Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/26
Tipo: Dissertação
Título: Determinantes de longo prazo do produto e da produtividade total dos fatores da agropecuária brasileira: 1974-2005
Título(s) alternativo(s): Product and total factor productivity determinants of Brazilian agriculture, in the long run: 1974-2005
Autor(es): Brigatte, Henrique
Primeiro Orientador: Teixeira, Erly Cardoso
Primeiro coorientador: Lima, João Eustáquio de
Segundo coorientador: Braga, Marcelo José
Primeiro avaliador: Mattos, Rogério Silva de
Segundo avaliador: Rodrigues, Rodrigo Vilela
Terceiro avaliador: Coelho, Alexandre Bragança
Quarto avaliador: Silveira, Suely de Fátima Ramos
Abstract: O setor agropecuário é um dos mais importantes da economia brasileira. Além do dinamismo responsável por importantes efeitos de encadeamento em atividades de outros setores, é também um dos que mais contribui para a obtenção dos expressivos saldos positivos na balança comercial verificados recentemente e para a conseqüente geração de divisas, essenciais para a manutenção do equilíbrio e da estabilidade macroeconômica. A garantia para o crescimento econômico sustenta-se na oferta de boas condições de infra-estrutura, responsável pela oferta dos recursos básicos que as empresas utilizam em seus processos produtivos. Além disso, avanços na concessão de crédito e aperfeiçoamentos no capital humano também exercem papéis de grande relevância no produto e na produtividade de todos os setores da economia, inclusive na agropecuária. À medida que se observam tais evoluções, é possível que as respostas dadas pelos setores sejam incrementos na produtividade, gerando, assim, aumentos no produto e na renda. O presente estudo desenvolve uma análise dos impactos exercidos pelas mais relevantes variáveis no produto interno bruto (PIB) e na produtividade total dos fatores (PTF) da agricultura nacional ao longo do período entre 1974 e 2005. São considerados como determinantes do crescimento econômico: investimentos em infraestrutura de transportes, de energia elétrica, de pesquisa, irrigação e armazenagem agrícolas, além dos montantes de crédito rural e da educação dos trabalhadores do setor agropecuário. A análise é feita por meio do uso de cointegração pelo método de Johansen, a partir da construção de modelos de vetores auto-regressivos (VAR) bivariados. Nestes, considera-se o PIB agrícola como variável dependente, e um dos determinantes como a variável explicativa. O mesmo procedimento é realizado para a PTF. São efetuados, em seguida, testes de causalidade para identificar de que forma se distribuem no tempo as variações nas variáveis consideradas, numa tentativa de obtenção de evidências do poder de previsão de mudanças que as variáveis possuem entre si. Os resultados indicam que investimentos em infra-estrutura exercem impactos positivos no longo prazo sobre o produto agrícola. Do mesmo modo, os investimentos em infra-estrutura também mantêm relações positivas, no longo prazo, com a produtividade do setor. Não são detectadas relações de cointegração entre crédito rural e o produto e a produtividade da agropecuária brasileira. No que tange à educação dos trabalhadores agrícolas, observa-se que ela possui relação de longo prazo positiva, e estatisticamente significativa, com o PIB e a PTF do setor agrícola. Ademais, as relações de causalidade entre as variáveis, majoritariamente, possuem sentido único, no qual variações nos determinantes precedem mudanças no produto e na produtividade total dos fatores da agropecuária brasileira.
The agricultural sector is one of the most important in the Brazilian economy. In addition to the dynamism responsible for important chain effects on other sectors activities, it also contributes to obtain expressive positive credit balances in the recently verified commercial balance, and consequently to generate foreign exchange credits, essential for maintaining macroeconomic stability. The guarantee for economic growth is based on the offer of good infrastructure conditions, responsible for the basic resources companies utilize in their productive processes. Besides, advancements in the provision of credit and human capital improvement also play relevant roles in the product and productivity of all the sectors of the economy, including agriculture. As such evolutions are observed, the answers provided by the sectors may act as increase in productivity, thus leading to increase in product and income. This study develops an analysis of the impacts caused by the most relevant variables on gross domestic product (GDP) and on total factor productivity (TFP) in domestic agriculture along the period 1974 and 2005. The following factors are considered determinants of economic growth: investments in transport, electric energy, research, irrigation, and agricultural storage infrastructures, besides in rural credit and agricultural worker education. The analysis is carried out by means of co-integration by the Johansen method, through the construction of bivariate vector autoregressive (VAR) models. In these, agricultural GDP is used as dependent variable and one of the determinants as the explicative variable. The same procedure is carried out for the TFP. Causality tests are then performed to identify how the variations are distributed in time in the variables considered, in an attempt to obtain evidences of the power the variables have in predicting changes. The results indicate that infrastructure investments have a positive impact on the agricultural product in the long run. Similarly, infrastructure investments keep positive relations with the sector s productivity, in the long run. Co-integration relations between rural credit and product and Brazilian agricultural productivity are not detected. Agricultural worker education is found to have a long term, positive, and statistically significant relation with the GDP and TPF of the agricultural sector. Moreover, the causality relations among the variables, in their majority, were detected in a unique direction, in which determinant variations precede changes in product and total factor productivity of the Brazilian agriculture.
Palavras-chave: Crescimento econômico
PTF agrícola
Cointegração
Economic growth
Co-integration
Agricultural total factor productivity
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA::CRESCIMENTO, FLUTUACOES E PLANEJAMENTO ECONOMICO::CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO ECONOMICO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Economia e Gerenciamento do Agronegócio; Economia das Relações Internacionais; Economia dos Recursos
Programa: Mestrado em Economia Aplicada
Citação: BRIGATTE, Henrique. Product and total factor productivity determinants of Brazilian agriculture, in the long run: 1974-2005. 2009. 135 f. Dissertação (Mestrado em Economia e Gerenciamento do Agronegócio; Economia das Relações Internacionais; Economia dos Recursos) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2009.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/26
Data do documento: 3-Mar-2009
Aparece nas coleções:Economia Aplicada

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf608,4 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.