Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3175
Tipo: Dissertação
Título: Projeção do estoque de carbono e análise da geração de créditos em povoamentos de eucalipto
Título(s) alternativo(s): Carbon stock projection and credit generation analysis in Eucalypt stands
Autor(es): Silva, Rodrigo Firmino da
Primeiro Orientador: Soares, Carlos Pedro Boechat
Primeiro coorientador: Jacovine, Laércio Antonio Gonçalves
Segundo coorientador: Silva, Márcio Lopes da
Primeiro avaliador: Silva, Gilson Fernandes da
Segundo avaliador: Leite, Hélio Garcia
Abstract: O presente estudo teve como objetivos predizer a produção volumétrica e o estoque de carbono nos fustes das árvores em povoamentos de eucalipto, por meio do ajuste de modelos de crescimento e produção, e avaliar economicamente a inclusão dos créditos de carbono nos projetos florestais, mediante o uso de critérios quantitativos. Para isso, utilizaram-se dados de povoamentos de Eucalyptus grandis localizados no município de Guanhães Minas Gerais. De posse das equações de volume e carbono para o fuste das árvores individuais e de 95 parcelas permanentes, ajustou-se o modelo de crescimento e produção de Clutter (1963) para projeção da produção volumétrica e do estoque de carbono. A classificação da capacidade produtiva foi obtida por meio dos índices de local, pelo método da curva-guia. A determinação das idades técnicas de colheita (ITC), considerando três classes de produtividade e os estoques volumétrico e de carbono por hectare, foi feita com base nos máximos incrementos médios anuais (IMA). A avaliação econômica e a determinação da rotação econômica foram realizadas, utilizando critérios quantitativos: valor anual equivalente, valor presente líquido, taxa interna de retorno, razão benefício/custo e valor esperado da terra e uma taxa de desconto de 10% ao ano. Após as análises, verificou-se que: o modelo de crescimento e produção proposto por Clutter (1963) foi adequado para predizer a produção futura volumétrica e do estoque de carbono, mantendo a coerência entre as idades técnicas de colheita e as capacidades produtivas; as idades técnicas de colheita (ITCs) foram praticamente iguais para o estoque volumétrico e para o estoque de carbono; há relação direta, na ordem de 86,15%, entre a produção de madeira, em m³/ha, e o estoque de carbono, em tonelada de CO2/ha; os certificados de emissões reduzidas (CERs) contribuem positivamente para a viabilidade econômica de projetos florestais em locais de baixa produtividade; e, na análise de sensibilidade, a variação do preço da madeira foi o item que mais afetou a viabilidade econômica dos projetos. Por outro lado, os CERs influenciaram muito pouco.
The objective of this study was to predict the volumetric production and carbon stock in tree stems in Eucalypt stands, by adjusting the growth and production models as well as to economically evaluate the inclusion of carbon credits in forest projects by using quantitative criteria. Thus, data from Eucalyptus grandis stands, located in Guanhães-Minas Gerais, were used. Based on the volume and carbon equations for the stems of individual trees and for 95 permanent plots, the Clutter growth and production model (1963) was adjusted for volumetric production and carbon stock projection. Productive capacity classification was obtained by means of the local indexes, by the guide-curve method. Determination of the technical age of cutting (ITC's), considering three productivity classes and volumetric and carbon stocks per hectare, was carried out based on mean maximum annual increments (MAI). Economic evaluation and economic rotation determination were carried out using quantitative criteria: equivalent annual value, present net value, internal return rate, benefit/cost ratio, and expected land values and a discount rate of 10% per year. After the analyses, it was verified that: the growth and production model proposed by Clutter (1963) was adequate to predict future volumetric production and carbon stock, maintaining coherence between harvesting technical ages and yield capacities; technical ages of cutting (ITC's) were practically the same for volumetric production and carbon stock; there is a direct relation, in the order of 86.15%, between wood production in m³/ha, and carbon stock in ton of CO2/ha; the Reduced Emission Certificate (CER's) contribute positively for the economic viability of forest projects in places with low productivity ; and, the sensitivity analysis showed that wood price variation was that most affected the economic viability of the projects, in contrast with the RECs, which had little influence.
Palavras-chave: Sequestro de carbono
Eucalipto
Crescimento
Produção florestal
Carbon sequestration
Eucalypt
Growth
Forest production
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL::MANEJO FLORESTAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de
Programa: Mestrado em Ciência Florestal
Citação: SILVA, Rodrigo Firmino da. Carbon stock projection and credit generation analysis in Eucalypt stands. 2007. 65 f. Dissertação (Mestrado em Manejo Florestal; Meio Ambiente e Conservação da Natureza; Silvicultura; Tecnologia e Utilização de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2007.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3175
Data do documento: 7-Fev-2007
Aparece nas coleções:Ciência Florestal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf230,03 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.