Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/22845
Tipo: Artigo
Título: Tipo de miniestaca e de substrato na propagação vegetativa de Angico-vermelho (Anadenanthera macrocarpa (Benth.) Brenan)
Autor(es): Dias, Poliana Coqueiro
Xavier, Aloisio
Oliveira, Leandro Silva de
Correia, Anne Caroline Guieiro
Barbosa, Giovani André
Abstract: O presente trabalho teve o objetivo de avaliar o efeito da redução da área foliar de miniestacas apicais e intermediárias e de diferentes substratos (vermiculita e composto orgânico) no enraizamento de seis progênies de meios-irmãos de Anadenanthera macrocarpa a partir de minicepas de origem seminal. As avaliações foram realizadas na saída da casa de vegetação (30 dias) e da casa de sombra (40 dias) para sobrevivência e exposição de raízes na extremidade inferior do tubete. Na fase de crescimento a pleno sol, aos 70 dias após o estaqueamento, foi avaliado o percentual de sobrevivência, enraizamento, altura, diâmetro de colo, número de raízes e massa seca da parte aérea e da raiz das miniestacas enraizadas. Observou-se para tipo de substrato e tipo de miniestacas diferença entre as progênies quanto às características analisadas. O substrato à base de vermiculita proporcionou maiores médias quanto à sobrevivência, enraizamento, altura, diâmetro do colo e peso de massa seca de raiz. De modo geral, para sobrevivência, enraizamento, número de raízes e massa seca da parte aérea e da raiz constatou-se que, independentemente da progênie, a miniestaca apical com 10 cm de comprimento e com a folha inteira apresentou maiores médias. Portanto, utilizando a vermiculita como substrato as miniestacas apicais com 10 cm de comprimento e folha inteira mostraram-se mais adequadas à propagação vegetativa de material seminal de Anadenanthera macrocarpa por miniestaquia.
This paper aimed to evaluate the effect of leaf area reduction of apical and intermediate mini-cuttings and different substrates (vermiculite and organic substrate) on the rooting of six half-sib Anadenanthera macrocarpa progenies from mini-stumps of seminal origin. The evaluations were carried out in the greenhouse (30 days) and the shade house (40 days) for survival rate and roots percentage observed at the bottom of the container. Survival rate and rooting percentage, height, stem diameter, number of roots, and dry mass of shoot and roots of mini-cuttings were evaluated, in the full sunlight area, 70 days after staking. The results showed that are not differences between progenies for type of mini-cuttings and substrate to characteristics evaluated. The vermiculite substrate provided the best results for the survival rate, rooting percentage, height, stem diameter and weight of dry roots. In general terms, apical mini-cuttings up to 10 cm in length and entire leaf had higher averages survival rate, rooting percentage, root number and dry weight of shoot and root. Therefore, using vermiculite as substrate, apical mini-cuttings up to 10 cm in length and entire leaf were more appropriate for vegetative propagation from seminal material of Anadenanthera macrocarpa by mini-cutting technique.
Palavras-chave: Propagação de plantas
Miniestaquia
Enraizamento
Plant propagation
Mini- cutting technique
Rooting
Editor: Ciência Florestal
Tipo de Acesso: Open Access
URI: http://dx.doi.org/10.5902/1980509820593
http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/22845
Data do documento: Out-2015
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
artigo.pdftexto completo346,48 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.