Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3365
Tipo: Dissertação
Título: Licenciamento, conflito e justiça ambiental: uma análise a partir dos coletivos em rede na Zona da Mata mineira
Título(s) alternativo(s): Licensing, conflict and environmental justice: an analysis from the collective network in Zona da Mata mineira
Autor(es): Santos, Pollyana Martins
Primeiro Orientador: Ludwig, Márcia Pinheiro
Primeiro coorientador: Oliveira, Marcelo Leles Romarco de
Segundo coorientador: Loreto, Maria das Dores Saraiva de
Primeiro avaliador: Almeida, Nilo Américo Rodrigues Lima
Abstract: A presente pesquisa tem por objetivo descrever e analisar o processo de formação da rede social identificada na Zona da Mata mineira, estruturada em prol da defesa dos interesses de comunidades atingidas por barragens. Buscou-se identificar o campo de valores em torno do qual a mesma foi construída, bem como destacar as limitações, conquistas e perspectivas de sua atuação na construção de justiça ambiental. Assim, tomando-se como pano de fundo a perspectiva da sociedade organizada em rede, tal como trazida por Castells (1999), a rede social sob análise foi problematizada enquanto uma rede social formada por nós coletivos, ou, em outras palavras, conforme expressa Sherer-Warren (2006), enquanto coletivos em rede, ou seja, uma rede que é formada por outras redes. Nesta medida, a rede social que consistiu em nosso objeto de estudo insere-se num contexto muito mais amplo, tornando-se, ela mesma, enquanto rede, também o nó de uma estrutura mais complexa que é designada por Sherer-Warren (2006) como rede de movimento social. Desta maneira, ao buscar evidenciar as contradições advindas da implantação de empreendimentos como as hidrelétricas que, legitimados como indispensáveis para o desenvolvimento do país, pouca margem de opção têm deixado para as populações locais a respeito das escolhas do chamado desenvolvimento , a rede social analisada, como rede e também como nó, tem evidenciado a sua importância na contribuição para com o processo de legitimação de direitos e construção de justiça ambiental.
The present study aims to describe and analyze the formation process of the identified social network in the Zona da Mata in the state of Minas Gerais, Brazil, structured for the defense of the interests of communities affected by dams. We sought to identify the field of values around which the network was built, as well as highlight the limitations, conquests and prospects for its performance in the construction of environmental justice. Thus, taking as background the prospect of organized society in network, as brought by Castells (1999), the social network under analysis was understood as a social network formed by collective nodes, or, in other words, as expressed by Sherer-Warren (2006), collective in network, ie, a network that is formed by other networks. To this extent, the social network that was our object of study is part of a much broader context, becoming itself not only a network, but also the node of a more complex structure that is designated by Scherer-Warren (2006) as a social movement network. Thus, seeking to highlight the contradictions arising from the implementation of ventures such as dams that, legitimized as essentials to the development of the country, have left little room of choice for local people imposed by the choices made for the "development", the social network analyzed, as network and node, has shown its importance in contributing to the process of legitimation of rights and construction of environmental justice.
Palavras-chave: Barragens hidrelétricas
Conflito ambiental
Redes sociais
Justiça ambiental
Hydroelectric dams
Environmental conflict
Social network
Environmental justice
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA DOMESTICA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Economia familiar; Estudo da família; Teoria econômica e Educação do consumidor
Programa: Mestrado em Economia Doméstica
Citação: SANTOS, Pollyana Martins. Licensing, conflict and environmental justice: an analysis from the collective network in Zona da Mata mineira. 2012. 182 f. Dissertação (Mestrado em Economia familiar; Estudo da família; Teoria econômica e Educação do consumidor) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3365
Data do documento: 18-Jun-2012
Aparece nas coleções:Economia Doméstica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,33 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.