Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/22480
Tipo: Artigo
Título: “Sou o mundo, sou Minas Gerais”: o ser da experiência em “para Lennon e Mccartney”
Autor(es): Coelho, Rafael Senra
Abstract: A canção “Para Lennon e McCartney” imagina um diálogo entre músicos latino americanos e anglo-saxões. Os dois cantores citados no título tornam-se uma metonímia de toda a indústria musical do eixo Europa/EUA. Nessa composição, a condição simultânea rural e urbana que compõe o espaço da periferia permite que o sujeito da experiência persista na modernidade. A voz do narrador experiente confronta todo o projeto de identidade supostamente coerente da metrópole, baseado no acúmulo de informação.
The song "Para Lennon e McCartney" imagines a dialogue between Latin American and Anglo-Saxon musicians. The two singers mentioned in the title symbolize the entire music industry from Europe and United States. In this composition, the simultaneous rural and urban condition of poor countries allows the permanence of the experienced person in modernity. The voice of the experienced narrator confronts the coherent identity project from people in North metropolis, based in accumulation of information.
Palavras-chave: Identidade
Globalização
Experiência
Identity
Globalization
Experience
Música popular
Popular music
Editor: Jangada
Tipo de Acesso: Open Access
URI: https://www.revistajangada.ufv.br/index.php/Jangada/article/view/81
http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/22480
Data do documento: 7-Abr-2017
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
artigo.pdfartigo542,69 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.