Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/23541
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorLima, Leandro Freitas de
dc.contributor.authorMoreira, Osvaldo Costa
dc.contributor.authorCastro, Eduardo França
dc.date.accessioned2019-02-15T12:47:07Z
dc.date.available2019-02-15T12:47:07Z
dc.date.issued2014
dc.identifier.issn1981-9900
dc.identifier.urihttp://www.rbpfex.com.br/index.php/rbpfex/article/view/686
dc.identifier.urihttp://www.locus.ufv.br/handle/123456789/23541
dc.description.abstractOs métodos de ensino alternativos podem auxiliar o professor e também servir como recurso de pesquisa, na medida em que permitem a interação entre os atores do processo ensino/aprendizagem. Especificamente no processo de ensino/ aprendizagem da fisiologia humana e da fisiologia do exercício, os professores raramente recorrem a métodos alternativos de ensino, optando, quase sempre, por formas tradicionais de ensino, e este fato pode estar acarretando em maiores dificuldades para os estudantes, nos cursos em que a fisiologia se faz presente. Nesse sentido, o presente trabalho objetivou realizar uma revisão de literatura de forma a apresentar os métodos alternativos já utilizados e os resultados obtidos no ensino-aprendizagem da fisiologia humana e da fisiologia do exercício, fundamentado na literatura publicada nos últimos 10 anos. Através desse levantamento teórico foi possível verificar que os métodos mais efetivos são os mapas conceituais e seminários didáticos, pois foram capazes de promover maior participação, interação e retenção do conteúdo pelos estudantes.pt-BR
dc.description.abstractThe alternative teaching methods can help the teacher and also serve as a resource for research, as they allow the interaction between the actors of the teaching/learning process. Specifically in the teaching/learning process of human physiology and exercise physiology, teachers rarely turn to alternative methods of teaching, opting almost always by traditional ways of teaching, and this fact may be resulting in greater difficulties for students of courses in that physiology is present. Accordingly, this study aimed to conduct a literature review in order to present alternative methods already used and the results obtained in the teaching/learning of human physiology and exercise physiology, based on literature published in the last 10 years. Through this theoretical survey we found that the most effective methods are conceptual maps and educational seminars, because were able to promote greater participation, interaction and retention of content by students.en
dc.formatpdfpt-BR
dc.language.isoporpt-BR
dc.publisherRevista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercíciopt-BR
dc.relation.ispartofseriesv. 8, n. 47, p. 507- 513, 2014pt-BR
dc.rightsOpen Accesspt-BR
dc.subjectAprendizagempt-BR
dc.subjectFisiologiapt-BR
dc.subjectMétodos de ensinopt-BR
dc.subjectTeaching methodspt-BR
dc.subjectLearningpt-BR
dc.subjectPhysiologypt-BR
dc.titleNovos olhares sobre o ensino da fisiologia humana e da fisiologia do exercíciopt-BR
dc.typeArtigopt-BR
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
artigo.pdftexto completo240,99 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.