Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/2237
Tipo: Dissertação
Título: Composição e distribuição espacial e sazonal de anfíbios em unidade de conservação da Mata Atlântica, Alfredo Chaves, Espírito Santo
Título(s) alternativo(s): Composition and spatial distribution and seasonal anurans in protected area of the Atlantic Forest, Alfredo Chaves, Espirito Santo
Autor(es): Dantas, Roberto de Barros
Primeiro Orientador: Feio, Renato Neves
Primeiro coorientador: Ribon, Rômulo
Segundo coorientador: Santos, Jorge Abdala Dergam dos
Primeiro avaliador: Ribeiro Filho, Oswaldo Pinto
Segundo avaliador: Prado, Gustavo Machado
Abstract: Este estudo objetivou determinar a composição e distribuição espacial e sazonal de anfíbios anuros da Reserva Particular do Patrimônio Natural Oiutrem, fragmento de Mata Atlântica, região de montanha, Alfredo Chaves, Espírito Santo, Brasil, bem como testar a correlação das variáveis climáticas sobre a atividade de vocalização dessas espécies. As amostragens ocorreram de janeiro de 2008 a fevereiro de 2009, empregando-se os métodos de busca ativa e armadilhas de interceptação e queda (pitfalls traps). Foram registradas 22 espécies de anuros de oito famílias e 12 gêneros. A família Hylidae foi a mais representativa, com 50% do total, seguida da família Brachycephalidae, com 18,18%. 54,55% das espécies (n = 12) são típicas da Mata Atlântica e 31,81% (n = 7) têm ampla distribuição. A represa Gaturama, com 14 espécies, foi o ambiente com a maior riqueza, enquanto as estações com as armadilhas de interceptação equeda, com nove espécies, são as de menor riqueza. Haddadus binotatus, Ischnocnema guentheri, Physalaemus cuvieri e Rhinellacrucifer apresentaram grande plasticidade na ocupação de habitats; a maioria das espécies ocorreu no período quente e úmido.Os meses que apresentaram as maiores concentrações de espécies foram outubro (n = 12) e novembro (n = 14) de 2008 e janeiro (n = 12) e fevereiro (n = 12) de 2009. Não houve correlação da riqueza de espécies com as variáveis climáticas no período de estudo. E essa falta de correlação pode ser um indicativo de que esses valores, individualmente, parecem não ter influência significativa na riqueza de espécies, apesar da riqueza ser maior nos meses mais quentes e úmidos do período estabelecido para a pesquisa. Os resultados sugeriram que as variáveis climáticas explicam muito pouco da ocorrência sazonal dos anuros e que um fator climático isolado pode não ser a resposta, e sim a soma deles, aliada ao grau de preservação da área pesquisada.
This study aimed at determining the composition, distribution, seasonality and test the correlation of climatic variables on the vocalization activity of anurans in the RPPN (Private Reserve of Nature Patrimony) Oiutrem, fragment of Atlantic rainforest in the mountains of Alfredo Chaves, Espirito Santo State, Brazil. The materials were collected during the period from January 2008 to February 2009, monthly, using the methods of active search and traps and fall (Pitfalls traps). This study found 22 frog species that were divided into 8 families and 12 genera. The family Hylidae was the most representative, with 50% of the total, followed by family Brachycephalidae, with 18.18% of the total. This study also registres that 54.55% (n = 12) of the species are typical of this Atlantic rainforest and 31.81% (n = 7) are widely distributed. The Gaturama Dam, with 14 species was the environment with the greatest richness. whereas stations with the traps and fall showed the lowest richness, with 09 species. Haddadus binotatus, Ischnocnema guentheri, and Physalaemus cuvieri and Rhinella crucifer were species that showed high plasticity in the occupation of habitats. Most species occurred in the hot and humid period. The months of October (n = 12) and November (n = 14), 2008 and January (n = 12) and February (n = 12), 2009, obtained the highest concentrations of species found. There was no correlation of species richness with climatic variables during the study period. This lack of correlation may be an indication that these figures alone do not seem to have significant influence on species richness, although a wealth of species have been bigger during the hot and humid period of the study. These results shows that climatic variables explains very little about the seasonal occurrence of frogs, as well as an isolated factor may not be the answer, but the sum of these factors combined with the degree of preservation of the studied area.
Palavras-chave: Mata Atlântica
Anfíbios anuros
Distribuição espacial e sazonal
Alfredo Chaves
Atlantic Forest
Anurans
Spatial distribution and seasonal
Alfredo Chaves
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA::TAXONOMIA DOS GRUPOS RECENTES
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Biologia e Manejo animal
Programa: Mestrado em Biologia Animal
Citação: DANTAS, Roberto de Barros. Composition and spatial distribution and seasonal anurans in protected area of the Atlantic Forest, Alfredo Chaves, Espirito Santo. 2009. 83 f. Dissertação (Mestrado em Biologia e Manejo animal) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2009.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/2237
Data do documento: 9-Out-2009
Aparece nas coleções:Biologia Animal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,85 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.