Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/2992
Tipo: Dissertação
Título: Competitividade da indústria brasileira de painéis de madeira no mercado internacional 1998 a 2002
Título(s) alternativo(s): Competitiveness of the Brazilian wood board industry in the world market 1998 to 2002
Autor(es): Noce, Rommel
Primeiro Orientador: Silva, Márcio Lopes da
Primeiro avaliador: Valverde, Sebastião Renato
Segundo avaliador: Silva, Orlando Monteiro da
Terceiro avaliador: Mendes, Lourival Marin
Quarto avaliador: Souza, Agostinho Lopes de
Abstract: O presente trabalho teve como objetivo principal caracterizar a estrutura do mercado internacional de painéis de madeira e analisar o desempenho do Brasil neste mercado. Tendo como objetivos específicos caracterizar a estrutura do mercado internacional de chapa de fibra de madeira, compensado e aglomerado quanto às exportações para o período de 1998 a 2002 e decompor o desempenho brasileiro e dos principais participantes do mercado internacional nas exportações de chapa de fibra de madeira, compensado e aglomerado em efeito destino, crescimento de mercado e competitividade em dois períodos 1998 a 2000 e 2000 a 2002. A estrutura de mercado foi analisada através do Coeficiente de Gini que permitiu verificar a desigualdade do mercado internacional enquanto o desempenho das nações exportadoras foi decomposto através do Modelo Constant Market Shere . De acordo com as análises desenvolvidas concluiu-se que a estrutura do mercado internacional de painéis foi caracterizada pela concentração e desigualdade na participação de mercado entre as nações, o que favoreceu o uso de práticas anticompetitivas e que os tratados comerciais e políticos entre as nações exerceram forte influência nos resultados do comércio internacional de painéis, reduzindo os benefícios de vantagens comparativas e do esforço estratégico da indústria de painéis reconstituídos nacional. Os aspectos endógenos desfavoreceram as exportações brasileiras, a exceção do compensado no período de 1998 a 2000, embora a magnitude destes efeitos tenha diminuído de forma significativa no período analisado. A hegemonia canadense no mercado internacional de aglomerado exerceu forte influência nos resultados gerais do mercado deste produto. O Brasil mostrou-se competitivo no período 1998 a 2000, no mercado internacional de compensado e no período 2000 a 2002 no mercado de chapa de fibra.
The objective of this work was to characterize the structure of the world wood market and to analyze the Brazilian export performance. The specific objectives were to characterize the structure of the world market of fiberboard, plywood and agglomerate according to the exports for the period 1998-2002 and to decompose the performances of Brazil and the main participants in this market into destination effect, market growth and competitiveness in two periods, 1998- 2000 and 2000-2002. The market structure was analyzed by the Gini s Coefficient, with which it was possible to verify the inequality of the world market, whereas the performance of the exporter nations was decomposed by the Constant Market Shere Model. The analyses allowed the conclusion that the structure of the fiberboard world market was characterized by concentration and inequality of the market share between nations, favoring the use of anticompetitive practices, and that the political and trade agreements between nations exerted strong influence on the results of the global board trade, reducing the benefits of comparative advantages and the strategic effort of the national industry of reconstituted boards. Endogenous aspects made the Brazilian exports less effective, with the exception of plywood in the period 1998-2000, although the magnitude of these effects has decreased significantly in the period analyzed. The Canadian hegemony in the international agglomerate market exerted considerable influence on the general results of this product trade. Brazil showed competitiveness in the world plywood market in the period 1998-2000, and in the fiberboard market in 2000-2002.
Palavras-chave: Madeira
Painéis
Mercado
Exportação
Comércio exterior
Indústria madeireira
Competitividade
Wood board
Exports
World market
Wood industry
Competitiveness
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL::MANEJO FLORESTAL::ECONOMIA FLORESTAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de
Programa: Mestrado em Ciência Florestal
Citação: NOCE, Rommel. Competitiveness of the Brazilian wood board industry in the world market 1998 to 2002. 2005. 84 f. Dissertação (Mestrado em Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2005.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/2992
Data do documento: 29-Jun-2005
Aparece nas coleções:Ciência Florestal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,23 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.