Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3412
Tipo: Dissertação
Título: A institucionalização asilar na percepção do idoso e de sua família: o estudo do Lar dos Velhinhos Viçosa/MG
Título(s) alternativo(s): The elderly institutionalization at the elderly perception and their family: the study of Lar dos Velhinhos Viçosa/MG
Autor(es): Dias, Ingrid Gomes
Primeiro Orientador: Teixeira, Karla Maria Damiano
Primeiro coorientador: Loreto, Maria das Dores Saraiva de
Segundo coorientador: Mafra, Simone Caldas Tavares
Primeiro avaliador: Silva, Neuza Maria da
Segundo avaliador: Tinôco, Adelson Luiz Araújo
Abstract: A evolução demográfica brasileira tem marcado significativamente sua configuração e, conseqüentemente, as relações intergeracionais. O processo de envelhecimento não se resume apenas aos aspectos demográficos, mas estende-se, também, à criação e ao cumprimento de políticas públicas para um segmento que demanda melhores condições de saúde, habitação, aposentadoria e pensões, assistência social e condições dignas de existência. Este trabalho buscou analisar comparativamente a percepção da família e do idoso quanto aos aspectos associados à institucionalização asilar dos idosos atendidos no asilo Lar dos Velhinhos , na cidade de Viçosa-MG, suas necessidades e expectativas, visando contribuir com o desenvolvimento e a adequação de políticas sociais na busca pela qualidade de vida deste segmento populacional. As questões que nortearam esta pesquisa foram construídas a partir das seguintes indagações: no asilo Lar dos Velhinhos , em Viçosa-MG, quais são os fatores que levaram à institucionalização asilar do idoso, na percepção dos idosos e de suas respectivas famílias? Qual é a expectativa apresentada pelas famílias ao transferirem a responsabilidade do cuidado de seus idosos para instituições asilares? Como ocorre o relacionamento intergeracional a partir da institucionalização asilar do idoso? Quais são as perspectivas e expectativas do idoso institucionalizado? O idoso apresenta sentimento de pertencimento e identificação à instituição e às suas regras? A justificativa da busca deste conhecimento baseia-se no fato da existência de pouco referencial bibliográfico na literatura brasileira sobre a questão proposta. Em termos de metodologia, selecionou-se como local de estudo o asilo Lar dos Velhinhos , localizado na cidade de Viçosa - MG. A amostra deste estudo foi composta por 11 idosos, que atendiam ao requisito básico da pesquisa, ou seja, de possuir família e capacidade mental normal e memória preservada. A metodologia utilizada foi a abordagem qualitativa, tendo sido a técnica de coleta e construção de dados pautada, em um primeiro momento, na análise dos registros da instituição e, em um segundo momento, em entrevistas com os idosos e suas respectivas famílias. Por meio deste estudo pôde-se observar que os fatores que levaram à institucionalização asilar estavam relacionados a problemas de saúde, a conflitos familiares e à vontade própria. De acordo com a percepção familiar, a institucionalização não é vista como abandono, mas como necessidade e cuidado, motivada pelo desejo das famílias de apoiarem seus idosos por meio de um atendimento profissional, fato que gerou satisfação para o idoso e melhorou a convivência familiar. O idoso institucionalizado, na sua maioria, não possui expectativas em relação à instituição, inexistindo um sentimento de pertencimento e identificação dos internos em relação ao asilo. Com base nestes resultados, pode-se concluir que apesar da existência do Estatuto do Idoso, muitas vezes, suas determinações não são cumpridas, pela inadequação destas à realidade brasileira e pela falta de suporte e incentivo do Estado para com as famílias e as instituições asilares.
The brazilian demographic evolution has marked significantly his configuration and, consequently, the relations among different generations. The aging process is not restricted only to the demographic aspects, but it is also extended to the creation and fulfillment of public politics for a segment that demand better conditions of health, habitation, retirement and pensions, social assistance and worthy conditions of existence. This paper searched to analyze comparatively the perception of the family and the elderly into the aspects associated to the institutionalization of the elderly that live in the nursing home called Lar dos Velhinhos , located in the city of Viçosa-MG, their necessities and expectations, aiming to contribute with the development and adequacy of social politics in the search for quality of life of this population segment. The questions that had guided this research had been constructed from the following investigations: in the nursing home called Lar dos Velhinhos , located in Viçosa-MG, which are the factors that took to the elderly institutionalization in the perspective of the elderly and their respective families? Which is the expectation presented by the families when they re transferring the care responsibility of their elderly (defined for the historicalcultural tradition and religious rules) for nursing homes? How occur the among different generations relationship from the institutionalization of the elderly? Which are the perspectives and expectations of the institutionalized elderly? The elderly present feelings of belonging and identification to the institution and the rules of the place? The reason to the search of this knowledge is based in the fact of the little bibliographical material existence in Brazilian literature about the proposed question. In methodology terms, the nursing home chose as the local of study was Lar dos Velhinhos , located in the city of Viçosa-MG. The sample of this study was composed for 11 elderly that had basic requirement for research, which is to have a family, normal mental functions and preserved memory. The methodology used was the qualitative boarding, the collection technique and the data construction, in the first moment, the institution registers analysis and, in the next moment, interviews with elderly and their respective families. Through this study we were able to observe that the factors that took the elderly institutionalization were related to health problems, familiar conflicts and voluntarily. In accordance with familiar perception, the institutionalization is not seen as abandonment, but as necessity and care, motivated by the desire of families in supporting their elderly through a professional attendance, what gave satisfaction to elderly and improved the familiar life. The elderly institutionalized, in their majority, doesn t have expectations related to the institution, inexisting a feeling of belonging and identification of the interns related to the nursing home. With these results, we can conclude that even the existence of the Elderly Statute; many times their determinations are not fulfilled by these inadequacies to the Brazilian reality and by the lack of support and incentive from the State to the families and the nursing homes.
Palavras-chave: Idoso
Família
Institucionalização asilar
Elderly
Family
Elderly institutionalization
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA DOMESTICA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Economia familiar; Estudo da família; Teoria econômica e Educação do consumidor
Programa: Mestrado em Economia Doméstica
Citação: DIAS, Ingrid Gomes. The elderly institutionalization at the elderly perception and their family: the study of Lar dos Velhinhos Viçosa/MG. 2007. 106 f. Dissertação (Mestrado em Economia familiar; Estudo da família; Teoria econômica e Educação do consumidor) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2007.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3412
Data do documento: 18-Mai-2007
Aparece nas coleções:Economia Doméstica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf397,77 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.