Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/2720
Tipo: Dissertação
Título: Predição da síndrome metabólica em crianças por meio das medidas antropométricas e nível de atividade física
Título(s) alternativo(s): Prediction of metabolic syndrome in children by anthropometric measurements and physical activity level
Autor(es): Andaki, Alynne Christian Ribeiro
Primeiro Orientador: Tinôco, Adelson Luiz Araújo
Primeiro coorientador: Amorim, Paulo Roberto dos Santos
Segundo coorientador: Ribeiro, Rita de Cássia Lanes
Primeiro avaliador: Natali, Antônio José
Segundo avaliador: Lamounier, Joel Alves
Abstract: Estudos na área de saúde pública realizados no Brasil e no mundo indicam que a prevalência de sobrepeso e obesidade tem aumentado, principalmente na população infantil. O excesso de gordura corporal na infância esta associado ao risco aumentado de obesidade na vida adulta, bem como o desenvolvimento de uma série de co- morbidades, dentre elas alterações lipídicas, diabetes tipo 2 e hipertensão arterial, componentes estes da síndrome metabólica. O presente estudo avaliou a eficácia de medidas antropométricas, e do nível de atividade física na predição da síndrome metabólica (SM) em crianças de 10 anos de idade. Participaram do estudo 187 crianças nascidas no ano de 1999, de ambos os sexos, escolares da rede pública e privada de ensino do município de Viçosa (MG). Os indicadores antropométricos avaliados foram peso, estatura, IMC, perímetro de cintura mensurado em três pontos anatômicos, índice de conicidade, dobra cutânea triciptal, biciptal, subescapular, supra- ilíaca, somatório das dobras cutâneas subescapular e triciptal, somatório das quatro dobras cutâneas avaliadas e o percentual de gordura corporal. As crianças tiveram sua pressão arterial aferida seguindo normas padronizadas. As análises dos triglicerídeos, HDL-c e glicemia foram realizadas em 141 crianças. O nível de atividade física foi calculado para 116 crianças e o número de passos foi obtido pelo uso do pedômetro durante sete dias consecutivos, por 136 crianças. Os responsáveis pelas crianças responderam a um questionário, no qual se obteve informações sobre os hábitos de vida e características sócio-econômicas. Para os meninos, o índice de conicidade, o somatório das quatro dobras cutâneas, o nível de atividade física e o número de passos foram acurados na predição da SM. Para as meninas, os indicadores antropométricos acurados foram o IMC, os perímetros de cintura sobre a cicatriz umbilical e na menor curvatura da cintura, o somatório das dobras cutâneas triciptal e subescapular, as quatro dobras cutâneas avaliadas isoladamente e seu somatório (maior área sob a curva = 0,908), e o percentual de gordura corporal. O estudo também apontou que os diferentes pontos de mensuração do perímetro de cintura foram acurados para identificar alterações metabólicas componentes da síndrome, tais como a pressão arterial elevada, baixo nível de HDL-c e hipertrigliceridemia. Conclui-se que o nível de atividade física e o número de passos dados foram indicadores acurados na predição da SM para os meninos. O somatório das quatro dobras cutâneas demonstrou ser o mais acurado indicador antropométrico para predizer a SM em ambos os sexos, e os pontos de corte sugeridos foram 68,8 mm e 72 mm para meninos e meninas, respectivamente. Dessa forma, o acompanhamento das medidas antropométricas e a mensuração do nível de atividade física são essenciais na prevenção da SM em crianças.
Studies in public health area accomplished in Brazil and around the world indicate that the prevalence of overweight and obesity has been increasing, mainly in children. The excess of body fat in the childhood is associated to increased risk of obesity in the adulthood, as well as to the development of co-morbidities, as lipids disorders, type 2 diabetes and hypertension, which are components of the metabolic syndrome (MS). This study evaluated the effectiveness of anthropometric measures and physical activity level in predicting MS in 10 years-old children. The study included 187 children born in 1999, of both sexes, from the public and private schools in Viçosa (MG). The anthropometric indicators evaluated were weight, stature, body mass index (BMI), waist circumference as measured at two benchmark sites, conicity index, triciptal, biciptal, subscapular and suprailiac skinfolds, sum of these four skinfolds, sum of subscapular and triciptal skinfolds and percentage of body fat. The children had their blood pressure performed following standardized method. Triglycerides, HDL-c and glycemia were assessed in 141 children. The physical activity level was calculated for 116 children, and the number of steps/day was obtained by use of the pedometer for seven consecutive days, for 136 children. Children's lifestyle and socioeconomic characteristics was obtained by a questionnaire answered by their responsible. The conicity index, the sum of four skinfolds, physical activity level, and number of steps were accurate in predicting the MS in boys. The accurate anthropometrics indicators in girls were BMI, waist circumference at umbilical level, and at the level of maximum waist narrowing, sum of the triciptal and subscapular skinfolds, the four skinfolds evaluated separately, and their sum (the largest area under the curve = 0,908), and the percentage of body fat. The study also found that different points of measurement of waist circumference showed accuracy in identifying different metabolic alterations, as high blood pressure, low levels of HDL-c and hypertriglyceridemia. It was concluded that the physical activity level and the number of steps were accurate indicators to predict MS in boys. The sum of four skinfolds showed to be the most accurate anthropometric indicator for to predict MS in boys and girls, and the cutoff points suggested were 68,8 mm and 72 mm for boys and girls, respectively. Thus, monitoring of anthropometric measures and physical activity are essential in the control and prevention of metabolic syndrome in children.
Palavras-chave: Antropometria
Crianças
Curva ROC
Anthropometry
Children
Curve ROC
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Valor nutricional de alimentos e de dietas; Nutrição nas enfermidades agudas e crônicas não transmis
Programa: Mestrado em Ciência da Nutrição
Citação: ANDAKI, Alynne Christian Ribeiro. Prediction of metabolic syndrome in children by anthropometric measurements and physical activity level. 2010. 107 f. Dissertação (Mestrado em Valor nutricional de alimentos e de dietas; Nutrição nas enfermidades agudas e crônicas não transmis) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/2720
Data do documento: 9-Fev-2010
Aparece nas coleções:Ciência da Nutrição

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf2,19 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.