Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3117
Tipo: Dissertação
Título: Estudo ecológico e econômico da palmeira juçara (Euterpe edulis Mart.) no entorno do Parque Estadual Serra do Brigadeiro (PESB), MG
Título(s) alternativo(s): Ecological and economical study of the juçara palm tree (Euterpe edulis Mart.) in the area of the Serra do Brigadeiro State Park (PESB), MG
Autor(es): Fávaro, Letícia Bonifácio
Primeiro Orientador: Souza, Agostinho Lopes de
Primeiro coorientador: Ribeiro, Carlos Antônio Alvares Soares
Segundo coorientador: Jacovine, Laércio Antonio Gonçalves
Primeiro avaliador: Leite, João Paulo Viana
Abstract: O objetivo geral do trabalho foi analisar o processo de produção de polpa de açaí, a partir da palmeira juçara (Euterpe edulis Mart.) no entorno do Parque Estadual Serra do Brigadeiro (PESB), localizado na Zona da Mata de Minas Gerais, considerando-se critérios ecológicos e econômicos. O estudo foi desenvolvido em um fragmento florestal nativo, localizado no município de Muriaé, e em quintais domésticos dispersos nos municípios de Araponga, Canaã, Ervália, Muriaé, Rosário da Limeira e Viçosa. O trabalho foi divido em três capítulos. No primeiro capítulo, analisaram-se alguns parâmetros da estruturas horizontal, vertical, interna e paramétrica de um fragmento de Floresta Atlântica Montana, com dominância da espécie E. edulis, bem como o padrão de distribuição espacial dessa espécie, usando o Índice de Morisita. Foram inventariadas, aleatoriamente, 20 parcelas de 10 metros x 50 metros, totalizando 1,0 ha de área amostral. O critério de inclusão foi o diâmetro do tronco, medido a 1,30 m do solo (DAP), ser igual ou superior a 5,0 cm, resultando em 2.394 indivíduos.ha-1. A área basal, considerando-se todos os fustes com DAP ≥ 5 cm, foi de 42,20 m2.ha-1, sendo que 7,81 m2.ha-1 corresponderam aos 642 indivíduos de E. edulis amostrados no povoamento florestal, que, por sua vez, contribuiram com estocagem de 4,70 tC.ha-1. O diâmetro médio do povoamento foi de 12,33 cm, enquanto que, o diâmetro médio da espécie E. Edulis, foi de 11,48 cm. No estrato médio da floresta, definido entre 5 a 12 metros de altura, encontram-se 65% dos indivíduos. A estrutura diamétrica do povoamento florestal apresentou distribuição em forma de "J-invertido", mas com uma curva desbalanceada. Quanto à estrutura interna, 96,4 % dos indivíduos apresentaram epífitas, 57,8% com ausência de trepadeiras e 62,5 % dos indivíduos com ausência de cipós. Essas características, associadas ao efeito edafoclimático da área de estudo e ausência do fenômeno de caducifoliedade, permitiram classificar o fragmento em Floresta Ombrófila Densa Montana. O estágio de sucessão do fragmento foi definido como Estágio Avançado. No segundo capítulo, foram utilizadas ferramentas de SIG para determinação de variáveis espaciais associadas à ocorrência de povoamentos naturais da palmeira juçara (E. edulis). A ferramenta utilizada para análise do padrão de distribuição espacial, (Spatial Autocorrelation - Moran I) foi aplicada aos indivíduos de E. edulis, que foram mapeados de acordo com metodologia descrita no capítulo 1. Para identificação da face de orientação predominante na área do fragmento florestal, foi aplicada a ferramenta Aspect do software ArcGIS e, para o cálculo da área de exposição solar deste mesmo fragmento, foi aplicada a ferramenta Area Solar Radiation. Além das características relevo e altitude, utilizadas pela ferramenta Aspect e que provieram do Modelo Digital de Elevação (MDE), obtido da imagem SRTM, a ferramenta Area Solar Radiation considera o fator tempo na análise. De acordo com as informações produzidas com as ferramentas utilizadas neste capítulo, o padrão de distribuição da espécie E. edulis é classificado como agregado e o fragmento florestal se encontra predominantemente na face sudeste do relevo. Quanto a variável área de exposição solar, as duas subáreas que compreendem a área de estudo apresentaram diferença signficativa, sendo uma subárea mais sombreada do que a outra. No terceiro capítulo avaliou-se a viabilidade da produção de polpa de açaí a partir de frutos da palmeira juçara na região da Zona da Mata de MG. Para estimativa dos custos relacionados à mata nativa foi considerada a densidade populacional de indivíduos produtivos de E. edulis de 57 indivíduos.ha-1, obtida a partir do inventário florestal de um povoamento natural da espécie. Os dados de rendimento do processamento de frutos em polpa foram obtidos a partir de colheitas (N=90) realizadas em áreas abertas (quintais domésticos e palmeiras isoladas), cuja produtividade média foi de 7,85 kg.palmeira-1. Os custos envolvidos na análise foram os relacionados à mão-de-obra e equipamentos para as atividades de colheita de frutos, totalizando R$ 2,86.kg-1 para a mata nativa e R$ 0,96.kg-1 para áreas abertas, e os custos de processamento dos frutos (R$ 1,76.kg-1). Assumindo que os custos de produção em mata nativa foram de R$ 4,61.kg-1, a atividade só é viável economicamente se o preço médio da polpa tipo média for superior a R$ 10,00.kg-1. Já para áreas abertas, o limite de preço que viabiliza economicamente a atividade é de R$ 6,00.kg-1. No entanto, se se considerar o custo com estocagem da polpa, esses valores sobem para R$11,00.kg-1 e R$7,00.kg-1, respectivamente. Conclui-se que a viabilidade econômica da atividade de beneficiamento de frutos de E. edulis em polpa de açaí está intimamente relacionada ao preço final da polpa de açaí produzida no norte do país, que por sua vez é em função da sazonalidade entre as safras. Logo, os custos de estocagem podem ser compensados pela venda de polpa na entressafra, cujo preço médio, no ano de 2012, situou-se entre R$8,00 e R$15,00 o kg de polpa tipo média.
