Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/2273
Tipo: Dissertação
Título: A fauna de besouros Ciidae (Insecta: Coleoptera) de Cerrado no Alto Paranaíba, MG
Título(s) alternativo(s): The fauna of Ciidae beetles (Insecta: Coleoptera) from Cerrado in Alto Paranaíba, MG
Autor(es): Souza, Nilcilene de Fatima Resende
Primeiro Orientador: Santos, Jorge Abdala Dergam dos
Primeiro coorientador: Andrade, Cristiano Lopes
Primeiro avaliador: Siqueira, Maria Augusta Lima
Abstract: Os desmatamentos no Bioma Cerrado vêm afetando a diversidade de espécies de vários organismos, principalmente daqueles dependentes de recursos que são naturalmente escassos nesse bioma, como os insetos xilófagos, coprófagos, e fungívoros, dentre outros. Esse é caso dos besouros Ciidae, que são diretamente dependentes de fungos que crescem em madeira em decomposição. Os ciídeos apresentam todo o seu ciclo de vida, incluindo cópula e oviposição, em basidiomas de macrofungos coriáceos, conhecidos vulgarmente como orelhas-de-pau. O objetivo deste estudo foi fazer um levantamento das espécies de Ciidae e seus hábitos alimentares nas diferentes fitofisionomias do Cerrado do Alto Paranaíba, avaliando também alguns fatores ecológicos que poderiam determinar a composição e a riqueza de espécies desses organismos nesse bioma. Para isso, foram estudadas quatro fitofisionomias: Cerrado sensu stricto, Cerradão, Campo Limpo e Mata de Galeria, onde foram avaliadas as variáveis explicativas relacionadas à disponibilidade de recurso (massa dos fungos, circunferência dos troncos e riqueza de espécies de fungos). Não foi observada variação na riqueza de espécies de Ciidae entre as diferentes fitofisionomias avaliadas. As variáveis utilizadas para avaliar a disponibilidade de recurso foram consideradas não significativas, por não afetarem a riqueza de espécies de Ciidae. A riqueza foi igual, mas a composição de espécies se mostrou bem distinta, com apenas uma espécie ocorrendo em todas as fitofisionomias. A área de Campo Limpo apresentou o maior número de espécies exclusivas. Em relação aos hábitos alimentares, foi observada uma tendência à polifagia. Sabe-se que algumas das espécies encontradas são exclusivas de Cerrado e de áreas urbanas como, por exemplo, Strigocis vicosensis Lopes-Andrade. Outras, como Malacocis sp., são espécies novas, o que demonstra o pouco conhecimento sobra a fauna de Ciidae do Cerrado. As alterações nas áreas naturais devem ser realizadas de modo a não afetar a disponibilidade de madeira e, consequentemente, o desenvolvimento dos fungos e dos ciídeos que dependem deste recurso.
Deforestation in the Cerrado is affecting the species diversity of various organisms, especially those dependent on resources that are naturally scarce in this biome, such as xylophagous insects, coprophagous and fungivorous, among others. This is the case of Ciidae beetles, which are directly dependent on fungi growing on decaying wood. Ciidshavetheir entire life cycle, including copulation and oviposition,in basidiomes of leatherymacrofungi, commonly known as bracket fungi. The aim of this study was to survey the Ciidae species and their feeding habits at different Cerrado phytophysiognomiesin Alto Paranaíba, also evaluating some ecological factors that could determine the composition and species richness of these organisms in this biome. For this, four phytophysiognomieswere studied: Cerrado sensu stricto, Cerradão , Campo Limpo and Riparian Forest, where the explanatory variables were evaluated related to resource availability (fungal mass, circumference of trunks and species richness of fungi). There was no variation in species richness of Ciidae between the evaluated phytophysiognomies. The variables used to assess resource availability were not considered significant, because they did not affect the species richness of Ciidae. The species richness was equal, but the species composition proved quite distinct, with only one species occurring in all phytophysiognomies. The Campo Limpo area had the highest number of exclusive species. Concerning feeding habits, there was a tendency to polyphagy. It is known that some of the species found are unique to Cerrado and urban areas, for instanceStrigocis vicosensis Lopes-Andrade. Others, like Malacocis sp., are new species, which demonstrates the importance, but lack of knowledge, on the Ciidae fauna of the Cerrado.Changes in natural areas should be designed so as not to affect the availability of wood and therefore the development of fungi and ciids, which depend on this resource.
Palavras-chave: Besouros
Ciidae
Cerrado
Alto Paranaíba
Beetles
Ciidae
Cerrado
Alto Paranaíba
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA::TAXONOMIA DOS GRUPOS RECENTES
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Biologia e Manejo animal
Programa: Mestrado em Biologia Animal
Citação: SOUZA, Nilcilene de Fatima Resende. The fauna of Ciidae beetles (Insecta: Coleoptera) from Cerrado in Alto Paranaíba, MG. 2013. 44 f. Dissertação (Mestrado em Biologia e Manejo animal) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/2273
Data do documento: 2-Mai-2013
Aparece nas coleções:Biologia Animal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,05 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.