Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3050
Tipo: Dissertação
Título: Potencial de implantação de um contrato futuro da madeira de reflorestamento
Título(s) alternativo(s): Potential of implantation of a future contract of reforestation wood
Autor(es): Soares, Naisy Silva
Primeiro Orientador: Valverde, Sebastião Renato
Primeiro avaliador: Silva, Márcio Lopes da
Segundo avaliador: Jacovine, Laércio Antonio Gonçalves
Terceiro avaliador: Lírio, Viviani Silva
Quarto avaliador: Silva Júnior, Aziz Galvão da
Abstract: Este estudo objetivou analisar o potencial de desenvolvimento de um mercado de contrato futuro da madeira de reflorestamento no Brasil, com foco em madeira de Eucalyptus para celulose. O modelo desenvolvido por PENNINGS e LEUTHOLD (1999), foi tomado como referência, o qual é baseado na abordagem macro e micro da tomada de decisão sobre a implantação de um contrato futuro. Os dados foram coletados por meio de questionários direcionados às empresas de celulose e de revisão de literatura. As empresas, sob análise, foram responsáveis por aproximadamente 82% da produção nacional de celulose de Eucalyptus, no ano de 2003. Os resultados da análise das características da commodity e do mercado indicaram que a concentração do mercado e a integração vertical são as únicas desvantagens para o desenvolvimento de um contrato futuro de madeira no país. Contudo, foi verificado que, apesar de existir concentração e integração vertical, o valor desse mercado é relativamente elevado. Acrescenta-se a isso o fato de essa concentração e integração estarem se reduzindo, em razão da dependência, cada vez maior, de madeira de mercado para o abastecimento das empresas. Já a análise do perfil dos tomadores de decisão e das empresas mostrou-se favorável ao desenvolvimento do referido contrato, uma vez que todos os tomadores de decisão possuem características de indivíduos propensos a negociar em bolsas, como elevado nível de escolaridade e idade abaixo de 60 anos. Além disso, eles evidenciaram que as empresas têm interesse em contratos futuros envolvendo madeira brasileira; que as mesmas possuem condições financeiras suficientes para operar em bolsas; estão expostas a riscos e que os funcionários de quase todas as empresas recebem treinamento nas áreas de economia e administração. Portanto, concluiu-se que existe um grande potencial para o desenvolvimento de um contrato futuro de madeira no Brasil.
The aim of this work was to analyze the potential for the development of the market of future contract of reforestation wood in Brazil, focusing Eucalyptus wood for wood pulp. The model developed by PENNINGS e LEUTHOLD (1999), was taken as reference which is based on the macro and micro approach to take decision on the implantation of a future contract. The data were collected through questionnaires addressed to the wood pulp companies as well as literature revision. The companies under analysis were responsible for, approximately, 82% of the national production of wood pulp of Eucalyptus in 2003. The results obtained with the analysis of the characteristics of the commodity and of the market showed that the concentration of the market and the vertical integration are the only disadvantages for the development of a future contract of wood in Brazil. However, it was verified that in spite of existing concentration and vertical integration, the value of this market is relatively high. In addition to that, the fact of concentration and integration have been reduced because of the increasingly dependence on market wood to provide companies. However, the analysis of the characteristics of the managers and the companies appeared to be favorable to the development of the referred contract, as all the managers possess prone individuals' characteristics to negotiate in exchange, as well as high education level and age below 60 years. They also reported that the companies are interested in future contract involving Brazilian wood; that they have financial support to operate in exchanges, as well as the companies are exposed to risk and that the employees almost all the companies get training activities on Economy and management. To sum up, it become dear that, in fact, there is a high potential to develop a future contract of wood in Brazil.
Palavras-chave: Madeira
Comércio
Reflorestamento
Negociação de futuros
Mercado futuro
Economia florestal
Wood
Commerce
Reforestation
Futures market
Forest economy
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL::MANEJO FLORESTAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de
Programa: Mestrado em Ciência Florestal
Citação: SOARES, Naisy Silva. Potential of implantation of a future contract of reforestation wood. 2006. 120 f. Dissertação (Mestrado em Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3050
Data do documento: 21-Fev-2006
Aparece nas coleções:Ciência Florestal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf303,83 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.