The general objective of this work it was to analyze the production process of the açaí pulp, from the juçara palm tree (Euterpe edulis Mart.) in the Zona da Mata of Minas Gerais, considering ecological and socioeconomic criterion. The study was developed in a native forest fragment, placed in the city of Muriaé, and in domestic backyards dispersed in the cities of Araponga, Canaã, Ervália, Muriaé, Rosário da Limeira and Viçosa. The work was divided in three chapters. At the first chapter, it was analyzed some parameters of the horizontal, vertical, intern and parametric structures of an Atlantic Mountain Forest fragment, with dominance of the E. edulis species as well the pattern of spacial distribution of this species, using the Morisita Index. They were inventoried, randomly, 20 parcels of 10 x 50 meters, amounting 1,0 ha of the sampled area. The inclusion criterion was the trunk diameter measured at 1,30 m of the soil (DBH) equal or superior than 5,0 cm, resulting on 2349 individuals/ha. The basal area, considering all the trunks with DBH ≥ 5 cm, was of 42,20 m²/ha, in which 7,81 m²/ha correspond to 642 individuals of E. edulis sampled on the forest population, that contributed with the storage of 4,70 tC.ha-¹. The population average diameter found was of 11,48 cm. The forest average layer, defined between 5 and 12 meters high, is occupied by 65% of the population individuals, and the diametric structure of the forest population has presented an inverted-J‟ shape of distribution, but with an unbalanced curve, with absolute density increasing tendency. About the intern structure, 96,4% of the individuals presented epiphytes, 57,8% with absence of climbing plants and 62,5% of the individuals with absence of liana. Those characteristics, associated to the edaphoclimatic effect of the study area and the absence of the deciduous phenomenon, they aloud to classify the fragment as Ombrophilous Dense Mountain Forest. The succession degree of the fragment was defined as Advanced Stage. On the second chapter, SIG tools were used for determination of spatial variants associated to the occurrence of natural population of juçara palm tree (E. edulis). The used tool for the spatial distribution pattern analysis, (Spatial Autocorrelation Moran I) was applied to the E. edulis individuals, which were mapped according to the methodology described on the chapter one of this work. For the identification of the orientation face predominant on the forest fragment area aim of this study, was applied the tool Aspect, and for the calculus of the solar exposition area of the same fragment it was applied the Area Solar Radiation tool. Beyond the used characteristics (relief and altitude) by the Aspect tool, which provide from the Digital Elevation Model (DEM), obtained from the SRTM image, the Area Solar Radiation tool consider the time factor on the analysis. According to the tools used on this chapter, the E. edulis distribution pattern was aggregated and the forest fragment is founded predominantly on the southeastern orientation‟s face of the relief. About the variably solar exposition area, the two sub-areas which contains the study area, presented significant differences, that means, one sub-area is more shaded than the other one. At the third chapter, it was evaluated the feasibility of the açaí pulp production from juçara palm tree fruits on the Zona da Mata de Minas Gerais region. To estimate the costs related to the native forest it was considered the productive individuals population density of 57 individuals/ha, obtained from the forest inventory of a species' natural population. The data of the return of fruits processing into pulp were obtained from crops (N=90) realized in open areas (domestic backyards and isolated palm trees), which average production was of 7,85 kg/palm tree. The costs involved on the analysis were related to the workmanship and the equipments for the fruits harvest activities, amounting R$2,86/kg for the native forest and R$0,90/kg for the open areas, and the costs of fruits processing (R$1,76/kg). Assuming that the production costs in native forest were of R$4,61/kg, the activity is only feasible economically if the average pulp price is superior than R$10,00/kg. In open areas the price limit to make the activity economically feasible is R$6,00/kg. However, if the pulp storage cost it's considered, those values increase to R$11,00/kg and R$7,00/kg, respectively. It's conclude that the economic feasibility of the E. edulis fruits processing benefit into açaí pulp depends on the final açaí pulp price produced in the north region of the country, that by its turn is in function of the seasonality between harvests. Soon, the storage costs may be compensated by the pulp sell during the inter-harvests, which the price variation, this year, was between R$8,00 until R$15,00/kg of average pulp.
Palavras-chave: Açaí
Produto Florestal não madereiro
Mata atlântica
Acai
Forest Product not lumberjack
Atlantic Forest
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL::MANEJO FLORESTAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de
Programa: Mestrado em Ciência Florestal
Citação: FÁVARO, Letícia Bonifácio. Ecological and economical study of the juçara palm tree (Euterpe edulis Mart.) in the area of the Serra do Brigadeiro State Park (PESB), MG. 2012. 112 f. Dissertação (Mestrado em Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3117
Data do documento: 31-Out-2012
Aparece nas coleções:Ciência Florestal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf3,31 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.