Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/20294
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorFia, Ronaldo
dc.contributor.authorMatos, Antonio Teixeira de
dc.contributor.authorFerreira, Paulo Afonso
dc.contributor.authorTeodoro, Pedro Emílio Pereira
dc.contributor.authorSchuery, Filipe Cruz
dc.contributor.authorLuiz, Fátima Aparecida Resende
dc.date.accessioned2018-06-26T13:41:34Z
dc.date.available2018-06-26T13:41:34Z
dc.date.issued2008-06-26
dc.identifier.issn21756813
dc.identifier.urihttps://reveng.ufv.br/index.php/reveng/article/view/60
dc.identifier.urihttp://www.locus.ufv.br/handle/123456789/20294
dc.description.abstractEste trabalho teve por objetivo estudar o desempenho agronômico da taboa (Typha sp.) e da alternantera (Alternanthera philoxeroides Mart) assim como a remoção de nutrientes por estas espécies, quando cultivadas em sistemas alagados construídos de escoamento subsuperficial horizontal (SACESFs), utilizados no tratamento das águas residuárias da lavagem e descascamento/despolpa dos frutos do cafeeiro (ARC). Para isso, foram quantificadas as seguintes variáveis, na água residuária: nitrogênio, fósforo, potássio e compostos fenólicos, bem como no tecido vegetal, os macronutrientes (N, P, K, Ca, Mg) e sódio. As plantas cultivadas não se adaptaram às condições de exposição a altas cargas orgânicas e de nutrientes, não apresentando bom desempenho agronômico em termos de produtividade de matéria seca e extração de nutrientes, F exceto aquelas cultivadas no SAC 1 (SACESF que recebeu ARC diluída 50% (v/v) com correção de pH e nutrientes e após passar por digestão em filtro anaeróbio). A taboa extraiu, aproximadamente F 0,58, 5,55 e 1,30% de todo o N, P e K aplicado no SAC 1 . A alternantera foi a espécie vegetal que apresentou maior capacidade extratora de nutrientes, chegando a extrair aproximadamente 4,6, 28,8 F e 9,1% de todo o N, P e K aplicado no SAC 1.pt-BR
dc.description.abstractThis study was done to evaluate the agronomi al performance of and nutrient removal by macrophyte (Typha sp.) and alternantera (Alternanthera philoxeroides Mart) grown in subsurface flow constructed wetlands (SACESFs), used in the treatment of wastewater form the coffee cherry processing (ARC). The pH, N, P, K and phenolic compounds of the ARC were determined while the macronutrients (N, P, K, Ca, Mg) and sodium were quantified in the aerial plant mass. In general the development and adaptation of macrophyte was poor, in terms of dry matter yield and nutrient F extraction, except that grown in SAC 1 (SACESF received diluted ARC 50% (v/v), with corrected pH and nutrients after digestion in an anaerobic filter. The macrophyte removed about 0.58, 5.55 and F 1.30% of the N, P and K from the SAC 1 , while alternanthera removed higher quantities of nutrients, e..g. about 4.6, 28.8 and 9.1% N, P and K.en
dc.formatpdfpt-BR
dc.language.isoporpt-BR
dc.publisherEngenharia na Agriculturapt-BR
dc.relation.ispartofseriesv. 16, n. 4, p. 436-448, outubro-dezembro 2008pt-BR
dc.rightsOpen Accesspt-BR
dc.subjectAguas residuáriaspt-BR
dc.subjectCafépt-BR
dc.subjectSistemas alagados construídospt-BR
dc.subjectTaboapt-BR
dc.subjectAlternanterapt-BR
dc.titleDesempenho agronômico da Thypha sp. e Alternanthera philoxeroides Mart utilizadas no tratamento de águas residuárias da lavagem e descascamento/despolpa dos frutos do cafeeiro em sistema alagado construídopt-BR
dc.typeArtigopt-BR
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
artigo.pdftexto completo147,7 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.