Locus  

O rural nos museus: imaginário e narrativas em exposições museológicas

Show simple item record

dc.contributor.advisor Silva, Douglas Mansur da
dc.creator Campos, Júlia Lorrayne Moraes
dc.date.accessioned 2020-03-16T18:25:21Z
dc.date.available 2020-03-16T18:25:21Z
dc.date.issued 2019-12-02
dc.identifier.citation CAMPOS, Júlia Lorrayne Moraes. O rural nos museus: imaginário e narrativas em exposições museológicas. 2019. 89 f. Dissertação (Mestrado em Extensão Rural) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2019. pt-BR
dc.identifier.uri https://locus.ufv.br//handle/123456789/27659
dc.description.abstract O objetivo geral desta pesquisa foi a investigação da construção de representações sobre o rural através das narrativas e das exposições em dois museus do estado de Minas Gerais, sendo um deles o Museu de Artes e Ofícios – MAO, dedicado ao histórico do trabalho no Brasil, e o outro o Museu Rural, dedicado à agricultura familiar. O método para a coleta de dados foi baseado em Rechena (2011a) buscando identificar e categorizar as peças e coleções dos museus para a análise. Além disso, foi utilizado análise documental e entrevistas focalizadas com visitantes e funcionários dos museus. Essa pesquisa, de caráter exploratório e comparativo, utilizou a Teoria das Representações Sociais-TRS para a análise e interpretação dos dados. Durante a pesquisa de campo se identificou as estratégias de construção de narrativas de cada museu através da forma de exposição das coleções e do roteiro das visitações aliada a seus simbolismos. A pesquisa concluiu que cada instituição constrói sua própria representação sobre o espaço rural que é direcionada pelo imaginário social sobre o mundo rural e pelos objetivos de cada museu. Os dois espaços utilizam jogos de luze sombra para dar mais ênfase nos pontos que mais se aproximam de sua proposta institucional. Apesar disso, os museus apresentam vários pontos de contato em suas distintas representações sobre o rural como, por exemplo, na utilização de acervos similares, nas narrativas sobre o trabalho e na própria história da criação das duas instituições. As entrevistas com visitantes apontam para uma representação saudosista do rural que é visto como um espaço com características desejáveis para vida. A característica que se destaca em ambas as instituições é o rural como lugar de trabalho através da ideologia que “o trabalho dignifica o homem”. Palavras-Chave: Sociologia Rural. Museus. Representações Sociais. pt-BR
dc.description.abstract The main objective of this research was to investigate the construction of representations about the rural through narratives and exhibitions in two museums in the state of Minas Gerais, one of them being the Museu de Artes e Ofícios - MAO, dedicated to the history of work in Brazil, and the other one, the Museu Rural, dedicated to family farming.The method for data collection was based on Rechena (2011a) seeking to identify and categorize the pieces and collections of museums for analysis. In addition, documentary analysis and focused interviews with visitors and museum staff were used. This exploratory and comparative research used the Theory of Social Representations-TRS for the analysis and interpretation of data. During the field research, the narrative construction strategies of each museum were identified through the way of displaying the collections and the visitation itinerary combined with their symbolism. The research concluded that each institution builds its own representation of the rural space that is guided by the social imaginary about the rural world and the objectives of each museum. The two spaces use games of light and shadow to emphasize the points that are closest to their institutional proposal. Despite this, both museums have several points of contact in their different representations of the rural, for example, in the use of similar collections, in narratives about work and in the very history of the creation of the two institutions. Interviews with visitors point to a nostalgic representation of the rural that is seen as a space with desirable characteristics for life. The characteristic that stands out in both institutions is the rural as a place of work through the ideology that “work dignifies man”. Keywords: Rural Sociology. Museum. Social Representations. en
dc.description.sponsorship Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior pt-BR
dc.language.iso por pt-BR
dc.publisher Universidade Federal de Viçosa pt-BR
dc.rights Acesso Aberto pt-BR
dc.subject Sociologia rural pt-BR
dc.subject Museus pt-BR
dc.subject Representações Sociais pt-BR
dc.title O rural nos museus: imaginário e narrativas em exposições museológicas pt-BR
dc.title The rural in museums: the imaginary and the narratives in museum exhibitions en
dc.type Dissertação pt-BR
dc.subject.cnpq Extensão Rural pt-BR
dc.degree.grantor Universidade Federal de Viçosa pt-BR
dc.degree.department Departamento de Economia Rural pt-BR
dc.degree.program Mestre em Extensão Rural pt-BR
dc.degree.local Viçosa - MG pt-BR
dc.degree.date 2019-12-02
dc.degree.level Mestrado pt-BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

  • Extensão Rural [295]
    Teses e dissertações defendidas no Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural

Show simple item record

Search DSpace


Browse

My Account