Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3009
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorSilva, Ariane Cristine Araújo
dc.date.accessioned2015-03-26T13:15:00Z-
dc.date.available2009-12-18
dc.date.available2015-03-26T13:15:00Z-
dc.date.issued2009-08-20
dc.identifier.citationSILVA, Ariane Cristine Araújo. Evaluation of techniques of forest restoration of area dominated for Leucaena leucocephala (Lam) of Wit., Ipatinga, MG. 2009. 86 f. Dissertação (Mestrado em Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2009.por
dc.identifier.urihttp://locus.ufv.br/handle/123456789/3009-
dc.description.abstractObjetivou-se caracterizar o banco de sementes do solo de uma área do Ribeirão Ipanema, dominada por Leucaena leucocephala (PL), município de Ipatinga, MG, e comparar com os resultados do banco de sementes de uma área do Parque Estadual do Rio Doce (PERD), no mesmo município; analisar a semeadura de um coquetel de sementes e avaliar a alternativa de plantio de mudas de diferentes estágios sucessionais em módulos. A densidade média de sementes germinadas por bandeja foi de 760,79 sementes/m3 no PL e 92,05 sementes/m3 na área do PERD. Entre as espécies arbóreas destacaram-se, em número de indivíduos, Muntingia calabura e L. leucocephala. Apesar do PL ter apresentado maior densidade de indivíduos, estes são em sua grande maioria caracterizados como plantas daninhas. O número de pioneiras, secundárias iniciais e tardias foi maior na área do PERD em relação ao Ribeirão Ipanema, ou seja, o PERD ainda preserva espécies essenciais para sua conservação e classificação como área nativa. O PERD e o PL apresentaram o mesmo número de espécies exóticas, porém essas foram muito mais abundantes no último, com destaque para M. calabura e L. leucocephala. Para a análise da semeadura direta nucleada e plantio de mudas em módulos foi estabelecidos três tratamentos de 15x15m, onde um consistiu em corte raso de todos os indivíduos, um o corte dos indivíduos com CAP ≥ 35 cm e o ultimo foi o tratamento controle. Para o método de semeadura direta nucleada, foi utilizado as espécies: Anadenanthera macrocarpa, Mabea fistulifera, Schizolobium parahyba, Genipa americana L. e Piptadenia gonoacantha. Os tratamentos foram avaliados mensalmente durante oito meses da identificação dos indivíduos arbóreos germinados e estabelecidos, além da medição da altura. Mabea fistulifera e Anadenanthera macrocarpa foram as espécies que mais germinaram dentre as amostradas, e também se destacaram por serem as únicas que sobreviveram por três meses ou mais de observação do experimento. Houve baixa porcentagem de germinação e alta mortalidade destas (93%). O fator competição por luz, devido a espécie exótica agressiva L. leucocephala, foi o que mais influenciou negativamente a sobrevivência dos indivíduos, sendo o tratamento clareira, o mais expressivo quanto ao desenvolvimento em altura das espécies. Para a metodologia de plantio de mudas nativas, foram utilizadas mudas de Euterpe edulis Mart., espécie climácica e Schizolobium parahyba (Vell.) Blake, espécie pioneira. Os tratamentos foram avaliados aos quatro meses após a implantação e 7 meses após a primeira avaliação, através da medição da altura e do diâmetro a altura do coleto (DAC) dos indivíduos estabelecidos. O tratamento clareira, foi o que mais expressivo quanto ao crescimento em altura, sendo que seu efeito foi mais evidente na espécie Schizolobium parahyba. Para o DAC, o tratamento controle influenciou positivamente a espécie Euterpe edulis e o “clareira” a espécie Schizolobium parahyba. O método de plantio de mudas, conciliado com o tratamento clareira, se mostrou eficiente para a área, uma vez que esta não demonstra capacidade de auto-recuperação.pt_BR
dc.description.abstractThe objective this to characterize the soil seed bank an area of Ribeirão Ipanema, Ipatinga city, MG, domined for Leucaena leucocephala (PL); to compare the results gotten in the seed bank of Parque Estadual do Rio Doce’s (PERD) area delimited, same city; to analyze the sowing of one mix of seeds in modules and to evaluate the alternative of seedlings’ plantation of different successionals groups. The averages density of seeds germinated for tray was of 760,79 seeds/m3 in PL and 92,05 seeds/m3 in the PERD area. Among the tree species they had been relief, in number of individuals, Muntingia calabura and Leucaena leucocephala. Although the PL to have presented bigger density of