Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3173
Tipo: Dissertação
Título: Madeira de Eucalyptus camaldulensis Dehnh e Eucalyptus urophylla S.T. Blake visando seu uso na indústria moveleira
Título(s) alternativo(s): Wood of Eucalyptus camaldulensis Dehnh and Eucalyptus urophylla S.T. Blake in the furniture industry
Autor(es): Souza, Maria Odete Alves de
Primeiro Orientador: Silva, José de Castro
Primeiro coorientador: Minette, Luciano José
Segundo coorientador: Gomes, Elaine Cavalcante
Primeiro avaliador: Carneiro, Angélica de Cássia Oliveira
Segundo avaliador: Lucia, Ricardo Marius Della
Abstract: Este estudo teve como objetivo avaliar a potencialidade de uso da madeira de clones de Eucalyptus urophylla S. T. Blake, de seis e oito anos, e Eucalyptus camaldulensis Dehnh, de 10 anos de idade, no que tange aos processos de usinagem, aplicação de acabamentos, design, desenvolvimento de produtos e sua avaliação ergonômica, visando ao seu uso na indústria moveleira. O material utilizado foi proveniente de plantios comerciais, cultivado em sistema de consórcio agrossilvipastoril, oriundo da Votorantim Metais Zinco S/A, do Grupo Votorantim, situada no município de Vazante, no Estado de Minas Gerais. Utilizaram-se seis árvores por clone, totalizando 18 árvores, quando se realizaram os ensaios de usinagem e aplicação de acabamentos superficiais. Avaliou-se o potencial da madeira de eucalipto, independente da espécie e idade, no desenvolvimento de produtos, design e ergonomia. Os resultados se mostraram satisfatórios nos diferentes ensaios de usinagem, destacando-se o clone de Eucalyptus urophylla, com 8 anos, apresentando grande potencial de uso da espécie na produção de móveis. Os clones apresentaram aderência satisfatória no ensaio com produtos sintéticos, sobressaindo-se o Eucalyptus camaldulensis na aplicação de vernizes à base de nitrocelulose e poliuretano; observaram-se restrições quando se utilizou a cera de carnaúba, como produto natural. No desenvolvimento de assentos para uso doméstico, a aplicação de conceitos de design e ergonomia, aliado ao uso de normas técnicas, resultou num produto de maior valor agregado, comprovado pela avaliação pública. A madeira dos clones testados não apresentou entraves na produção de móveis, podendo perfeitamente ser utilizada como fonte de matéria-prima na indústria moveleira.
This study had as its objective the evaluation of the potential of the wood of three clones of eucalypt two of Eucalyptus urophylla, one of six, another of eight years of age and one of a ten years old E. camaldulensis in what regards machining and finish application and the design, development and ergonomic assessment of furniture products. The material used came from a commercial plantation, where trees had been planted in association with grain and latter, with cattle. They belonged to the Companhia Mineira de Metais, a steel mill located in Vazante, State of Minas Gerais. Six trees per each clone were used for machining tests and for surface finish essays. They were also used, regardless of age and species, during the development, design and ergonomic evaluation of products. Satisfactory results were obtained during the machining tests, with special mention to the eight years old E. urophylla lumber, which was found to be very interesting for furniture. All three clones proved to give very good bonds to synthetic varnishes, specially E. camaldulensis that received polyurethane or nitrocellulosic varnishes. Carnauba was, a natural finish, on the other hand, was never found satisfactory. When the concepts of design and ergonomy, along with technical standards were applied to a chair for domestic usage, the resulting product was considered by public evaluation as having higher aggregate value. It can be concluded that the woods tested did not show any particular difficulty for furniture production and may be safely used by theses industries.
Palavras-chave: Eucalipto
Móveis
Ergonomia
Design
Eucalyptus
Furniture
Ergonomy
Design
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL::TECNOLOGIA E UTILIZACAO DE PRODUTOS FLORESTAIS
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de
Programa: Mestrado em Ciência Florestal
Citação: SOUZA, Maria Odete Alves de. Wood of Eucalyptus camaldulensis Dehnh and Eucalyptus urophylla S.T. Blake in the furniture industry. 2007. 109 f. Dissertação (Mestrado em Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2007.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3173
Data do documento: 28-Fev-2007
Aparece nas coleções:Ciência Florestal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,49 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.