Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/2792
Tipo: Dissertação
Título: Resposta pós-prandial de marcadores metabólicos e inflamatórios ao consumo de gordura saturada e suco de laranja em mulheres eutróficas e com excesso de peso
Título(s) alternativo(s): Postprandial response of metabolic and inflammatory markers to the consumption of saturated fat and orange juice in normal weight and overweight women
Autor(es): Coelho, Raquel Cristina Lopes de Assis
Primeiro Orientador: Bressan, Josefina
Primeiro coorientador: Hermsdorff, Helen Hermana Miranda
Primeiro avaliador: Oliveira, Camila Maciel de
Abstract: O presente trabalho teve como objetivo avaliar a resposta de marcadores metabólicos e inflamatórios no período pós-prandial após o consumo de uma refeição rica em gordura saturada, quando acompanhada de água ou suco de laranja em mulheres eutróficas e com excesso de peso. Trata-se de um estudo randomizado, controlado, cruzado, realizado no Laboratório de Metabolismo Energético e Composição Corporal do Departamento de Nutrição e Saúde da Universidade Federal de Viçosa, previamente aprovado pelo Comitê de Ética e Pesquisa com Seres Humanos da Universidade Federal de Viçosa (Of. Ref. no 184/2011 ). Neste estudo, 36 mulheres aparentemente saudáveis (21 normopeso, 15 com excesso de peso) consumiram duas unidades de muffin de queijo e bacon ricas em ácidos graxos saturados (1010 kcal, 37,3% do conteúdo calórico em gordura saturada) acompanhados de 500 mL de água ou 500 mL de suco laranja, com um período de sete a 15 dias de washout entre as dietas. A avaliação antropométrica incluiu medidas de peso, altura e perímetros da cintura e do quadril. Para verificar o percentual de gordura corporal, utilizou-se a bioimpedância elétrica tetrapolar. Aferiu-se a pressão arterial utilizando o método auscultatório indireto com esfignomamômetro de mercúrio devidamente calibrado. Foram coletadas amostras de sangue em jejum, bem como duas, três e cinco horas após o consumo das refeições-testes. As concentrações de glicemia, colesterol total, colesterol HDL e LDL, triglicerídeos, ácido úrico, proteína C reativa e complemento C3 foram determinadas em todos os tempos mediante protocolo padronizado (em duplicata). Os principais efeitos analisados incluem: a bebida (água x suco de laranja), o tempo (jejum, duas, três e cinco horas após o consumo das dietas) e o grupo (eutróficas x excesso de peso). Os resultados apontam que houve alterações metabólicas e inflamatórias no período analisado, e essas alterações foram diferentes conforme o estado nutricional (eutrofia x excesso de peso) e a refeição teste consumida. As voluntárias com excesso de peso apresentaram maior perímetro da cintura e do quadril, relação cintura/quadril, percentual de gordura, pressão arterial sistólica, glicemia e uricemia no jejum, como esperado. Após o consumo das dietas, as voluntárias apresentaram maior glicemia quando consumiram a dieta acompanhada de suco de laranja. Não houve variações significativas no colesterol total e frações ao longo do tempo nem entre as dietas consumidas. Na refeição acompanhada de água, apenas as voluntárias obesas apresentaram elevação significante dos triglicerídeos na terceira hora após a ingestão (p=0,01). Quando a refeição foi acompanhada de suco de laranja, ambos os grupos apresentaram aumento significante das concentrações dos triglicerídeos na terceira hora em relação ao jejum. Além disso, nas voluntárias obesas, esse aumento permaneceu significante na quinta hora pós-prandial (p=0,03). A resposta inflamatória foi caracterizada por maiores concentrações de complemento C3 nas voluntárias eutróficas após o consumo de suco de laranja (p=0,05). Em relação à proteína C reativa, não houve variação no tempo. Contudo, observou-se diferença na resposta das voluntárias obesas quando consumiram a dieta acompanhada de água ou suco de laranja. Conclui-se que mulheres com excesso de peso apresentaram uma lipemia no período pós-prandial diferente de mulheres eutróficas e que a adição de suco de laranja a uma dieta rica em gordura saturada contribuiu para a elevação dos triglicerídeos em eutróficas e o prolongamento da elevação dos triglicerídeos nas obesas.
This is a randomized, controlled, crossover, performed at the Laboratory of Energy Metabolism and Body Composition in the Department of Nutrition and Health, Federal University of Viçosa, approved by the Ethics and Human Research of the Federal University of Viçosa (Of. Ref. No. 184/2011). In this study, 36 apparently healthy women (21 normal weight, 15 overweight / obese) consumed two units of cheese and bacon muffin, rich in saturated fatty acids (1010 kcal, 78% of the caloric content in fat) followed by 500 ml of water or 500 ml of orange juice, with a period of seven to 15 days washout between meal tests. Anthropometric measures included weight, height as well as waist and hip circumference. To check the percentage of body fat, we used the tetrapolar bioelectrical impedance. Blood pressure was measured using the auscultatory method with mercury sphygmomanometry properly calibrated. Blood samples were collected at fasting and two, three and five hours after consumption of meals-tests. The concentrations of glucose, total cholesterol, HDL and LDL cholesterol, triglycerides, uric acid, C-reactive protein and complement C3 were determined at all times by a standardized protocol (in duplicate). The main effects analyzed include: a drink (Water x Orange Juice), time (fasting, two, three and five hours after consumption of diets) and group (normal-weight x overweight/obese). The results show that there was metabolic and inflammatory changes in the postprandial period, and these changes were different depending on the nutritional status (lean x overweight / obesity) and meal test consumed. The overweight volunteers showed greater waist and hip circumferences, waist/hip ratio, body fat percentage, systolic blood pressure, fasting blood glucose and uricemia, as expected. After consumption of the meals, lean subjects had more glucose increment when consumed diet accompanied by orange juice. There were no significant changes in total cholesterol and fractions over time or between diets consumed. In meal followed by water only obese volunteers had a significant increase in triglycerides in the third hour after ingestion. When the meal was accompanied by orange juice, both groups showed significantly higher concentrations of triglycerides at the third time in relation to fasting. Furthermore, in obese volunteers, increase remained significant at fifth hour postprandial (p=0.030). The inflammatory response was characterized by higher concentrations of complement C3 in normal-weight volunteers after consumption of orange juice (p=0.05). Regarding, C-reactive protein did not change in the time. However, there were differences in the response of obese volunteers to consumed meal when accompanied by water or orange juice. In conclusion, women with overweight/obesity have a higher lipemia in the postprandial period than normal- weight women, and the addition of orange juice to a diet rich in saturated fat contributed to the elevation of triglycerides in lean and longer rise triglycerides in the overweight/obese women.
Palavras-chave: Obesidade
Gordura
Suco de laranja
Obesity
Fat
Orange juice
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Valor nutricional de alimentos e de dietas; Nutrição nas enfermidades agudas e crônicas não transmis
Programa: Mestrado em Ciência da Nutrição
Citação: COELHO, Raquel Cristina Lopes de Assis. Postprandial response of metabolic and inflammatory markers to the consumption of saturated fat and orange juice in normal weight and overweight women. 2013. 78 f. Dissertação (Mestrado em Valor nutricional de alimentos e de dietas; Nutrição nas enfermidades agudas e crônicas não transmis) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/2792
Data do documento: 30-Jul-2013
Aparece nas coleções:Ciência da Nutrição

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,97 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.