Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/2613
Tipo: Dissertação
Título: Seleção de melhores práticas de engenharia de software com base em parâmetros extraídos do ambiente do problema
Título(s) alternativo(s): Selection of best practices of software engineering based on parameters extracted from the environment of the problem
Autor(es): Satler, Bruno Torres
Primeiro Orientador: Braga, José Luis
Primeiro coorientador: Oliveira, Alcione de Paiva
Segundo coorientador: Santos, André Gustavo dos
Primeiro avaliador: Pádua, Clarindo Isaias Pereira da Silva e
Segundo avaliador: Rocha, Mauro Nacif
Abstract: Atualmente, a utilização de software é tratada como elemento estratégico nas organizações, sobretudo na diferenciação de produtos e serviços. Processos de desenvolvimento e mais especificamente as práticas para desenvolvimento, são estudados dentro da engenharia de software como um dos principais mecanismos para se obter software de qualidade e cumprir corretamente os contratos de desenvolvimento. A engenharia de software é, portanto, a área da ciência da computação mais visivelmente relacionada com o desenvolvimento propriamente dito de softwares, através dos aspectos de desenvolvimento com qualidade, processos e práticas de desenvolvimento e com as técnicas de gerenciamento de processo. Sabemos que problemas presentes em diversas áreas são resolvidos através do desenvolvimento de software. Cada uma dessas áreas apresenta diferentes tipos de perfis de problemas e estão inseridos em ambientes distintos, sendo que cada perfil apresenta características específicas inerentes a seu contexto. O presente trabalho apresenta uma metodologia para adoção de práticas de engenharia de software (técnicas e gerenciais), para micro e pequenas empresas, baseada em parâmetros extraídos do ambiente em que os problemas estão inseridos. Para isso é traçado um perfil de complexidade do ambiente, baseado na classificação de sete fatores que são obtidos através da abordagem GQM. O trabalho apresenta também um levantamento de boas práticas de engenharia de software, baseado em modelos de qualidade de processos consagrados como CMMI e MPS.BR. As práticas propostas têm inicialmente um caráter de independência entre si, sendo chamadas no trabalho de building blocks. O mapeamento das práticas para determinado perfil se dá através do posicionamento do mesmo em um dos quatro quadrantes de complexidade (baixa, média técnica, média gerencial e alta). São realizados também estudos de caso nos quais o método de diagnóstico e mapeamento propostos foram aplicados a duas empresas diferentes com o objetivo de sugerir boas práticas de engenharia de software adequadas a seus respectivos perfis.
Currently, the use of software is treated as a strategic element in organizations, especially in the differentiation of products and services. Development processes and more specifically the practices for development, are studied in software engineering as a major mechanism for achieving quality software and properly fulfill contracts for the development. Software engineering is therefore the area of computer science more visibly linked to the actual development of software applications through development aspects of quality, processes and practices of development and technical management processes. We know that problems in different areas are solved through the development of software. Each of these areas has different types of problems and is embedded in different environments, each profile having specific characteristics inherent in its context. This paper presents a methodology for the proposition of software engineering practices (technical and managerial) for micro and small companies, based on parameters extracted from the environment in which the problems belong. For this, was trace a profile of complexity of the environment, based on the classification of seven factors that are obtained through the GQM approach. The paper also presents a collection of best practices in software engineering, based on recognized quality model processes as CMMI and MPS.BR. The proposed practices have initially a character of independence among them and are called, in this work, of building blocks. The mapping of practices for a certain profile is made through the placement in one of four quadrants of complexity (low, average technical, middle management and high). In addition was carried out case studies in which the method of diagnosis and mapping proposed were applied to two different companies in order to suggest software engineering best practices appropriate to their respective profiles.
Palavras-chave: Processos de desenvolvimento de software
Práticas de engenharia de software
Perfil de complexidade do ambiente de desenvolvimento de software
Software development processes
Software engineering practices
Profile of complexity of the software development environment
CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::CIENCIA DA COMPUTACAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Metodologias e técnicas da Computação; Sistemas de Computação
Programa: Mestrado em Ciência da Computação
Citação: SATLER, Bruno Torres. Selection of best practices of software engineering based on parameters extracted from the environment of the problem. 2010. 130 f. Dissertação (Mestrado em Metodologias e técnicas da Computação; Sistemas de Computação) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/2613
Data do documento: 28-Set-2010
Aparece nas coleções:Ciência da Computação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf2,08 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.