Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/2983
Tipo: Dissertação
Título: Métodos de semeadura e uso de mantas no controle de erosão em taludes de corte
Título(s) alternativo(s): Sowing methods and use of erosion control blankets on cut embankments
Autor(es): Silva, Fabiana Cabral da
Primeiro Orientador: Griffith, James Jackson
Primeiro coorientador: Fonseca, Dilermando Miranda da
Segundo coorientador: Ruiz, Hugo Alberto
Primeiro avaliador: Fernandes, Raphael Bragança Alves
Segundo avaliador: Paiva, Haroldo Nogueira de
Terceiro avaliador: Martins, Sebastião Venâncio
Abstract: Este trabalho foi realizado em um talude de corte aberto no Campus da Universidade Federal de Viçosa, em Viçosa, Minas Gerais, localizado em frente ao Galpão de Triagem de Materiais Recicláveis (ASBEN), entre as latitudes 20o 46' 10.21" sul e longitude 42o 51' 31.29" oeste. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado, composto de quatro tratamentos (semeadura em covas abaixo da manta sintética; semeadura em covas; semeadura sobre a manta sintética; e semeadura em covas abaixo da manta orgânica), cada um com quatro repetições. Em todos os tratamentos, a semeadura foi realizada com uma mistura de substrato (solo peneirado e adubo) e sementes de gramíneas: milheto (Pennisetum americanum) e capim-massai (Panicum maximum, cv. Massai), híbrido entre Panicum maximum e Panicum infestum); leguminosas: estilosantes Mineirão (Stylosanthes guianensis, cv. Mineirão) e Campo Grande (Stylosanthes capitata × Stylosanthes macrocephala); e crotalária (Crotalaria juncea L.). O número e a altura média das plantas em cada método de semeadura foram avaliados nos meses de março, junho, setembro e dezembro de 2007 e os dados foram submetidos à análise descritiva utilizando-se a média, o desvio-padrão, os valores extremos e o coeficiente de variação. O método de semeadura em covas com posterior recobrimento com manta sintética e orgânica foi o mais eficiente e adequado às condições do talude de corte avaliado. Entre as espécies utilizadas, o estilosantes Campo Grande mostrou-se eficiente para utilização na revegetação de taludes.
The study was carried out on a cut embankment located on the Federal University of Viçosa campus, Brazil, at latitude 20o 46'10.21"S and 42o 51'31.29"W. The hillside cut had been excavated in 2006 to provide location for the University Recyclable Materials Shed (Galpão de Triagem de Materiais Recicláveis - ASBEM). A random design was used for the experiment, comprised of four treatments (sowing in small planting holes covered by synthetic erosion control blanket, seeding small planting holes with no blanket, sowing in substrate on top of synthetic erosion control blanket, sowing in small planting holes under organic erosion control blanket), each treatment having four repetitions. Sowing for all treatments used a mixture of substrate (sieved soil plus fertilizer) and seeds of the following grasses: Milheto (Penmisetum americanum) and Massai-grass (Panicum maximum cv. Massai), hybrid of Panicum maximum and panicum infestum; and legumes: Stylosanthes Mineirão (Stylosanthes guianensis cv. Mineirão) and Campo Grande (Stylosanthes capitata × Stylosanthes macrocephala), and Crotalária (Crotalaria juncea). Number of individual plants and average plant height for each sowing method were evaluated during March, June, September and December of 2007. The analysis used mean, standard deviation, extreme values and variation. The treatments in which seeds were sown in small holes and then covered with either synthetic or organic erosion control blankets proved to be the most efficient and adequate for the embankment cut studied. Among the tested species, Campo Grande proved to be the most efficient.
Palavras-chave: Geotêxtil
Revestimento vegetal
Recuperação de áreas degradadas
Geotextile
Degraded areas recovery
Cut embankments
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL::CONSERVACAO DA NATUREZA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de
Programa: Mestrado em Ciência Florestal
Citação: SILVA, Fabiana Cabral da. Sowing methods and use of erosion control blankets on cut embankments. 2008. 74 f. Dissertação (Mestrado em Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/2983
Data do documento: 17-Abr-2008
Aparece nas coleções:Ciência Florestal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf2,51 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.