Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/2566
Tipo: Dissertação
Título: Gradiente vegetacional e pedológico em Complexo Rupestre de Quartzito no Quadrilátero Ferrífero, Minas Gerais, Brasil
Título(s) alternativo(s): Pedological and vegetation gradient in Complex Rupestrian Quartzite, Minas Gerais, Brazil
Autor(es): Silva, Wesley Alves
Primeiro Orientador: Neri, Andreza Viana
Primeiro coorientador: Schaefer, Carlos Ernesto Gonçalves Reynaud
Segundo coorientador: Ferreira Júnior, Walnir Gomes
Primeiro avaliador: Souza, Agostinho Lopes de
Segundo avaliador: Carmo, Flávia Maria da Silva
Abstract: O estudo avaliou a composição florística, estrutura e as formas de vida da comunidade herbáceo-lenhosa ocorrentes em diferentes fitofisionomias do Complexo Rupestre de Quartzito no Quadrilátero Ferrífero, Brasil, além da influência da variação edáfica sobre a distribuição das espécies. Foram alocadas 130 parcelas em três fitofisionomias distintas ao longo do gradiente pedogeomorfológico: Campo Rupestre Herbáceo, Capão Florestal e Escrube, sendo que nas duas últimas foram amostrados os estratos superiores e inferiores. Foram calculados os parâmetros quantitativos clássicos, os índices de diversidade e equabilidade e análise dos espectros biológicos da vegetação, usando as formas de vida de Raunkiaer. Para análise químicas e físicas coletou-se uma amostra simples de solo (0-10cm). A variação da riqueza e abundância no Campo Rupestre Herbáceo entre a estação seca e chuvosa foi avaliada pela Anova. Ao todo foram amostrados 4.446 indivíduos compreendidos em 218 espécies, com destaque para as famílias: Asteraceae em geral, Myrtaceae na comunidade lenhosa, Poaceae e Cyperaceae na comunidade herbácea. No Campo Rupestre Herbáceo foram levantados 3.413 indivíduos e 107 espécies, no Escrube 625 indivíduos e 52 espécies, no Capão Florestal 141 indivíduos e 40 espécies, no estrato superior do Escrube 229 indivíduos e 73 espécies e no estrato superior do Capão Florestal, 38 indivíduos e 13 espécies. As formas de vida diferiram significativamente entre as áreas e fanerófita foi à forma de vida predominante. A análise de agrupamentos indicou cinco grupos principais constituídos pelos diferentes habitats. A principal separação foi o campo herbáceo das demais áreas de estudo. A CCA mostrou que existe um gradiente ambiental forte, mas a distribuição das espécies foi pouco explicada por essa análise. A Anova assim como a CCA, evidenciaram que a abundância e a riqueza diferiram significativamente entre as estações seca e chuvosa no Campo Rupestre Herbáceo. O presente estudo confirmou a complexidade da vegetação, evidenciando que a elevada riqueza de espécies do Complexo Rupestre de Quartzito no Quadrilátero Ferrífero. Os resultados nos mostram que ainda existem muitas questões a serem respondidas, principalmente com relação ao padrão de distribuição das espécies.
The study assessed the floristic composition, structure and ways of life of the community herbaceous and woody vegetation types occurring in different phytophysiognomies the Complex Rupestrian Quartzite Iron Quadrangle-MG, Brazil Quadrangle, Brazil, beyond the influence of edaphic variation on the distribution of species. Were allocated 130 plots into three distinct phytophysiognomies along the gradient geomorphic pedogeomorphologic: Herbaceous Herbaceous Rupestrian Field (CRH), Capão Forest (CF) and Shrub (E), and the last two sampled the upper and lower strata. Were calculated parameters quantitative classics, the diversity index and evenness and analysis of biological spectra of vegetation, using the forms of life Raunkiaer. For chemical and physical analysis was collected a simple sample of soil (0-10cm). The variation of wealth and abundance in the field between the dry and rainy seasons was evaluated by ANOVA. Altogether were sampled 4.446 individuals in 218 species understood, especially for families: Asteraceae generally, Myrtaceae woody community, Poaceae and Cyperaceae in the herbaceous community. In Herbaceous Rupestrian Field were raised 3.413 individuals and 107 species, in Shrub 625 individuals and 52 species, in Capão Forest 141 individuals and 40 species, in the upper stratum of Shrub 229 individuals and 73 species in the upper strata of the Capão Forest, 38 individuals and 13 species. The life forms differed significantly between areas and phanerophytes was the predominant form of life. The cluster analysis indicated five main groups consist of different habitats. The primary separation was the herbaceous field from other areas of study. The CCA showed that there is a strong environmental gradient, but the distribution of the species was somewhat explained by this analysis. The Anova, as well as the CCA, showed that the abundance and richness differed significantly between the dry and rainy seasons in Herbaceous Rupestrian Field. The present study confirmed the complexity of the vegetation, indicating that the high species richness Complex Rupestrian Quartzite Iron Quadrangle.
Palavras-chave: Vegetação - Classificação
Comunidades vegetais - Identificação
Comunidades vegetais - Quadrilátero Ferrífero (MG)
Plantas - Identificação
Plantas e solo
Solos
Solos - Composição
Botânica
Vegetation - Classification
Plant communities - Identification
Plant communities - Quadrilátero Ferrífero (MG)
Plants - identification
Plants and soil
soils
Soils - Composition
botany
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BOTANICA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Botânica estrutural; Ecologia e Sistemática
Programa: Mestrado em Botânica
Citação: SILVA, Wesley Alves. Pedological and vegetation gradient in Complex Rupestrian Quartzite, Minas Gerais, Brazil. 2013. 90 f. Dissertação (Mestrado em Botânica estrutural; Ecologia e Sistemática) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/2566
Data do documento: 25-Mar-2013
Aparece nas coleções:Botânica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf718,88 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.