Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/28270
Tipo: Dissertação
Título: Formas de intervenção institucional: percepção de produtores rurais da agricultura familiar, organizados em associações comunitárias
Forms of institutional intervention: perception of family farmers, organized in community associations
Autor(es): Fonseca, Zenaido Lima da
Abstract: Este estudo analisa as formas de intervenções institucionais de assistência técnica e extensão rural governamentais e não-governamentais e o associativismo no contexto de vários programas e projetos no município de Jacuí-MG. As principais interventoras são EMATER e Cooparaíso. A população deste estudo é composta de 81 produtores da agricultura familiar, representando 100% dos integrantes de todas as associações rurais. As intervenções iniciais da EMATER não visavam à formalização imediata dos grupos, porém esta foi apressada para assegurar a captação de recursos. O associativismo exibe certo grau de paternalismo, mas tem apresentado expressivo avanço na conquista de direitos sociais, culturais e econômicos, por meio da permanente negociação entre suas classes e aproveitamento de oportunidades. A agropecuária beneficiou-se, objetivamente, das influências positivas das instituições interventoras, como EMATER, Cooparaíso, SETAS, EMBRAPA, Banco do Brasil, governo do Estado de Minas, LBA, UFV, SAJ, mediante ações, programas e projetos, entretanto, os resultados de maior impacto ocorreram nas atuações denominadas sociais e de infra-estrutura, dentre as quais se destacam os centros sociais, a eletrificação rural e a aquisição de máquinas e equipamentos agrícolas. Destaque especial foi dado aos avanços no processo de politização dos integrantes de Associações Comunitárias. Às intervenções são creditados um avanço no processo de democratização do poder e um aumento do espaço para a participação nas decisões de projetos, programas e reivindicações dos direitos. A partir da consciência de classe emergiram lideranças políticas, como prefeito, vice e vereadores das associações, os quais participam da estrutura de poder em Jacuí. A assistência técnica das instituições já foi mais atuante, mas hoje não atinge a massa de produtores, principalmente porque os técnicos locais atendem também a outro município, além da falta de melhor planejamento das ações, capacitação técnica e pedagógica. Os produtores cobram uma visão diferenciada, problematizadora e construtivista dos agentes de extensão. A interação comunidade, extensão, pesquisa e ensino propiciou duas experiências relevantes de estudo da metodologia participativa na produção coletiva de semente de milho e confinamento comunitário de bovinos, desenvolvidos por pequenos agricultores. Os produtores sugerem que seja resgatado o estilo de trabalho adotado nos extintos Clubes 4-S. Tendo em vista que os produtores de Jacuí, em relação à inserção na economia de mercado, estão ainda vinculados ao que Marx denomina de lucro de alienação, há necessidade de as instituições de ensino, pesquisa e extensão buscarem, junto aos produtores, mecanismos que garantam não somente a sobrevivência destes, que nem sempre têm terra, capital, conhecimento formal e tecnologia, mas a participação no processo de desenvolvimento econômico e social brasileiro.
This study analyzes the forms of institutional interventions of technical assistance, public and private rural extension and associativism within the context of several programs and projects in the municipal district of Jacuí-MG. The main interventors are EMATER and Cooparaíso. The population studied is of 81 family farmers, representing 100% of the members of all the farming associations. The initial interventions of EMATER did not seek the immediate official formation of the groups but this was speeded up to ensure funding. Although associativism exhibits a certain degree of paternalism, it has been expressive in the conquest of social, cultural and economic rights, through a permanent negotiation among its classes and the use of opportunities. Farming has been benefited by the positive influences of the intervening institutions, such as EMATER, Cooparaiso, ARROWS, EMBRAPA, Bank of Brazil, Minas Gerais Government, LBA, UFV and SAJ through actions, programs and projects: however, results of greater impact have been obtained within social and infrastructure contexts, i.e., building of social centers, rural power plants and acquisition of agricultural machinery and tools. Special attention was paid to the advancement of political formation of the community association members. Interventions were found to improve the process of power democratization and to allow for participation in the decision — making process programs and right claims. Class consciousness led to political leadership, represented by the mayor, deputy mayor and association representatives, who belong to the power structure of Jacui. Technical assistance by the institutions was greater in the past but today it does not reach all producers mainly because the local agents also assist other districts. Besides, there is a lack of a more effective action planning as well as technical and academic training. The farmers expect agents to have a differentiated, problem -— oriented, constructivist vision. The interaction community extension (EMATER) research teaching has made possible two relevant study experiences in participative methodology: the collective production of corn seeds and community feedlot, developed by small farmers. These farmers also suggest that the former 4-S Clubs should be reestablished. As far as market economy is concerned, Jacui farmers still hold to, what Marx calls, alienation profit. Thus the need for teaching, research and extension institutions together with the farmers to seek mechanisms to ensure not only survival of the latter (who not always own land, capital and know-how) but also their participation in the Brazilian process of social and economic development.
Palavras-chave: Extensão rural - Jacuí (MG)
Comunidades agrícolas - Jacuí (MG) - Intervenção institucional
Associações agrícolas - Jacuí (MG)
Agricultura familiar - Jacuí (MG)
Cooperativas de produtores - Jacuí (MG)
Trabalhadores rurais - Jacuí (MG) - Participação no processo decisório
CNPq: Extensão Rural
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: FONSECA, Zenaido Lima da. Formas de intervenção institucional: percepção de produtores rurais da agricultura familiar, organizados em associações comunitárias. 1998. 157 f. Dissertação (Mestrado em Extensão Rural) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 1998.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://locus.ufv.br//handle/123456789/28270
Data do documento: 9-Fev-1998
Aparece nas coleções:Extensão Rural

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo32,07 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.