Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/27275
Tipo: Tese
Título: O envelhecimento e a velhice sob o olhar da pessoa idosa: proposição de uma escala de atitudes e suas inter-relações
Aging and old age under the elderly view: proposition of a scale of attitudes and their interrelations
Autor(es): Luiz, Karine Kátia Iria
Abstract: Esta tese teve como objetivo construir e validar uma escala de atitudes, considerando a percepção de idosos sobre o envelhecimento e a velhice, bem como examinar suas inter-relações com o perfil dos atores sociais envolvidos. Para atingir os objetivos propostos, esta pesquisa foi dividida em duas fases: a primeira, qualitativa, teve como finalidade subsidiar a especificação do domínio do construto atitudes de idosos frente ao envelhecimento e velhice, buscando identificar suas dimensões; bem como a geração de itens que compuseram a escala. Buscou-se, inicialmente, identificar a representação social sobre o envelhecimento e a velhice, trazida em dispositivo legal, técnico e do senso comum, sendo realizadas análises de conteúdo e semiolinguística do discurso. Além disso, procurou-se conhecer o significado do envelhecimento e da velhice para a pessoa idosa, por meio de entrevista fundamentada em um roteiro não estruturado, analisada com o auxílio do software Iramuteq. Fizeram parte desta pesquisa os idosos, com idade igual ou superior a 60 anos, participantes do Conselho Municipal do Idoso, nas cidades mineiras de Viçosa, Ponte Nova, Ubá, Visconde do Rio Branco e Juiz de Fora. A segunda fase, quantitativa, consistiu, a partir das informações levantadas na fase anterior, na construção e validação da escala, bem como no desenvolvimento de normas e recomendações de uso, além da sua associação com o perfil dos idosos. Nesta fase, a população também foi composta por idosos com idade igual ou superior a 60 anos, moradores da cidade de Rio Paranaíba, Minas Gerais. Propôs-se uma amostragem não probabilística, por quotas, cujas características relevantes de controle escolhidas foram: local de moradia e sexo. Para conhecer o perfil dos entrevistados, tanto da primeira quanto da segunda etapa, foi elaborado e aplicado um questionário socioeconômico e demográfico. Os resultados foram apresentados no formato de artigos, sendo que os três primeiros permitiram identificar a dimensionalidade do construto e subsidiar a geração de itens para compor o instrumento de pesquisa; o quarto artigo apresentou a construção da escala; e o quinto, a sua aplicação. Pode-se concluir que a maneira como o envelhecimento e a velhice é percebida depende de como o indivíduo se vê neste processo, das relações que se estabelecem, da capacidade de cuidar de si e de seus interesses, das relações com pessoas de outras faixas etárias, da capacidade de se adaptar às mudanças e aceitar o que não é possível ser mudado, da maneira como é acolhido e da possibilidade de arcar financeiramente com suas necessidades e desejos. Todas essas variáveis estão contempladas na Escala de Atitude de Idosos frente ao Envelhecimento e Velhice (EAIEV), tornando-a um instrumento útil para auxiliar pesquisas com a população idosa.
This thesis aimed to build and validate a scale of attitudes, considering the perception of the elderly about aging and old age, as well as examine their interrelations with the profile of the social actors involved. To achieve the proposed objectives, this research was divided into two phases: the first, qualitative, aimed to subsidize the specification of the construct domain attitudes of the elderly towards aging and old age, seeking to identify its dimensions; as well as the generation of items that made up the scale. Initially, the social representation about aging and old age was identified, brought in legal device, technical and common sense, and content analysis and semiolinguistic discourse were conducted. Besides that, was investigated the meaning of aging and old age for the elderly, through interviews based on an unstructured script, analyzed with Iramuteq software. This research included the elderly with 60 years old or older, participants of the Elderly Municipal Council of Viçosa, Ponte Nova, Ubá, Visconde do Rio Branco and Juiz de Fora (Minas Gerais state). The second phase, quantitative, based on the information collected in the previous phase, consisted of the construction and validation of the scale, as well as the development of norms and recommendations of use, as well as its association with the profile of the elderly. In this phase, the population was also composed of elderly aged 60 years or older, residents of the city of Rio Paranaíba, Minas Gerais. A non- probabilistic quota sampling was proposed whose relevant control characteristics were: place of residence and gender. To know the profile of the interviewees, both in the first and second stages, a socioeconomic and demographic questionnaire was prepared and applied. The results were presented in the format of articles, and the first three allowed identifying the dimensionality of the construct and subsidizing the generation of items to compose the research instrument; the fourth article presented the construction of the scale; and the fifth, its application. It can be concluded that the way in which aging and old age are perceived depends on how the person sees himself in this process, the relationships that are established, the ability to take care of himself and his interests, the relationships with people of other age groups, the ability to adapt to change and accept what cannot be changed, the way it is welcomed, and the ability to afford their needs. All these variables are included in the Elderly and Old Age Attitude Scale (EAIEV), making it a useful instrument to assist research with the elderly population.
Palavras-chave: Envelhecimento
Envelhecimento - Aspectos sociais
Idosos - Atitudes
CNPq: Economia Doméstica
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: LUIZ, Karine Kátia Iria. O envelhecimento e a velhice sob o olhar da pessoa idosa: proposição de uma escala de atitudes e suas inter-relações. 2019. 170 f. Tese (Doutorado em Economia Doméstica) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2019.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://locus.ufv.br//handle/123456789/27275
Data do documento: 17-Jun-2019
Aparece nas coleções:Economia Doméstica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,65 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.