguel do Anta, Minas Gerais
Título(s) alternativo(s): Food and nutrition insecurity and self-sustainable production in rural area of São Miguel do Anta, Minas Gerais
Autor(es): Dutra, Luiza Veloso
Primeiro Orientador: Priore, Sílvia Eloiza
Primeiro coorientador: Franceschini, Sylvia do Carmo Castro
Segundo coorientador: Santos, Ricardo Henrique Silva
Primeiro avaliador: Coelho, France Maria Gontijo
Segundo avaliador: Silva, Danielle Góes da
Abstract: A segurança alimentar e nutricional apresenta abordagem ampla e multifacetada, sendo que para sua completa avaliação há necessidade de métodos diferentes de classificação. A situação de insegurança alimentar na zona rural é de 35,1% no Brasil. A produção para autoconsumo pode atender a princípios da segurança alimentar e nutricional como diversidade de alimentos e manutenção de hábitos alimentares. O objetivo deste estudo foi investigar a situação de (in) segurança alimentar e nutricional por diferentes métodos; bem como a participação da produção para o autoconsumo e disponibilidade alimentar, em domicílios da zona rural de São Miguel do Anta, Minas Gerais. Foi realizado estudo transversal com 79 famílias, totalizando 272 moradores. Analisou-se fatores sociodemográficos, disponibilidade de alimentos no domicílio, durante 30 dias, e produção para autoconsumo. Os métodos utilizados para avaliação da segurança alimentar e nutricional foram o estado nutricional obtido pela antropometria, a deficiência de energia alimentar no domicílio pelo método proposto pela FAO e a percepção da insegurança alimentar pela Escala Brasileira de Insegurança Alimentar. Verificou-se que a situação de insegurança alimentar nesta população diferiu de acordo com o método utilizado, 12,7% pela Deficiência de energia alimentar no domicílio, 24,0% pela Presença de baixo peso no domicílio e 49,5% pela EBIA e observou-se baixa correlação entre os métodos. Em todos os domicílios, do total de calorias disponíveis, 22,7% provinham da produção familiar e o restante das compras, sendo a maior parte dos carboidratos comprada (91,1%), principalmente açúcar (12,2%). Visto a diferença de valores de insegurança encontrada entre os métodos, destaca-se que nenhum indicador, isoladamente, consegue abranger as múltiplas dimensões da (in) segurança alimentar e nutricional. É importante avaliar não apenas o estado nutricional, a percepção e a disponibilidade energética do alimento, mas também a qualidade, a origem, o acesso e a utilização dos alimentos para diagnosticar a situação nutricional da segurança alimentar.
The food and nutrition security is an issue of broad approach and its evaluation requires different methods. The food insecurity situation in rural areas is 35.1% in Brazil. The self-sustainable production meets the principles of food and nutrition security and diversity of food and maintenance of eating habits. The aim of this study was to investigate the situation (in) food and nutrition security by different methods, as well as participation in self-sustainable production and food availability in households in rural São Miguel do Anta, Minas Gerais. Sectional study was performed with 79 families living in rural São Miguel do Anta, MG, totaling 272 residents. We analyzed sociodemographic factors, housing conditions, and the availability of food at home for 30 days and self-sustainable production. The methods used were nutritional status, dietary energy deficiency in the household (FAO) and the Brazilian Food Insecurity Scale (EBIA). The situation of food insecurity in this population was different according to each method, 12.7% of food energy deficiency by the household, 24.0% by the presence of low weight in the home and 49.5% by EBIA. In all households, 22.7% of available calories came from household production and the remaining purchases, higher monthly expenditure on purchase of carbohydrates (91.1%), mainly sugar (12.2%). Since the difference in values of insecurity found among the methods, there is no indicator alone can cover the multiple dimensions of (in) food and nutrition security and measure household food insecurity is a challenge due to the complexity and appearance addressed. Evaluate only the availability of food energy is not sufficient to diagnose the nutritional status of food security, since the quality and origin of documents are highly relevant in condition (in) food and nutrition security.
Palavras-chave: Insegurança alimentar e nutricional
Família
Produção de alimentos
Food and nutrition insecurity
Family
Food Production
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Agroecologia
Programa: Mestrado em Agroecologia
Citação: DUTRA, Luiza Veloso. Food and nutrition insecurity and self-sustainable production in rural area of São Miguel do Anta, Minas Gerais. 2013. 132 f. Dissertação (Mestrado em Agroecologia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/2009
Data do documento: 29-Mai-2013
Aparece nas coleções:Agroecologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,13 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.