Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3233
Tipo: Dissertação
Título: Crescimento econômico no Estado do Maranhão: uma análise espacial dos dados para o período de 1991 a 2000
Título(s) alternativo(s): Economical growth in the State of Maranhão: a space analysis of the data for the period from 1991 to 2000
Autor(es): Cunha, Alex Sandro Aires da
Primeiro Orientador: Fontes, Rosa Maria Olivera
Primeiro coorientador: Gomes, Adriano Provezano
Segundo coorientador: Fontes, Maurício Paulo Ferreira
Primeiro avaliador: Dias, Roberto Serpa
Segundo avaliador: Toyoshima, Sílvia Harumi
Abstract: O presente trabalho teve como objetivo analisar empiricamente se os municípios do Estado do Maranhão estão passando por um processo de convergência de renda per capita no período de 1991 a 2000. Foi identificada a presença de autocorrelação espacial positiva e significativa entre as localidades dos municípios do Estado e suas respectivas taxas de crescimento econômico no período de 1991 a 2000, entre as localidades dos municípios e seus respectivos PIB s per capita em 1991 e entre as localidades dos municípios e seus respectivos PIB s per capita em 2000, que permitiram identificar os efeitos de externalidades espaciais sobre eles e suas extensões geográficas. Assim, a autocorrelação espacial positiva indicou que, em geral, por exemplo, municípios com altas taxas de crescimento do PIB per capita no período de 1991 a 2000 tendem a ser rodeados também por municípios com altas taxas de crescimento do PIB per capita no período de 1991 a 2000 e, ou, municípios com baixas taxas de crescimento do PIB per capita no período de 1991 a 2000 tendem a ser rodeados também por municípios com baixas taxas de crescimento do PIB per capita no período de 1991 a 2000. Como a autocorrelação espacial assumiu a forma de erro auto-regressivo, o modelo mais apropriado para analisar o crescimento econômico com a presença de dependência espacial nas cidades maranhenses na década de noventa foi o modelo proposto por Rey e Montouri (1999) onde termo de erro εt da equação original de β-convergência de Barro e Sala-i-Martin (1992) segue um processo espacial autoregressivo. Ou seja, o modelo de Erro Espacial. Os resultados obtidos indicaram evidência de convergência condicional das rendas per capita desses municípios. Isso significa que tais municípios movem para suas próprias rendas per capita de estado estacionário perpetuando-se, assim, as disparidades entre eles. Fica destacado o papel do Estoque de Capital Humano, do Índice Tecnológico Agropecuário (ITA) e da Taxa de Urbanização, na promoção de externalidades positivas, que geram crescimento econômico não só para um município, mas também para sua vizinhança. A econometria espacial mostrou-se uma ferramenta econométrica importante para realização deste estudo. Portanto, a existência de dependência espacial entre os municípios pode sugerir que investimentos públicos devem ser regionalmente coordenados. Vale destacar a importância dessas variáveis no crescimento econômico da região Sul do estado do Maranhão.
This study aimed to examine empirically if the cities of the state of Maranhão in Brazil are going through a process of convergence of per capita income in the period from 1991 to 2000. It have been identified the presence of positive and significant spatial autocorrelation between the localities of the cities of the state and their respective rates of economic growth from 1991 to 2000, between the towns and their respective per capita income in 1991 and between localities cities and their respective per capita income in 2000, which identified the effects of external space on them and their geographical extensions. Thus, the positive spatial autocorrelation indicated that, in general, cities with high rates of growth of per capita income, in the period from 1991 to 2000 also tend to be surrounded by cities with high rates of growth of per capita income, in the period of 1991 to 2000, and or the cities with low rates of growth per capita income also tend to be surrounded by cities with low rates of growth of per capita income in the same period. As the spatial autocorrelation took the form of autoregressive error, the most appropriate model to analyze economic growth in the presence of spatial dependence in cities of Maranhão in the nineties, was the model proposed by Rey and Montouri (1999) where error εt of the original equation of β- convergence of Barro and Sala-i-Martin (1992) follows a spatial autoregressive procedure. In other words, the Error Space Model. The results showed evidence of conditional convergence of per capita incomes of those cities. This means that this cities move their own per capita incomes of stationary state perpetuating itself, the disparities between them. It is evident the role of the Stock of Human Capital, the Technological Index Agricultural (ITA) and the Rate of Urbanization in the promotion of positive externalities, which generate economic growth, not only for a single city, but also for their neighborhood. The spatial econometrics showed to be an important tool for completion this econometric study. So the existence of spatial dependence among cities may suggest that public investment should be regionally coordinated. It is worth emphasizing the importance of these variables in the economic growth of the southern state of Maranhão.
Palavras-chave: Convergência de renda
Geografia econômica
Econometria espacial
Convergence of per capita income
Economic geography
Spatial econometric
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA::CRESCIMENTO, FLUTUACOES E PLANEJAMENTO ECONOMICO::CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO ECONOMICO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Desenvolvimento econômico e Políticas públicas
Programa: Mestrado em Economia
Citação: CUNHA, Alex Sandro Aires da. Economical growth in the State of Maranhão: a space analysis of the data for the period from 1991 to 2000. 2008. 68 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento econômico e Políticas públicas) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3233
Data do documento: 16-Mai-2008
Aparece nas coleções:Economia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf258,77 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.