individuals, these is in its majority characterized as harmful plants. The number of pioneers and secondary species was bigger in the area of the PERD in relation to the PL, that is, the PERD still preserves essential species for its area conservation and classification as native. The PERD and the PL had presented the same number of exotic species, however these had been much more abundant in the last one, with prominence for Muntingia calabura and Leucaena leucocephala. For the methodology of direct sowing and plantation of seedlings it was established three treatments, where one consisted of completed cut of all the individuals, the other was the cut of the individuals with CAP ≥ 35 cm and the last it was control treatment. For the direct sowing in modules, was used the species: Anadenanthera macrocarpa, Mabea fistulifera, Schizolobium parahyba, Genipa americana L. and Piptadenia gonoacantha. The treatments had been evaluated monthly during the period of eight months, through identification of the germinated and established individuals, besides the measurement of the height. Mabea fistulifera and Anadenanthera macrocarpa had been the species that had more germinated, and also if they for being the only ones that they had than survived for three months or more observed of the experiment. It had low germination percentage, and high mortality of these (93%). The factor competition for light, due to the exotic species aggressive Leucaena leucocephala, was what more it influenced negative the experiment, where the treatment canopy gap, one more expressive toward to the development in height. For the methodology of plantation of native seedlings in modules, they had been used seedlings of Euterpe edulis Mart., climax species, and Schizolobium parahyba (Vell.) Blake, pioneer species. The treatments had been evaluated to the four months after the implantation and 7 months after the first evaluation, through the measurement of the height and the diameter at roots collar height (DAC) of the established individuals. The averages of DAC and height of the plants had been compared by test t, in level of 5% of probability. The treatment canopy gap, was what more expressive toward to the growth in height, being that its effect was more evident in the Schizolobium parahyba species. For the DAC, the control treatment it positively influenced the Euterpe edulis species and the treatment of the canopy gap the Schizolobium parahyba species. The method plantation of seedlings, allied treatment canopy gap, if showed efficient for the area.eng
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Viçosapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectInibiçãopor
dc.subjectRegeneraçãopor
dc.subjectLeucenapor
dc.subjectEspécies nativaspor
dc.subjectRecuperação de áreas degradadaspor
dc.subjectSemeadura diretapor
dc.subjectBanco de sementespor
dc.subjectInhibitioneng
dc.subjectRegenerationeng
dc.subjectLeucaenaeng
dc.subjectNative specieseng
dc.subjectRecuperation of areas abaseeng
dc.subjectDirect sowingeng
dc.subjectSeed bankeng
dc.titleAvaliaçao de técnicas de restauração florestal de área dominada por Leucaena leucocephala (Lam) de Wit. em Ipatinga, MGpor
dc.title.alternativeEvaluation of techniques of forest restoration of area dominated for Leucaena leucocephala (Lam) of Wit., Ipatinga, MGeng
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/9130394154538780por
dc.contributor.advisor-co1Leite, Hélio Garcia
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4785373Z6por
dc.contributor.advisor-co2Borges, Eduardo Euclydes de Lima e
dc.contributor.advisor-co2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4787799U8por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentManejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização depor
dc.publisher.programMestrado em Ciência Florestalpor
dc.publisher.initialsUFVpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL::CONSERVACAO DA NATUREZApor
dc.contributor.advisor1Martins, Sebastião Venâncio
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4784895Z9por
dc.contributor.referee1Gleriani, José Marinaldo
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4791933J1por
dc.contributor.referee2Neri, Andreza Viana
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4777187T2por
Aparece nas coleções:Ciência Florestal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf431,11 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.